pimenta

A transparência é o melhor caminho para trazer ao Congresso a verdadeira pauta da sociedade. #Brasil

Projeto de Lei que altera o Quadro Especial já está no Congresso

setembro 3, 2012 |

Projeto de lei que altera o Quadro Especial do Exército Brasileiro chegou ao Congresso Nacional na última sexta-feira (31). A informação foi confirmada pelo deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), que é reconhecido pelo trabalho em defesa da classe.

De acordo com Pimenta, o encaminhamento da proposta ao Congresso, além de significar uma vitória para os militares QEs, premia todos que sempre acreditaram e lutaram pela valorização do Quadro Especial. “Com o envio do projeto pelo Poder Executivo, superamos mais uma etapa em nossa caminhada. O próximo passo é trabalhar em conjunto com a classe em busca do aprimoramento do texto”, lembrou Pimenta.

Sobre o teor proposta, Pimenta afirmou que é preciso fazer uma análise técnica do projeto e, a partir disso, articular algumas mudanças em benefício da classe. A meta, de acordo com Pimenta, é garantir o aperfeiçoamento do texto, buscando atender o máximo de reivindicações possíveis colocadas pela classe, bem como para o debate sobre a situação dos militares QESA e QEMAR.

“Em nossa caminhada recebemos inúmeras críticas, mas, mesmo com todas essas dificuldades, em nenhum momento deixamos de acreditar e trabalhar pela valorização do Quadro Especial. Agora, seguimos com passos firmes em busca desta tão sonhada conquista para a família QE. Obrigado pelo apoio de todos”, destacou Pimenta.

Clique aqui e conheça o PL 4373_2012
Qe 300x158 Projeto de Lei que altera o Quadro Especial já está no Congresso

367 Comentários on “Projeto de Lei que altera o Quadro Especial já está no Congresso”

  • CLOVIS - RS setembro 3rd, 2012 7:32 pm

    Gostaria de saber, para acompanhamento, o número do PL.

    Atenciosamente, Clovis Antonio Vieira de Souza

  • pimenta setembro 3rd, 2012 7:34 pm

    Projeto de Lei 4373/2012

  • Sgt Campos Jf/Mg setembro 3rd, 2012 8:54 pm

    Que Deus nos ilumine nessa nova caminhada, pois estamos perto da tao sonhada vitória. Pimenta neles!!!

  • Emerson - RJ setembro 3rd, 2012 8:55 pm

    Dep. Paulo Pimenta, muito obrigado! Contamos com sua ajuda. Obrigado.

  • ARLINDO CAVALCANTI setembro 3rd, 2012 9:56 pm

    A crítica é o combustível da persistência. Muito obrigado por entender que sem Justiça Social não existe esonomia.

  • joao candido setembro 3rd, 2012 10:49 pm

    NUNCA DEIXEMOS DE ACREDITAR NO SENHOR E O SENHOR TERA SEMPRE A NOSSA GRATIDÃO. OS 05 DE SANTA MARIA-RS

  • Marcos Rosa setembro 3rd, 2012 11:09 pm

    Caro Dep. obrigado e parabéns pela luta a favor ao QE, mas as informações na ponta da linha chega distorcida, não sabemos o que falta e como vai ser, e quando. Em uma reunião em Bagé, um general chegou a disser que o congresso votaria a qualquer instante. O Sr tem como nos dizer algo concreto, o que falta?

  • joao candido setembro 3rd, 2012 11:09 pm

    OS O5(CINCO) DE SANTA MARIA-RS SEMPRE A ACREDITARAM NO SENHOR TERAS A NOSSA ETERNA GRATIDÃO.

  • luis eleno setembro 3rd, 2012 11:09 pm

    Agora que a luta vai começar…só estávamos calçando as luvas….Eleno

  • Moizés Pires de Moraes setembro 3rd, 2012 11:10 pm

    O PL 4373/2012 naum contempla o pessoal na inatividade, existe previsão de se votar isso?

  • ivan somariva setembro 3rd, 2012 11:14 pm

    obrigado Nobre Deputado, por mais essa conquista, somos sabedores de sua luta em prol dos QEs, tambem gostaria de agradecer a Ministra Gleissi Hoffmann que demonstrou muito interesse por nossa causa e ao Carbone, não posso deixar em branco a participação do Dep Estadual Professor José Lemos de Cascavel – PR, que proporcionou um encontro com o Ministra quando da estada em Cascavel – PR, Professor Lemos sempre esteve nos apoiando.
    Mas sabemos que essa luta é sua, no entanto não poderia deixar de registra a participação expressiva dessas autoridades que muito contribuiram para que o projeto chegasse a essa casa de Leis.
    Gostaria de informar que pode contar com todos os QEs, para sugestões que se fizerem necessárias para o aperfeiçoamento desse projeto.

    OBRIGADO DEPUTADO PIMENTO, que o bom Deus abençõe ao senhor e sua família, que sua vida seja coberta de graças.

  • matbel boina azul setembro 3rd, 2012 11:19 pm

    caro deputado seria possível informar um prazo após a chegada do proj à câmara, até a sonhada promoção?

  • Marcilio Alves setembro 3rd, 2012 11:50 pm

    Blz. Já visitei o site da Câmara dos Deputados e me cadastrei para acompanhar o PL 4373/2012. Eu acho que agora vai!!!

  • Pedro Alves setembro 4th, 2012 12:01 am

    Aqueles que atingiram o interstício ainda na ativa devem ser contemplados.
    É questão de justiça.
    A prova disso é que já existe QE 2º Sgt por ordem judicial.

    Obrigado Deputado.

  • Sgt Marcos - DF setembro 4th, 2012 12:02 am

    Galera vamosa companhar de perto. Entrem na página Camara Federal e cadastrem-se para acompanhar, re4ceber e-mails sobre o desenrolar do PL
    http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=554206

  • Rogério - JF setembro 4th, 2012 12:07 am

    Exmo Sr. Dep. Paulo Pimenta.

    Fica aqui o registro do meu pedido de desculpas.
    Por vários momentos pensei que V.Exa havia abondanado o barco, mas reconheço que estive
    enganado. Obrigado pelo apreço e determinação que tem demonstrado junto a família QE.

  • jc setembro 4th, 2012 1:17 am

    Estar valendo apena confiar em tão nobre deputado.
    confiem também vamos enviar comentários

    um abraço

  • mario setembro 4th, 2012 1:46 am

    SO POSSO DIZER UMA COISA… OBRIGADO DEP PIMENTA

  • HELIO ALVES 3º Sgt QE Recife-PE setembro 4th, 2012 1:50 am

    Boa noite Sr Dep Paulo Pimenta, quero mais uma vez agradecer pelo seu empenho com o Quadro Especial do Exército, é lamentavel que não somos valorizado pelos nossos pares, mais no entanto temos um grande guerreiro em favor de nossa classe agora mais do que nunca estamos mais confiante em Deus e no Senhor Deputado, infelizmente o E.M. Nº 00324/MD de 5 Dez 11 no item 6(anexo ao Projeto de Lei) diz que não temos capacitação e desempenho profissional ! ( no entanto eles acham que não podemos ser promovidos a graduação de segundo-sargento mais exercemos funções de até Sub Ten e muito bem assim vejamos o Dec-Lei nº 200 25 Fev 67 Art 188 paragrafo 2º Cargo militar é aquele que, de conformidade com as disposições legais ou quadros de efetivos das Forças Armadas, só pode ser exercido por militar em serviço ativo (exemplos das funções exercidas de igualdade, Sgt de Dia, Cmt da Guarda, exame Contra-Cheques, identificador de Corpo de Tropa e outros. De fato exercemos as mesmas funções, que 3º, 2º, 1º Sgt de carreira com e sem CAS, entretanto não diferenciamos também dos 3º Sgt Tecnicos Temporários que formado num periodo curto de 30 (trinta) dias isso é só um resumo para seu conhecimento abraço e não esqueça dos colegas o qual já ingressaram a inatividade pois o direito é liquido e certo a todos vamos rumo a VITORIA ATÉ BREVE

  • Marcelo Antônio setembro 4th, 2012 2:31 am

    É nobre Deputado, só o Sr. para fazer justiça para com a nossa classe do QE, o pessoal do EB nos sugou até o talo e agora está nos descartando, estou indo para a reserva no final de dezembro de 2012 e não vou ser contemplado com essa promoção, sem falar que quando eu incorporei nas fileiras do Exército, o militar quando ia para a reserva ia com um posto acima.
    Fico eu pensando, dediquei 30 anos de efetivo serviço (sem faltar um dia) em prol do Exército, saio de cabeça erguida com a MISSÃO CUMPRIDA e com um salário de R$ 2.450,00, e um detalhe, tenho o ensino médio completo, como a maioria da nossa classe do QE.

    Será que valeu a pena!!!

  • 3 Sgt Fonseca setembro 4th, 2012 4:13 am

    Gostaria de parabenizar o Deputado pelo encaminhamento da proposta. Todos sabem que a iniciativa partiu de uma idéia que deu certo na Policia Militar do RS.
    Só espero que a Lei nao demore muito para ser sancionada, pois há muitos sargentos QE que passarão para a Reserva Remunerada ainda este ano e, pelo que parece, o Exército não reconhece que nós temos condições intelectuais (erradamente) de ser promovidos a graduações superiores a 2 Sargento, como consta do Parecer do MD. Portanto, seria interessante aprová-la do jeito que está. Mais vale um pássaro na mão que dois voando!

  • QESA-RS setembro 4th, 2012 7:26 am

    A luta esta apenas começando, acreditamos no empenho do Deputado em modificar o texto original alcançando as 3 Forças, temos que ir a SO como os taifeiros da FAB. Chegou a hora de acabar com as injustiças com o Quadro Especial, agradeço ao Dep. Paulo Pimenta.

  • J. DANIEL setembro 4th, 2012 1:50 pm

    Q Dues abençoe o Deputado Paulo Pimenta, nessa caminhada, em prol dos Sargentos do Quadro Especial.

  • J. DANIEL setembro 4th, 2012 1:53 pm

    Q Deus abençoe o Deputado Paulo Pimenta, nessa caminhada, em prol dos Sargentos do Quadro Especial.

  • carlos de sousa miranda setembro 4th, 2012 2:14 pm

    Bom dia Deputado Paulo Pimenta

    Essa Justificativa para não promover a graduação de até Subtenente e uma vergonha.
    Ao completar 10 anos de serviço o Cabo tem que apresentar o diploma de nível secundário o antigo 1º grau. Que era para equiparar os sargentos de escolas que era exigido somente o nível médio. Somente nos últimos concursos que foram exigidos nível médio.
    Simples resolver isso. Segui na carreira que tem segundo grau completo. Isso vai exigir que o Sargento estude. Vale salientar que 98% já tem nível Médio 50% tem nível Superior e 10% tem Posgraduação.

  • ROGERIO MARQUES setembro 4th, 2012 2:34 pm

    Caro Deputado Paulo Pimenta, Muito obrigado por defender a nossa Classe de QEs. (Fé na Missão).

  • Vicente de Souza - luziânia-Go setembro 4th, 2012 2:41 pm

    Deputado Paulo Pimenta, eu sou do quadro QESA, da reserva e estou confiando em DEUS e no senhor, para sair nossa promoção.
    Um abraço e fica com Deus!

  • Arnaldo Gomes setembro 4th, 2012 2:55 pm

    Dep. Paulo Pimenta, muito obrigado pelo seu trabalho, ñ será esquecido pela crase Contamos com sua ajuda. Obrigado.

  • CAXIAS-RJ setembro 4th, 2012 3:01 pm

    Sr.Deputado PAULO PIMENTA:
    Mas uma vez este Quadro Especial se enche de novas esperanças e espectativas, todos estão em uma só torcida para que tudo venha ao nosso favor, mas nós também
    pedimos que nunca se esqueça do companheiros da (RESERVA), pois eles estão no
    mesmo barco, nas mesma dificuldades.
    Lembre-se as turmas de 83,84,85 estão com os dias contados e precizam ser promovidos o mas rápido possivel.

  • CAXIAS-RJ setembro 4th, 2012 3:08 pm

    Justificar que não poderemos ser promovido por falta de escolaridade, ou cursos, etc é simplismente ridiculo, poderiam ter escolhido outra desculpa para tantos anos de abandono, todos sabem da grande importancia do QE nos Quartés, somos sabedores do profissionalismo dessa gente, quebra meu galho arruma outra desculpa e não bote o QE no lixo, SOMOS UM DOS MAS IMPORTANTES NAS OMs.

  • 3 Sgt Fonseca setembro 4th, 2012 3:08 pm

    O número 8. da Exposição de Motivos do MD tem uma incorreção … Para ser promovido à graduação de 1º sargento ou de 2º sargento precisa ser aprovado no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos, (…)
    O correto é 1º sargento ou subtenente (…)
    Quanto às habilitações para desempenho de cargos exclusivos de ST ou 1 Sgt, não é a realidade que vivemos nos quarteis, na minha Unidade a maioria dos Sgt QE desempenham funções no S1, S2, S3, Com Soc e Sec Infor, respondendo por funções de gerenciamento na ausencia de 1 Sgt ou ST.

  • CAXIAS-RJ setembro 4th, 2012 3:12 pm

    QE DO BRASIL:
    PROFESSORES COM DIPLOMAS NÃO RECONHECIDOS. IMPORTANTES NAS MAS DIFICEIS MISSÕES,ESQUECIDOS NAS HORAS DO RECONHECIMENTO.
    OU SEJA BURRO DE CARGA.

  • josias setembro 4th, 2012 3:28 pm

    valeu dep paulo pimenta os cabos e sgts QES estamos grato pelo esfosso de sua parte e sua equipe que Deus os abençõe e lhes conceda graça.
    muito obrigado por este passo que nos mostra a vitória. um forte abraço a vc e a todos os que estão envolvidos neste projeto e sua equipe em especial.

  • Daniel Pacheco setembro 4th, 2012 3:56 pm

    Sr Deputado,ficamos muito feliz com seu empenho a favor de nossa causa, mas gostaríamos de saber qual será o tempo para esse projeto de lei sair do papel, pois a maioria de nossos companheiros ( inclusive eu) estamos prestes a partir para a reserva e depois não poderemos pleitear esse benefício. Qual é o tempo para tramitar e ser votado esse tão esperado Projeto de Lei?

    Desde já Agradeço!

  • EVS setembro 4th, 2012 4:07 pm

    Pelo amor de Deus, tem muito QE para ir embora e espero que os mesmos alcance o benefício do projeto. Pq e tão dificil para nos QE

  • joão carlos miloch setembro 4th, 2012 4:13 pm

    JAMAIS DEIXEI DE ACREDITAR NO DEPUTADO PAULO PIMENTA,ACREDITO QUE AGORA A LUTA VAI COMEÇAR.TEMOS QUE TER CONFIANÇA POIS FOI O DEPUTADO PAULO PIMENTA E O SENADOR,QUE DERÃO A CARA TAPA E NÃO NOSSOS CHEFES.

  • SILVA setembro 4th, 2012 5:05 pm

    Obrigado nobre Dep Paulo Pimenta, DEUS abençoe o Sr e dignissima família. Sempre no meu comentário a minha convicção seria a VITORIA E ELA AGORA ESTA SE CONCRETIZANDO, POR QUE O TODO PODEROSO DEUS ESTA COM SUAS MÃOS SOBRE ESSA CAUSA.
    UM FORTE ABRAÇO A TODOS.

  • Sgt QE Marcos Vinicius, São Luiz Gonzaga-RS setembro 4th, 2012 5:21 pm

    Meus amigos, isso é apenas o começa de nossa caminhada, para buscarmos a Dignidade dos Sgts QE do Brasil. Graças a Deus, temos esse nobre Deputado, que nos está ajudando nessa conquista. Vamos todos nos unir, que nosso ideal será alcançando, obrigado a todos e vamos à luta.

  • branco setembro 4th, 2012 5:33 pm

    TEM QUE SE BUSCAR A GARANTIA DOS DIRETOS DOS QE QUE ESTÃO NA RESERVA E LUTARAM E SONHARAM COM ISSO. FAZER ALGO NOS MOLDES DA MARINHA/AERONÁUTICA QUE EXTENDEU OS DIRETOS A APROMOÇÃO A SUBOFICIAL PARA O PESSOAL DA SERVA, ALGO ENTORNO DE 5 (CINCO) AS P/AQUELES QUE JÁ FORAM PARA A INATIVIDADE.

  • Antonio Ferreira setembro 4th, 2012 6:09 pm

    Apresento meus agradecimentos por sua atuação em defesa do Quadro Especial do Exército, apenas Deus para retribuir.
    Comento o texto da proposta enviada pelo MD para apreciação da Presidência da República e posterior remessa ao Congresso, especialmente, os parágrafos 5 e 6, que, em seu conteúdo tratam os integrantes do Quadro Especial, genericamente, como pessoas sem instrução e sem qualificação, além de afirmar que, o Exército nunca teve a intenção de promover nenhum tipo de aperfeiçoamento profissional, então, pergunto: esse monte de despreparados, hoje na grande maioria, em funções de destaque nos Grandes Comandos de Área do Exército e mesmo em seu quartel general, fazem o que ???
    - Em sua condição de semianalfabetos e desqualificados, como podem ser em tão grande número ?
    - Sem capacidade intelectual nenhuma, como podem ter conseguido a estabilidade, não deram nada em troca ???
    - O Exército, na data de hoje, pode substituir todos se forem aposentados amanhã ???
    Estando para completar 30 anos de serviço dedicados a manter em dia e em ordem tudo quanto foi trabalho que me foi apresentado, esperava, não a promoção a Subtenente, pelo menos, RESPEITO.

    Fique com Deus.

  • FLAVIO setembro 4th, 2012 6:39 pm

    A LUVA RECOMEÇARÁ, E VAMOS JUNTOS COM NOSSO PATRONO GANHAR ESTA GUERRA.
    LUTAR POR NOSSOS COMPANHEIROS QUE JA FORAM PARA RESERVA, LEMBRO NA RESERVA SIM, MAS EM PLENO EXERCÍCIO DEMOCRÁTICO, ELES AINDA FAZEM A DIFERENÇA.
    ESTAREMOS DE OLHOS ABERTOS NESTA VOTAÇÃO E JUNTO COM NOSSOS FAMILIARES ORANDO PELO SUCESSO DE NOSSO PATRONO E DE NOSSO PROJETO, TODOS UNIDOS PODEMOS MUITO MAS.
    ESTE NÃO É APENAS UM PROJETO DE MELHORIA DO QUADRO ESPECIAL, MAS UM PROJETO QUE RESGATARÁ A DIGNIDADE DE BRAVOS SOLDADOS DE VERDADEIROS SERVIDORES DESTA PÁTRIA, DE VERDADEIROS HOMENS DISPOSTOS A MORRER POR ELA.

    PIMENTA NELES!!!!!!!!!!!!!

  • SGT QE JOAO PESSOA setembro 4th, 2012 6:41 pm

    parabens nobre deputado que DEUS te abencoe em nome de JESUS

  • Artur setembro 4th, 2012 6:58 pm

    O TEMPO SÓ É RUIM PARA QUEM NÃO SABE ESPERAR! FÉ EM DEUS E NO NOSSO QUERIDO DEPUTADO PAULO PIMENTA!!! COMO FALA O NOSSO QUERIDO LULA : A LUTA CONTINUA COMPANHEIROS!!!

  • Sgt Campos Jf/Mg setembro 4th, 2012 7:26 pm

    Estamos muito perto de algo que pra nós parecia impossivel,agora que o projeto esta no congresso, voltamos a sonhar com dias melhores, tenho certeza que o nobre Dep irá fazer suas articulaçoes politicas para fortalecer ainda mais seu objetivo que é nos ajudar; a familia QE agradece todo apoio.!!

  • Alex Sandro da Silva Bezerra setembro 4th, 2012 7:26 pm

    Boa tarde caro amigo Deputado Paulo Pimenta estamos vibrando muito aqui com pessoal do Rio de Janeiro lhe damos os parabéns por esta força que Deus possa lhe abençoar muito obrigado.

    Alex Sandro, Rj

  • Fabio setembro 4th, 2012 7:46 pm

    Siga em frente nobre Deputado, que DEUS te ilumine…………

  • Fabio setembro 4th, 2012 8:29 pm

    Nobre Deputado, que DEUS ilumine o seu caminho.

  • Sgt QE Brasil setembro 4th, 2012 8:53 pm

    Sr. Deputado Paulo Pimenta, é com muita satisfação que lhe envio este agradecimento. Os Sargentos QE por este Brasil todo já devem ter acompanhado durante anos muitas promessas, mas até hoje não havia chegado alguém que nos representasse tão bem, que realmente “não espera, faz acontecer”. Sei que o Sr. deve ter enfrentado muitos obstáculos para levar esta proposição à frente, mas não desistiu, continuou firme e obteve êxito. Pessoalmente, tenho uma dívida de gratidão com o Sr., pelo seu comprometimento, por sua sinceridade, por me fazer acreditar que existem políticos íntegros, que nos orgulham, parabéns.

  • 3º Sgt QE SANTOS setembro 4th, 2012 8:59 pm

    Entendo que não tem consistência o argumento utilizado pelo Ministério da Defesa para não encaminhar o PL prevendo a promoção no QE até 1º Sgt ou S Ten de que os militares do QE não estariam habilitados a desempenhar funções das citadas graduações, ou por terem sido estabilizados com somente a 4ª Série do Ensino Fundamental ou por não terem realizado cursos/estágios que os habilitassem a tal.
    Contra esse argumento basta citar que para a promoção a 3º Sgt QE é exigido que o militar seja portador de diploma do Ensino Fundamental completo, escolaridade exigida para ingresso nas escolas de sargentos há até poucos anos atrás. Outro fato é que, apesar de o Exército não contemplar os militares do QE com os cursos/estágios oferecidos para os sargentos formados nas Escolas de Formação, muitos desses militares realizam os cursos/estágios que são oferecidos a todos pelo Portal de Ensino do Exército, buscando aumentar seus conhecimentos para bem desempenhar suas funções que, ao contrário do que foi exposto na justificativa do PL, são de até S Ten. Por outro lado existe também a questão da experiência prática acumulada durante todo o tempo de serviço do militar. Junte-se aí que como expos o companheiro Carlos Miranda “98% já tem Ensino Médio, 50% tem nível Superior e 10% tem Pósgraduação”.
    No entanto, considero uma vitória termos conseguido que este PL chegasse ao Congresso Nacional. Agora cabe a nós cobrarmos e sugerirmos mudanças no Projeto e aos senhores deputados e senadores debaterem e chegarem ao melhor texto que possa fazer justiça aos integrantes desse Quadro tão marginalizado.
    Talvez uma solução, fosse adotar o sistema de meritocracia para a promoção até S Ten a exemplo de diversas polícias estaduais, onde é realizada uma prova e um estágio de adaptação que permitem às praças galgarem graduações mais altas. Assim poderia-se fazer justiça àqueles militares que prosseguiram em seus estudos e hoje possuem nível superior e até pósgraduações.

  • jaimiel setembro 4th, 2012 9:25 pm

    obrigado por estar conosco nesta luta. muitos dos nossos companheiros estão entrando para a resrva com o sentimento de que foram esquecidos pela instituição

  • samuel r viana setembro 4th, 2012 9:42 pm

    a luta continua, mas, já podemos contemplar uma luz favorável para a nossa classe (qe). continuo rogando a Deus votos de sucesso na sua carreira politica, social e familiar. muito obrigado.

  • Sgt Macêdo (72 BI Mtz) setembro 4th, 2012 10:17 pm

    Graças a Deus por este grande avanço na luta em favor da nossa Classe. Que Deus abençoe o Dep Paulo Pimenta e a nós também. Um abraço a todos.

  • Leonardo setembro 4th, 2012 10:44 pm

    É louvável os comentários dos nobres colegas,, com relação ao nível de escolaridades de nossos QE,, na OM, que sirvo vários deles possuem graduação e até pós-graduação,, a maioria são técnicos pós-médio (mecânicos, eletrotécnicos, eletrônicos, radiologistas, informática),, todos cursos reconhecidos pelo MEC,,, então não há cabimento em dizer que assumiremos função incompatíveis com nossa formação escolar… a promoção é uma conquista,, Parabéns a todos que tiveram coragem de expor seu ponto de vista, esperamos que siga em frente,,, pois a reserva já está próximo…

  • Marcos Rosa setembro 4th, 2012 10:49 pm

    Venho lembra o seguinte nessa nobre luta pelo Dep Paulo Pimenta, que, com o interstício da promoção não pode ser igual ao sargento da Escola – ESA, que é de 7 a 8 anos, pois muitos colegas, assim como eu, a quota compulsória que está prevista para os militares na Lei n° 6.880/80 – Estatuto dos Militares, nos impede de ser promovidos.

  • Felipe setembro 4th, 2012 11:34 pm

    Quanto ao projeto de lei, todo projeto de lei, ele passa por uma ou mais comissão da câmara dos deputados até chegar no plenário para ser votado e depois ainda segue para o senado. Ou seja, a tramitação de uma lei como essa que não é urgente pode levar até dez anos ou mais. Ainda mais que essa não tem o apoio do Comando do Exército (leia-se generais). Com isso, é mais fácil e palpável acreditar que vocês vão sair 2 Sargento, como quer o Exercito a partir de 2013 que vai ser mais rápido a aguardar a tramitação dessa lei, quando ela chegar numa dessas comissões, não vão ter mais sargento QE na ativa para se beneficiar. PORTANTO, Assessoria e Nobre Deputado Pedimos Agora Celeridade, pois sabemos que o senhor é o Cara.

  • Barreto setembro 4th, 2012 11:36 pm

    Vamos ficar atentos, porque o Injusto Exército vai agir por debaixo dos panos com sua tropa de choque na Câmara e Senado para atrapalhar. Fiquemos de Olho!!!!

  • mat bel boina azul setembro 4th, 2012 11:36 pm

    caro dep, muitos companheiros QE por vezes postaram comentários criticando sua postura de silencio, mas tenho certeza que esses colegas usaram todo os seus sentimentos, e isso e uma caracteristica do QE expressar os nosso s sentimentos mais reais.isso causa todo esse desconforto nos colegas da EsSa.e se muitas vezes escrevemos comentário de desconfiança era o que estávamos sentindo no momento.mas nunca deixamos de acreditar, por isso é meu dever por moral dizer que estamos vibrando com nunca e ao mesmo tempo pedir desculpas per certos momentos de desconfiança.grande abe rumo a vitória.

  • SELVA! setembro 4th, 2012 11:39 pm

    Boa noite Dep PAULO PIMENTA e Companheiros do QE, mais uma etapa vencida graças ao nobre Deputado!

    Deputado a família QE de todo Brasil lhe agradece pelo empenho e contamos com o Senhor para que continue batalhando por nós até a reta final!
    “DEUS ESTÁ NO CONTROLE”

  • erivaldo df setembro 4th, 2012 11:44 pm

    Obrigado nobre deputado por ter encarado esa guera com afinco nos do quadro especial estamos muito agradecido por v.ex e que deus lhe abençoe o senhor e sua familia

  • julio cesar maciel setembro 4th, 2012 11:59 pm

    Bom, chegamos onde ninguém esperava, acho que é um marco para a democracia, ficou claro que quem luta com dignidade, mais cedo ou mais tarde atinge seus objetivos. Agora vamos nos unir cada vez mais para fazer valer este sacrifício ao qual nós e nossas famílias estamos submetidos.

  • Osni - Pr setembro 5th, 2012 12:37 am

    ola boa noite.

    cumprimento a todos pelos comentários, se puder opinar, não é nos conformar mas aprovar o projeto como está já é uma grande consquista.

  • paulo qe setembro 5th, 2012 12:44 am

    GOSTARIA DE SABER COMO VAI FUNCIONAR AGORA, O QUE VAI ACONTECER E QUAL O TEMPO VAI SE LEVAR PARA TERMOS UMA POSIÇÃO. SE ALGUÉM SABE OS TRAMITES LEGAIS GOSTARIA QUE INFORMA-SE

  • JSevero-RS setembro 5th, 2012 12:52 am

    Obrigado pela luta em favor de nossa classe Sr. Deputado.
    Quanto ao Projeto refere-se claramente que os Sgts do QE, não possuem condições para desempenhar funções de Sgts concursados. Com certeza isso NÃO PROCEDE, pois, basta realizar uma breve pesquisa em qualquer Unidade do EB e logo será concluído que em muitos casos os referidos militares do QE, acupam cargos e/ou funções de grande importância, pois além de experiência possuem também alguns dos principais fatores exigidos para ser um bom militar, que é responsábilidade e carater, que em muitas repartições e funções que exigam um nível escolar elevado falta e muito! Conheço militares do QE que desempenham funções de Chefe de Seção, Encarregado de Armazens de munições e armamentos, Responsável por Enfermarias, Encarregado do Registro de Conformidade Documental de OM(ou seja o militar que avalia toda a documentação que comprove as despesas da Unidade); entre outras diversas funções “chaves” em nosso Exército. Só que tudo isso não aparece aos olhos de nossos grandes Cmdos, pois 3º Sgt com 4ª Série, seria incapaz de substituir os “Sgts de Escola”! Claro isso só na teoria!

    Obrigado! E vamos ver até quando vai, para termos reconhecimento
    de nosso valor!
    Quem sabe quanto todos estiverem na Reserva? Tomara que não! Vamos ter fé e pensamento positivo!
    Abraço!

  • wellington setembro 5th, 2012 1:22 am

    Caro Sr Deputado, ao ler no projeto que o mesmo não contempla aqueles que estão na inatividade, cheguei a conclusão que mais uma vez o Exército vai usar da discriminação a esses praças que na verdade sempre exercem funções chaves em suas Unidades. Pois existe um princípio constitucional que diz que toda lei nunca retroage para prejudicar, e sim para beneficiar, então não vejo o porque se o referido militar já está na reserva, más preenche os requisitos básicos da lei, e até por direito constitucional, deverá sim ser beneficiado com a tão MERECIDA promoção. Obrigado e que o Sr continue com este ímpeto de sempre olhar para as classes oprimidas deste País.

  • Sgt Tibúrcio - 3º SGT QE/RJ setembro 5th, 2012 2:04 am

    Caro Deputado, muito obrigado pela sua perseverança, sabemos que não foi facil até aqui, e sabemos tabém que não vai ser facil até o final, mas, em o nome do Senhor JESUS, a vitória é nossa, pois os humilhados serão exaltados e agora chegou a nossa hora, somos militares e não fugimos a luta, BRASIL ACIMA DE TUDO, abaixo de DEUS.

  • Roberto Martinz setembro 5th, 2012 2:40 am

    Quanto mais tempo demorar para a aprovação menos companheiros serão beneficiados, pois muitos já foram pra reserva e outros tantos já estão com o tempo de serviço quase completo.
    Pergunto se não é o caso de aprovar o PL 4373/2012 como está e só depois tentarmos melhorar…

  • Rios setembro 5th, 2012 9:48 am

    TERÇA-FEIRA, 4 DE SETEMBRO DE 2012 Comentario muito de Paulo Roberto

    Celso Amorim, Ministro da Defesa foi infeliz em suas palavras contra os Sargentos do Quadro Especial do Exército

    Por Paulo Roberto

    É de se admirar com as palavras do Ministro da Defesa Celso Amorim ao enviar um relatório para a Presidente Dilma sobre a promoção dos 3° Sargentos do Quadro Especial para 2° Sargento do Exército.

    Seu comentário foi INFELIZ por não ter qualquer conhecimento algum da tropa Brasileira e do que passou em seu passado, por quem ele foi comandado, com todas as suas faculdades.

    Antes que ele enviasse o projeto à Presidente Dilma, ele relatou que os 3° Sargentos do Quadro Especial do Exército, não tinham capacidade para sair 1° Sargento e Subtenente do Quadro Especial do Exército, segundo ele os mesmos não tinham 2° Grau (Ensino Médio) só a 4° séire do ensino fundamental e sem esta escolaridade não tinham capacidade de tomar de conta de DEPÓSITOS DE MATERIAIS;
    …………………………
    Palavras do Ministro Celso Amorim à Presidente Dilma:

    …………………………………………………
    A presente proposta foi elaborada considerando a necessidade de possibilitar, atendidos requisitos de tempo de serviço e de mérito, a promoção dos militares pertencentes ao Quadro Especial de Terceiros-Sargentos à graduação de Segundo-Sargento, como reconhecimento ao trabalho desempenhado por esses militares e visando estimular o empenho profissional desse segmento militar.

    3. A limitação na promoção desse universo de militares do Exército à graduação de segundo-sargento contrasta com o estabelecido na Marinha e na Aeronáutica, razão pela qual é necessário esclarecer os motivos que baseiam essa distinção.

    4. Na Aeronáutica e na Marinha, a possibilidade de promoção do taifeiro-mor à graduação de suboficial, que equivaleria à graduação de subtenente do Exército, está regulamentada na Lei nº 3.953, de 2 de setembro de 1961, na qual há previsão de que as condições de seleção, habilitação, aperfeiçoamento e acesso seriam similares aos demais graduados daquelas Forças Singulares.

    5. Já no Exército, a criação do Quadro Especial de Terceiros-Sargentos ocorreu vinte anos depois, inicialmente pelo Decreto nº 86.289, de 11 de setembro de 1981, reorganizado com a Lei nº 10.951, de 22 de setembro de 2004. Em nenhuma ocasião, houve no Comando do Exército a previsão legal do oferecimento de cursos internos aos soldados, cabos e taifeiros-mor da ativa e com estabilidade assegurada, que possibilitasse uma ascensão profissional similar à dos demais graduados da Força.

    6. Ressalte-se, ainda, que os militares do Exército integrantes do referido Quadro Especial não possuem a capacitação e o desempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível daquela Força terrestre que os habilite a uma ascensão além da graduação de segundo-sargento, pois, enquanto a escolaridade exigida para a admissão na escola de formação de sargentos de carreira do Exército é de nível médio completo, a escolaridade exigida para o ingresso no Quadro Especial é de 4ª série do ensino fundamental.

    7. O sargento do Exército não pertencente ao Quadro Especial é formado especificamente para ocupar cargos de comando ou chefia de frações elementares no âmbito de sua qualificação militar, além de determinados cargos de natureza administrativa na tropa ou em outras organizações militares.

    8. Para ser promovido à graduação de 1º sargento ou de 2º sargento precisa ser aprovado no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos, com duração aproximada de nove meses, concebido para atender a um público com escolaridade de ensino predominantemente administrativa, exercendo, por exemplo, a função de encarregado de material, com atribuições relacionadas ao gerenciamento de patrimônio e ao uso de meios de informática.

    9. As graduações de 1º sargento e subtenente do Exército implicam reconhecimento de habilidades e assunção de responsabilidades que extrapolam a formação do graduado que integra o Quadro Especial em questão. Possibilitar a ascensão do integrante do Quadro Especial do Exército além do proposto no projeto de lei sob análise afetaria a estabilidade e a credibilidade das relações hierárquicas na organização militar, repercutindo negativamente no círculo dos pares e dos futuros subordinados do beneficiado.
    ………………………………………………………………………………………

    Só até ai basta, é o que pensa o Ministro Celso Amorim, ou é muito asno ou está mal assessorado, de uns quatro anos para cá, foi estabelecido que os Sargentos de escola fossem exigidos o Ensino Médio completo. Nos anos de 85 a 89 era só 4ª Série, depois passou a exigir o 1° Grau, agora é que estão cobrando o 2º Grau, até hoje existem vários Subtenentes com o 1º Grau, correndo em seus supletivos para saírem oficial do Exército, parabéns a eles de nunca desistir de mais uma promoção.

    Os Sargentos do Quadro Especial do Exército são soldados, cabos e Taifeiros que conquistaram suas estabilidades por muito esforço, uma categoria que nunca teve reconhecimento por ninguém, até surgir um deputado federal para falar que existe no fundo do poço uma categoria que deveria ser reconhecida, este deputado federal é Paulo Pimenta juntamente com o Senador Paulo Paim, os dois do PT. Esta categoria são pilares da Força, são os que fazem qualquer tipo de serviço, são motoristas de viaturas de diversas categorias, eletricistas, carpinteiros, marceneiros, pedreiros, serralheiros, pintores, cozinheiros, mecânicos de máquinas pesadas e leves e muito mais, hoje tem vários desses com faculdades de direitos, administração, computação, engenheiros, etc, e ele chega a dizer que esses não tem capacidade, é uma falta de conhecimento fora do comum.

    Muitos sargentos que chegam da ESA, recebem orientações de QEs quando chegam aos quartéis depois de terem completado o curso. Alguns reconhecem outros não.
    Hoje existe em diretorias vários QEs trabalhando em áreas Administrativas como Tesourarias, licitações, contabilidade, programadores, e muitos por ai… Trabalhos que exigem um conhecimento profundo.

    O Ministro da Defesa esquece muito rápido das coisas, foi ministro do Presidente Lula, e o ex-Presidente Lula com seu POUCO ESTUDO foi muito criticado e foi o melhor governante do Brasil, e Celso Amorim obedeceu bonitinho e defende ele aonde estiver.

    Muito conhecimento sem sabedoria de Deus é muita tolice.

    Eu em especial, agradeço ao ex-Presidente Lula, ao Senador Paulo Paim, ao Deputado Federal Paulo Pimenta, por este presente, e também aos pioneiros QEs que lutaram para que isto viessem acontecer.
    Os QEs, cabos, taifeiros e soldados temos familias e somos milhares em todo o Brasil.

    Peço encarecidamente a todos os Deputados Federais e Senadores que analisem este projeto, pois os QEs da Reserva ficaram de fora.

  • marcelo setembro 5th, 2012 10:45 am

    vem mais uma vez agradecer V.Exa. pelo empenho e reconhecimento

  • Cris setembro 5th, 2012 10:59 am

    Primeiramente quero mais uma vez parabenizar o nobre Deputado pela iniciativa.

    Segundo, é notório que o Exército se manifestou com esse projeto tendo em vista a iniciativa do projeto dos ilustres parlamentares Senador Paulo Paim e Dep Paulo Pimenta.

    Terceiro, é certo que tal projeto será alterado em partes pelo ilustre Deputado Paulo Pimenta, porém não podemos exigir muto nesse primeiro momento tendo em vista que se tal projeto sofrer alterções demasiado deixará de ser original e passará a percorrer quase que todo o caminho novamnete para poder ser aprovado.

    Quarto, já não incluiram o pessoal da reserva, com o passar do tempo NEM MESMO NÓS que estamos enviando essas mensagens seremos contemplados!!!!!

    PENSEM!!!!!

    Abraço a todos!!

  • CB FILHO setembro 5th, 2012 12:20 pm

    CARO DEPUTADO PAULO PIMENTA, O SR MIN DA DEFESA CHAMOU TODOS O QE DE INCOMPETENTES. ME SINTO ENVERGONHADO.
    Ressalte-se, ainda, que os militares do Exército integrantes do referido Quadro
    Especial não possuem a capacitação e o desempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível daquela Força terrestre que os habilite a uma ascensão além da graduação de segundo-sargento, pois, enquanto a escolaridade exigida para a admissão na escola de formação de sargentos de carreira do Exército é de nível médio completo, a escolaridade exigida para o ingresso no Quadro Especial é de 4a série do ensino fundamental.

  • CB FILHO setembro 5th, 2012 12:35 pm

    caros amigos cb estabilizados e sgt qe exijam de seus cmt uma retratação oficial do min da defesa. o mesmo foi muito infeliz quando diz que nós não temos “desempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível”, quando que a realidade é totalmente outra. se o nosso ministro andasse pelos batalhoes da amazonia iria ver q quem cumpre a maioria das funções de sgt de carreira são os cb/qe.
    NÃO VAMOS DEIXAR PASSAR EM BRANCO!!!!!
    BRASIL ACIMA DE TUDO
    SELVA

  • Cris setembro 5th, 2012 12:44 pm

    Parábnes aos colegas do QCO por essa conquista, a nossa também estpa bem próxima!!!

    Aprovada criação do posto de coronel no Quadro Complementar do Exército

    05 Set 2012

    04/09/2012 16:48

    Reportagem – Rodrigo Bittar

    Edição – Juliano Pires

    Agência Câmara de Notícias

    A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou há pouco, em caráter conclusivo o Projeto de Lei 1822/11, do Executivo, que cria o posto de coronel na carreira do quadro complementar de oficiais do exército (QCO), ampliando em mais um nível a carreira atual, cuja patente mais alta é a de tenente-coronel.

    O QCO, criado pela Lei 7.831/89, é voltado para a contratação de profissionais de nível superior para a atividade-meio do Exército, atividades administrativas ou complementares. São contadores, professores, profissionais de informática, advogados e psicólogos, entre outros.

    O relator na comissão, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), avaliou a constitucionalidade da proposta e defendeu sua aprovação. Antes da CCJ, a proposta já havia sido aprovada pelas comissões de Relações Exteriores e de Defesa Nacional; e de Finanças e Tributação.

  • Leonardo Lima setembro 5th, 2012 1:22 pm

    Senhores bom dia! sugiro que seja feito um levantamento sobre a escolaridade de todos os integrantes dos Quadros Especias e de cabos das Forças Armadas. Eu posso afirmar que em se tratando da FAB 99,9% dos Cabos e Sargentos QESA possuem o Ensino Médio, e que mais da metade são graduados ou graduandos. No meu caso, estou no 9º período de Direito, e não aceito que o Ministro da Defesa, muito mal assessorado e mal informado, envie a Presidenta da República um projeto de lei com uma justificativa tão errônea e discriminatória. Vamos todos nos unirmos em prol da mudança dessa PL. Se espelhem todos na união dos nossos companheiros da PF.

  • Ernandes - DF setembro 5th, 2012 3:19 pm

    Um grande passo, com certeza, que Deus nos ilumine nesta caminhada. Meus sinceros agradecimentos, primeiramente a DEUS, ao DEP. PAULO PIMENTA que abraçou nossa causa, e, não posso deixar de citar, os companheiros da foto que estão diretamente empenhados nesta luta que se arrasta a algum tempo. Muito obrigado Dep. Paulo Pimenta, tenha certeza, que no Brasil onde tiver um Sargento do Quadro Especial, o nome de Vossa Excelência estará associado a esta tão NOBRE CAUSA.

  • Sgt DANIEL setembro 5th, 2012 3:35 pm

    R E S P E I T O R E S P E I T O R E S P E I T O

    Isto é o minimo que gostaríamos de ter, pois somos todos profissionais, temos mais de vinte anos de dedicação a força, e simplesmente por força do nada uma pessoa que possui alto conhecimento intelectual nos trata de forma desrespeitosa,
    - não somos semianalfabetos, pois grande maioria possui curso superior, para não dizer pós-graduados;
    - possuímos sim capacidade intelectual, pois em nosso maioria assumimos funções que dizem ser de 1º Sgt ou ST, mas na realidade quem faz o serviço somos nós; (pois existem militares que não sabem redigir um oficio sequer.)
    - Estranho não possuirmos capacitação profissional, mesmo sem termos direito a fazer cursos de especialização, muito que os “CAPACITADOS” aprendem é com os incapacitados SGT QE.
    - Administrativamente não temos que nos submeter a humilhação nenhuma pois tenho certeza que em nossa maioria assumimos as funções e não deixamos a desejar, pelo contrário nos dedicamos ao máximo.

    E pra finalizar Sr CELSO AMORIM, nosso último Presidente eleito não frequentou muito as carteiras escolares não e´?

    Ao SR DEP PAULO PIMENTA, meus respeitos juntamente a sua assessoria, pois esta sim não deixa passar um vergonhosa situação, nos expondo ao ridículo junto a esta Casa de Leis.

    PARABÉNS E MUITO OBRIGADO.

  • Claudio setembro 5th, 2012 4:15 pm

    Conte sempre com os votos da familia QE. Obrigado por estar nos representamdo.

  • Mauro Antônio setembro 5th, 2012 4:25 pm

    Caro Deputado,
    Muito obrigado e que Deus lhe abençoe!

  • SIDNEI setembro 5th, 2012 4:31 pm

    Obrigado pelo seu apoio Deputado!
    Não esqueça do que foi exposto na Audiencia Publica, tratando todos os QE (Marinha, Exército e Aeronáutica) em igualdade de condição na hora da elaboração de um só projeto, MINISTÉRIO DA DEFESA.

  • ROGERIO setembro 5th, 2012 4:34 pm

    SERA QUE NOS DA AERONÁUTICA SEREMOS AGRACIADOS TAMBÉM-ESTAMOS NA ESPERA DE UM MILAGRE!!!!!

  • Sargento QE85 setembro 5th, 2012 5:46 pm

    Caro Deputado PAULO PIMENTA,
    É com grande alegria que constato que sua luta por essa classe esquecida não foi em vão.
    O Projeto de Lei poderia ser melhor? Sim poderia, mas no momento é o que temos e, na vinha humilde visão, é melhor tê-lo do que não ter nada.
    Lembro aos companheiros que estão reclamando que o tempo para nós é nosso maior inimigo, então não adianta querer melhorar muito o projeto inicial e ele ter que tomar todo o caminho até voltar ao Congresso Nacional. Certamente muitos de nossos companheiros seriam prejudicados.
    Nobre Deputado contamos mais uma vez com sua colaboração, muito obrigado e que Deus lhe abençoe.

  • adriano setembro 5th, 2012 6:45 pm

    Boa tarde Senhor Deputado,

    Toda família militar dos QEs agradeci pela sua luta em nosso favor, e sabemos que com seu empenho, determinação e coragem, iremos juntos levantar esta vitória, que um dia já foi conquistada por nossos coirmãos da aeronaútica, de levar a ST seus TF. Sei que o Senhor deixará bem claro o texto que diz que QE não tem qualificação e os níveis são de 4ª série do primeiro grau, pois hoje temos QEs com níveis superior e pós graduação. Sabemos também que para a escola de sargento foi adotado recentemente o ensino médio, e que até então era primeiro grau e que se chegava a capitão com este nível.
    Meus parabéns Deputado, e que Deus abençoe o senhor e família em todo seu trajeto nas lutas por causas nobres e justas.
    Att,
    Adriano

  • lucas setembro 5th, 2012 6:56 pm

    CARO DEP PAULO PIMENTA, EM PRIMEIRO LUGAR SOU GRATO PELA LUTA E FORÇA QUE O SR TEM PRESTADO EM FAVOR DOS CABOS E SGT Q E,
    MAS ESTOU AQUI PRA MOSTRAR MINHA INDIGNÃO E DESCONTENTAMENTO COM E MINISTRO DA DEFESA CELSO AMORIM, O SAFADO FOI MUITO INFELIZ EM SUA CARTA A PRESIDENTA,O SAFADO NUNCA USOU UMA FARDA NÃO CONHEÇE A ROTINA MILITAR, GANHA MUITO BEM E QDO APAREÇE UMA COISA BOA COM NOS ELE FAZ UMA BAIXARIA DESSA CHAMANDO OS SGT Q E DE INCONPETENTE,ISSO NOS DESISTIMULA A TRABALHAR JA QUE NA MAIORIA DAS VEZES OCUPAMOS CADEIRAS DE 2º E 1º SGT DE CARREIRA FICA AQUI MEU DESABAFO UM ABÇ

  • Luiz Fernando setembro 5th, 2012 7:34 pm

    Parabéns Deputado, gostaria de saber se ainda vai ser votado esse ano, pois muitos companheiros QE, já estão com tempo para passar para a inatividade, somente esperando essa aprovação, para encarar a luta que os eperam com um poucos mais de dignidade.

  • sgt qe minas gerais setembro 5th, 2012 8:07 pm

    Muito obrigado mais uma vez caro Deputado e aos cinco de Santa Maria, por continuar com esta luta e tirar todos nos dessa agonia que nos aprisiona dentro dos quarteis sem podermos fazer nada para melhorar nossa jornada dentro da força com dignidade.

  • qe eb setembro 5th, 2012 8:09 pm

    e lutando que vence a batalha

  • Raul setembro 5th, 2012 8:43 pm

    Senhores bom dia! sugiro que seja feito um levantamento ou um link np site do deputado para que possamos votar e mostrar a escolaridade dos nosso sgt(S) QE,sobre a escolaridade de todos os integrantes dos Quadros Especias e de cabos das Forças Armadas. Eu posso afirmar que em se tratando da FAB 99,9% dos Cabos e Sargentos QESA possuem o Ensino Médio, e que mais da metade são graduados ou graduandos. No meu caso, tenho o 2Grau fundamental , e não aceito que o Ministro da Defesa, muito mal assessorado e mal informado, envie a Presidenta da República um projeto de lei com uma justificativa tão errônea e discriminatória. Vamos todos nos unirmos em prol da mudança dessa PL. Se espelhem todos na união dos nossos companheiros da PF.

  • Chico Tampa setembro 5th, 2012 11:42 pm

    O Ministro da Defesa, orientado pelos trogloditas chefes militares nos chamou de imcompetentes e analfabetos. Agora pergunto o Sr Celso Amorim sabe de alguma coisa militar, onde fica sua ética, seu linguajar? Analfabeto é aquele que não pratica a justiça. As Forças-Armadas precisa é de soldado e não de doutores!!!!!!

  • Pedro Alves setembro 6th, 2012 12:20 am

    E.M. Nº 00324/MD Brasília, 5 de dezembro de 2011.

    6. Ressalte-se, ainda, que os militares do Exército integrantes do referido Quadro Especial não possuem a capacitação e o desempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível daquela Força terrestre que os habilite a uma ascensão além da graduação de segundo-sargento, pois, enquanto a escolaridade exigida para a admissão na escola de formação de sargentos de carreira do Exército é de nível médio completo, a escolaridade exigida para o ingresso no Quadro
    Especial é de 4ª série do ensino fundamental.

    “COMO ASSIM? EU COMO CABO, SEMPRE CONCORRI À ESCALA DE SARGENTO DE DIA E ESCALA DE CABO DA GUARDA DO QUARTEL OU GUARDA DO PAIOL E ASSIM QUE SAI 3º SGT QE CONTINUEI NA ESCALA DE SGT DE DIA E FUI PARA A ESCALA DE COMANDANTE DA GUARDA DO QUARTEL E CONTINUEI NA ESCALA DE SGT DE DIA. PARA QUEM E MILITAR SABE DA IMPORTÂNCIA DO SGT DE DIA E DO COMANDANTE DA GUARDA NA SEGURANÇA DO QUARTEL E PRINCIPALMENTE NA FORMAÇÃO DO SOLDADO. AINDA COMO 3º SGT NA SEÇAO BUROCRÁTICA, RECEBÍ E DENSEMPENHEI FUNÇOES DE 1º SGT. QUANTO A ALEGAÇAO DO GRAU DE ESCOLARIDADE EXIGIDO, NAO SE PODE NIVELAR POR BAIXO PARA NAO CONCEDER. – ENTREI NO EXÉRCITO EM 82 COM APENAS A 7ª SERIE, CONSEGUI CONSEGUI CONCLUIR A FACULDADE DE PEDAGOGIA, ABRINDO MÃO DOS FINS DE SEMANA E DOS DESCANSOS NO INTERVALO DO ALMOÇO. EU JA LI EM COMENTÁRIOS AQUI MESMO NA PÁGINA DO DEPUTADO QUE QE E ISSO OU AQUILO. E É VERDADE.

  • Carlos setembro 6th, 2012 12:41 am

    A luta foi grande, mas V Exa conseguiu que esse Projeto chegasse até a Câmara, agora é tentar conseguir melhorar e até quem sabe aproveitar o Projeto do Senador PAULO PAIM e estender para quem vai para a Reserva Remunerada, que prevê que vai para a Inatividade, seja por transferência para a reserva remunerada ou reformado, seja beneficiado com o salário de Subtenente.
    Quem sabe também aproveitar uma Emenda para aumentar a idade limite de compulsória para os Cabos que ainda nao foram promovidos e estão sendo obrigados a irem para a Reserva Remunerada, devido a idade, atualmente é de 48 anos, poderia ser proposto para pelo menos ser de 50 anos.

  • Pedro Alves setembro 6th, 2012 2:30 am

    E.M. Nº 00324/MD Brasília, 5 de dezembro de 2011.
    6. Ressalte-se, ainda, que os militares do Exército integrantes do referido Quadro Especial não possuem a capacitação e o desempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível daquela Força terrestre que os habilite a uma ascensão além da graduação de segundo-sargento, pois, enquanto a escolaridade exigida para a admissão na escola de formação de sargentos de carreira do Exército é de nível médio completo, a escolaridade exigida para o ingresso no Quadro Especial é de 4ª série do ensino fundamental.
    7. O sargento do Exército não pertencente ao Quadro Especial é formado especificamente para ocupar cargos de comando ou chefia de frações elementares no âmbito de sua qualificação militar, além de determinados cargos de natureza administrativa na tropa ou em outras organizações militares.
    8. Para ser promovido à graduação de 1º sargento ou de 2º sargento precisa ser aprovado no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos, com duração aproximada de nove meses, concebido para atender a um público com escolaridade de ensino predominantemente administrativa, exercendo, por exemplo, a função de encarregado de material, com atribuições relacionadas ao gerenciamento de patrimônio e ao uso de meios de informática.

    “COMO ASSIM ? EU COMO CABO SEMPRE CONCORRI À ESCALA DE SARGENTO DE DIA E A ESCALA CABO DA GUARDA DO QUARTEL OU GUARDA DO PAIOL. E ASSIM QUE FUI PROMOVIDO A 3º SARGENTO QE, CONTINUEI NA ESCALA DE SGT DE DIA E FUI PARA A ESCALA DE COMANDANTE DA GUARDA DO QUARTEL. PARA QUEM É MILITAR SABE DA IMPORTÂNCIA DO SGT DE DIA E DO COMANDANTE DA GUARDA NA SEGURANÇA DO QUARTEL E PRINCIPALMENTE NA FORMAÇAO DO SOLDADO. AINDA COMO 3º SGTQE, COMANDEI DESTACAMENTO DE FRONTEIRA, FUNÇÃO ESSA QUE É REALIZADA ATÉ POR 1ºSGT. NA SEÇAO BUROCRÁTICA , RECEBÍ E DESEMPENHEI FUNÇOES TAMBÉM DE 1º SGT. QUANTO A ALEGAÇAO DO GRAU DE ESCOLARIDADE EXIGIDO, NAO SE PODE NIVELAR POR BAIXO PARA NAO CONCEDER. – ENTREI NO EXERCITO EM 82 COM APENAS A 7ª SERIE, CONSEGUI ME FORMAR EM PEDAGOGIA ABRINDO MÃO DOS FINS DE SEMANA E DO DESCANSO NO INTERVALO DO ALMOÇO.
    NR 08 – O CAS É UM CURSO DE APERFEIÇOAMENTO QUE NÃO REPROVA NINGUÉM E OS SARGENTOS DE ESCOLA O FAZ PORQUE LHES É DADO A OPORTUNIDADE, COISA QUE NÃO ACONTECE COM OS QEs.
    9. As graduações de 1º sargento e subtenente do Exército implicam reconhecimento de habilidades e assunção de responsabilidades que extrapolam a formação do graduado que integra o Quadro Especial em questão. Possibilitar a ascensão do integrante do Quadro Especial do Exército além do proposto no projeto de lei sob análise afetaria a estabilidade e a credibilidade das relações hierárquicas na organização militar, repercutindo negativamente no círculo dos pares e dos futuros subordinados do beneficiado.
    CONCORDO COM O NR 9, MÁS ACHO QUE AQUELES QUE ATINGIRAM O INTERSTÍCIO AINDA NA ATIVA DEVEM SER COMTEMPLADOS, POR TER DESEMPENHADO A FUNÇÃO, MESMO LEVANDO EM CONTA A ALEGAÇÃO DO GRAU DE ESCOLARIDADE E TAMBÉM PELO FATO DE QUE ALGUNS 3º QE FORAM PROMOVIDOS A 2º SGT POR DETERMINAÇÃO JUDICIAL.

  • fernando de moura alves setembro 6th, 2012 2:58 am

    boa noite sou taifeiro e gostaria de saber,se o senhor ainda esta interessado na nossa causa,tenho 22,anos de serviço e ainda sou taifeiro mor,só o senhor pode nos ajudar…….

  • Marcelo setembro 6th, 2012 11:30 am

    Vejo que este PL nº 4373/2012, é no mínimo tendencioso, dizer que não temos capacidade para ir alem da graduação de 2º sargento, é ridículo, será que agora poderei me negar a cumprir qualquer missão por não ter inteligência ou capacidade baseado no documento assinado pelo Min. Celso Amorim? Bom sou sargento QE e tenho curso superior, trabalho com um subtenente, e o mesmo não tem, e ai ministro o subtenente é mais ou menos competente do que eu, sinceramente. Aproveito para agradecer todo empenho do nobre deputado Paulo Pimenta e tenho certeza que o mesmo irá corrigir todas essas informações colocada em um documento oficial de forma mentirosa. Deixo aqui uma pergunta seria o caso do congresso se manifestar sobre esta difamação com uma classe de trabalhadores?

  • Ronaldo Silva setembro 6th, 2012 1:11 pm

    Prezado Deputado, primeiramente quero parabenizá-lo pelo excelente trabalho que realiza.
    Sobre o PL 4373/12, que abrange o QE e está sendo encarado como um prêmio para aqueles que dedicaram a sua vida a caserna existem algumas observações que julgo de suma importância:
    1) o EB não investiu no pessoal do QE para que eles pudessem progredir na carreira, dessa forma não há como dizer que eles não tem aptidões para galgar outras promoções;
    2) a maioria do pessoal tem o nível médio e não a quarta série, como especificado na proposta;
    3) o tempo para promoção de 7 anos que foi apresentado é muito tempo para quem foi promovido a 3 Sgt com 25 anos de serviço, sendo assim não serão promovidos, pois a compulsória os fará ser transferido para a reserva antes de completar 7 anos na graduação;
    4) a grande maioria dos críticos que são contra este projeto não querem reconhecer a capacidade dos Sgt QE que muitas vezes desempenham funções que seriam de Primeiro-Sargento ou Subtenente, como é o meu caso e de muitos outros que conheço, funções como Sargenteante, Auxiliar de Gabinete de General (função de oficial QAO), Auxiliar de Informações, e muitas outras funções.
    Veja Vossa Excelência que apesar desses militares não terem formação em escolas militares ou serem concursados, não os impedem de desempenharem as suas funções com acerto e responsabilidade.
    Gostaria de pedir a Vossa Excelência que envidassem esforço no sentido de impedir que injustiças sejam feitas com esses profissionais que, durante mais de vinte anos, fizeram o seu trabalho com o orgulho que deveria ser a célula matre de todos aqueles que envergam o uniforme verde-oliva que sempre foi a representação física do nosso Exército Brasileiro.
    Que Deus o ajude em sua caminhada política e familiar.
    Respeitosamente, Sgt Ronaldo.

  • jorge souza setembro 6th, 2012 3:45 pm

    - Nobre deputado, tenho absoluta certeza que sem o seu esforço e dedicação dispensadas em nossa causa nada disso estaria acontecendo por isso lhe agradeço de coração por tudo. Um grande abraço e fique com Deus.

  • Paulo setembro 6th, 2012 3:51 pm

    Bem, com seu apoio, foi dado um passo importantíssimo, Sr deputado Paulo Pimenta. Esperamos o desfecho favorável por parte de nossos parlamentares, visando a valorização do nosso quadro, esquecido por muitos anos. Que Deus nos ilumine!!!

  • Cb Estabilizado setembro 6th, 2012 5:05 pm

    Boa tarde Deputado.

    Estamos confiantes de estarmos perto da vitória e acredito que os seus auxiliares farão uma conferência detalhada do projeto, pois entendemos que pode ser muito melhorado o texto para valorizar os militares em questão. Um grande abraço.

  • JOÃO setembro 6th, 2012 5:16 pm

    O REFERIDO PROJETO (PL 4373/2012)NÃO CONTEMPLA QUEM FOI PARA A INATIVIDADE APÓS 2001 EM DIANTE ATÉ OS DIAS ATUAIS, POR QUÊ! PRECISA DE AJUSTES POIS FICARÁ ESSA JANELA DE COMPANHEIROS QE QUE NÃO SERÃO BENEFICIADOS.

  • GERSON setembro 6th, 2012 6:26 pm

    Dep. Paulo Pimenta, muito obrigado! Só que esse projeto esta chegando bem após eu ir para reserva e diga se de passagem hoje o quadro contempla a minoria na ativa os nossos comandantes fizeram por esquecer justamente para esfriar o quadro sabe que todo mês vai uma faixa de 100(cem ) ou + para reserva então a luta só vai ter um fim satisfátorio se for abranger conforme a proposta anterior os militares de1991 para cá, aqueles que foram prejudicados com a lei do ex Presidente Fernando Henrique, que cortou a unica condição de receber um soldo acima, tempo de serviço e moradia

  • sgt qe revoltado setembro 6th, 2012 8:12 pm

    É muito dificil pra todos nós ler o que essa topeira escreveu, chega a ser ridículo, nosso chefe foi infeliz e burro em suas palavras!!!

  • Artur setembro 6th, 2012 8:36 pm

    SENHOR DEPUTADO, PARA QUE NÃO FIRA O EGO DOS SGTs DE ESCOLA, QUE CHEGAM À PATENTE DE CAPITÃO, MAS NÃO FIZERAM AMAN, SUGIRO QUE SAIAMOS 2º SGT NA ATIVA E QUE QUANDO FORMOS PARA À INATIVIDADE, TENHAMOS O DIREITO DE RECEBER OS PROVENTOS DE SUBOFICIAL!!!

  • Paulo Roberto setembro 6th, 2012 9:27 pm

    Grande abraço Deputado Paulo Pimenta, por nos ter plantado este projeto, agora é só colhermos futuros frutos maduros, … irá ficar na história.
    Brasil acima de tud e abaixo de Deus.

    Deus lhe abençoe.

  • Eduardo setembro 6th, 2012 10:26 pm

    Vamos ser bem realistas, se ganharmos a promoção de 2º sgt, será uma GRANDE VITORIA, abraços a todos que estão aguardando.

  • amaral setembro 6th, 2012 10:28 pm

    terça-feira, 4 de setembro de 2012
    Celso Amorim, Ministro da Defesa foi infeliz em suas palavras contra os Sargentos do Quadro Especial do Exército

    Por Paulo Roberto

    É de se admirar com as palavras do Ministro da Defesa Celso Amorim ao enviar um relatório para a Presidente Dilma sobre a promoção dos 3° Sargentos do Quadro Especial para 2° Sargento do Exército.

    Seu comentário foi INFELIZ por não ter qualquer conhecimento algum da tropa Brasileira e do que passou em seu passado, por quem ele foi comandado, com todas as suas faculdades.

    Antes que ele enviasse o projeto à Presidente Dilma, ele relatou que os 3° Sargentos do Quadro Especial do Exército, não tinham capacidade para sair 1° Sargento e Subtenente do Quadro Especial do Exército, segundo ele os mesmos não tinham 2° Grau (Ensino Médio) só a 4° séire do ensino fundamental e sem esta escolaridade não tinham capacidade de tomar de conta de DEPÓSITOS DE MATERIAIS;
    …………………………
    Palavras do Ministro Celso Amorim à Presidente Dilma.

  • Sgt QE RG setembro 6th, 2012 10:59 pm

    Tenho acompanhado as últimas publicações de passagem para reserva remunerada de vários militares do quadro e mesmo estando na ativa, tenho conhecimento que existem muito QE enfermos com complicações de saúde, a concessão do direito sendo retroativo iria aliviar a dor de muitos militares do QE e também restabelecer uma dignidade perdida pela humilhação sofrida pelos militares de escola que possuíam o antigo 1º Grau (que tratam os QE com desprezo e humilhação, mesmo sendo em alguns casos esses militares serem filhos de QE e que se acham importantes por terem passado por uma formação onde outro militar sem qualificações ou doutorados é que forma eles, engraçado).
    Que a justiça seja feita ainda que tardou.
    Dignidade para o QE.
    Com Jesus o Brasil é muito Mais!!!

  • QE BURRO setembro 6th, 2012 10:59 pm

    Pela primeira vez em 30 anos de Exercito assim fui chamado QE BURRO e pelo Ministro da Defesa que não conhece nada da vida militar nunca pensei que para ser promovido a 2º Sgt precisava fazer o CAS. Acho que o BURRO não sou eu.

  • QE BURRO setembro 6th, 2012 11:29 pm

    Lendo certos comentários vejo que tem alguns QEs olhando somente para seu umbigo não estão nem um pouco preocupados com os outros que ja estão na reserva querem aprovar o projeto do jeito que está. Os da reserva que se virem, que falta de coleguismo, estamos todos no mesmo barco ou já tem gente pulando fora pra se salvar sozinho essa é a pura realidade do Exército cada um pensa em si.

  • Raul setembro 6th, 2012 11:52 pm

    Bom tarde!

    Peço que divulgue aos nossos amigos do Quadro Especial que deu entrada ontem no Congresso Nacional

    o Projeto de Lei 4.373/2012 cuja ementa é:

    Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos e
    Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de soldados estabilizados à graduação de cabo.

    Para companhar é só entrar no site da câmara dos deputados:
    http://www2.camara.gov.br/

    e preencher PL 4373 ano 2012.

    Abç.

    Rios

  • Nome setembro 7th, 2012 12:38 am

    Parabéns deputado e companheiros QEs que estão na luta juntos, abrç.

  • Milico setembro 7th, 2012 12:41 am

    Vejam só Senhores, esse projeto preconceituoso, que com certeza não foi elaborado pelo Ministro Celso Amorim e sim por algum Oficial cheio de recalques que nós militares muito bem conhecemos na caserna. Vejam o que esse Oficial disse dos Militares QE: ” O referido Quadro Especial não possuem a capacitação e o desempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível daquela Força terrestre que os habilite a uma ascensão além da graduação de segundo-sargento, pois, enquanto a escolaridade exigida para a admissão na escola de formação de sargentos de carreira do Exército é de nível médio completo, a escolaridade exigida para o ingresso no Quadro Especial é de 4ª série do ensino fundamental.”
    Conheço vários militares desse Quadro que não só tem o Ensino Médio como também são formados no Ensino Superior e talvez mais inteligentes do que esse que colocou tanta asneira em suas justificativas. Esses Oficiais não mudam nunca. É por isso que são desprezados pela Presidenta. Ó classe desunida!!!! É uma vergonha que ainda nos dias de hoje a perseguição a determinados grupos ainda é evidente. Antes militares perseguiam os civis e hoje militares perseguem componentes da própria corporação. Até quando?

  • marcelo setembro 7th, 2012 1:20 am

    acho eu que essa exposição foi feita pelos nossos nobres oficiais e enviados ao ministro da defesa. que a acatou. Pois eles os Oficiais espelharam-se em sí mesmo para chegar a esta conclusão, pois há, na Força, militares que não são do Quadro Especial, foram formados na EsSa, AMAN e IME e são a incompetência em pessoa.

  • eufrasio setembro 7th, 2012 8:45 am

    É Deus faz como ele quer , se utiliza de homens de valor como este Deputado e homens e mulheres aparentemente pequenos más com um Deus imenso homens fracos porém com um Deus forte , vamos caminhando e cantando uma nova canção… Parabéns a todos. DEUS È FIEL!

  • eufrasio setembro 7th, 2012 8:58 am

    As palavra me faltam para exprimir um sentimento ou ideia que eu pudesse materializar no papel, a gratidão que sinto no meu coração é a mesma que os irmãos QE estão sentindo , que o Deus de Abraão ,Isac e jacó nos ajude A LUTA CONTINUA COMPANHEIROS…

  • Marcos setembro 7th, 2012 2:23 pm

    Um oficial com 10 anos já é capitão, um praça da escola com 20 anos já é subtente, ambos não concorre mais as escalas de segurança dos quartéis,” mas nos continuaremos concorrendo as escalas de sv ante quando”. Já tem unidades que os comandantes, que tiraram os QEs com mais de 24 anos das escalas de SV como recompensa, muito junto tal decisão!

  • Rogério - JF setembro 7th, 2012 4:30 pm

    Companheiros QE.

    Infelizmente é chato ler esse tipo de informação a respeito da nossa classe QE, mas não podemos esquecer que é a mais pura verdade, quando o Ministro alega que o grau de escolaridade exigido para o Quadro Especial é a 4ª Série.
    Sei que a imensa maioria de nós QE possui o ensino fundamental e curso superior, mas isso nunca interessou ao EB, até porque, assim fica mais fácil pisar no Quadro Especial como sempre o fizeram.
    Companheiros, somos uma classe em extinção e não há tempo hábil para que se possa ficar fazendo alterações em projeto.
    Muitos companheiros irão ficar chateado com o meu comentário, mas se ocorrer alguma alteração nesse projeto que possa nos beneficiar com algo a mais, afirmo que esse projeto jamais será votado, vai mofar numa gaveta até que o último QE vá para a reserva.
    Para isso, basta os companheiros ver a situação da nossa LRM, que é medida provisória de 2001 e até hoje não foi votada.
    Esse projeto foi analisado pelo EB e apresentado a nossa Presidenta que entendeu ser isso que merecemos, ou nos contentamos com o que nos oferece ou não teremos nada.
    É evidente que poderia retroagir ao ano de 2001 e beneficiar os companheiros QE que foram para a inatividade nesse período.
    A exposição de motivos do Sr. Ministro da Defesa é discriminatória, sim, mas não mentira. As colocações infelizes estão bem fundamentadas juridicamente.
    Companheiros, em momento algum ele omitiu que a Força nunca nos deu oportunidade. Por incrível que pareça isso conta em favor dele. Não há lei que nos ampare numa briga judicial para futuras promoções.
    A Lei 10.951/04, que regula a promoção do Quadro Especial no oferta com uma promoção sucessiva e nada mais. Portanto, não podemos alegar que estamos sendo injustiçado.
    É notório que nos tiraram o posto acima, o anuênio e a licença especial, mas se aprovado esse projeto do segundo sargento QE, a justiça ainda que tardia começa a ser feita.
    Particularmente entendo que a parte infeliz desse projeto encontra-se no art. 6º, onde não estende a promoção aos inativos, pois daqui alguns anos todos nós do Quadro Especial estaremos na inatividade.
    No mais, os meus mais sinceros agradecimentos aos 5 Camaradas dos Pampas, ao Dep. Paulo Pimenta e aos seus assessores que enfrentaram inúmeras críticas e a nossa impaciência por informação nessa árdua jornada que transformou-se o Projeto QE.
    Companheiros QE, Deus é o dono do tempo e que seja feita a Sua vontade.

  • Carlos setembro 7th, 2012 9:19 pm

    Boa Tarde Amigos QE.
    Será que até o final do ano é aprovada a Lei.
    Tendo em vista que vários colegas estão indo para a reserva mês a mês.
    Quando o Projeto for de fato aprovado e entrar em vigor não restará um para ser beneficiado.

  • Belarmino setembro 8th, 2012 12:04 am

    Excelentíssimo Sr Deputado Paulo Pimenta e Assessoria, vai aqui uma sugestão para o PL 4373: Se o ministro alegou que somos analfabetos e não temos condições de desempenhar funções superiores por falta de estudo, façam o seguinte: 1) Promoção dos QE a 2º Sgt os que tiverem de 4ª série primária a 8ª Série e os da Reserva; 2) Para a promoção a 1º Sgt QE os que tiverem 2º Grau Completo e 3) Para a promoção a Subtenentes os que tiverem Curso Superior em qualquer área.

  • Gilberto setembro 8th, 2012 12:06 am

    Parabéns grande Deputado e Competente Assessoria, agradeços muito, porém pelo amor de Deus agilizem o PL 4373, senão daqui para o final do ano praticamente não beneficiaremos quase nenhum Sargento do Quadro Especial.

  • Bezerra setembro 8th, 2012 12:10 am

    Parabéns grande líder e ser humano. Faça as emendas para que os Sargentos do Quadro Especial sejam promovidos de 05 em 05 anos e no final vá para a reserva como Subtenentes.

  • Severo setembro 8th, 2012 1:15 am

    Já que fomos tratados como Analfabetos que tal o Nobre Deputado através de sua competente Assessoria proporem o seguinte: A) Promover a 2º Sgt QE os possuidores de 8ª Série e os Inativos B) Promover a 1º Sgt QE os possuidores do Ensino Médio e C) Promover a Subtenentes os possuidores de Curso Superior.

  • Patrício setembro 8th, 2012 1:21 am

    Como Vossa Exclência pode perceber o preconceito contra essa Categoria sofrida parte até mesmo de um Ministro que se diz competente e cheio de Ética. O grande problema é que o Injusto e Arcaico Exército nunca proporcionou ascensão aos Sargentos do Quadro Especial. É justo o militar ser estabilizado e passar mais de 30 (Trinta) anos estacionado? O Ministro Celso Amorim foi muito INFELIZ e SEM ÉTICA! Os Sargentos QE precisam é sair Subtenentes para compensar o tempo de exclusão e desrespeito, sem nenhuma valorização. Excelência Parabéns por ser um Homem Justo e Humano. O Brasil te ama!!!!

  • JAF setembro 8th, 2012 1:22 am

    Deputado P.Pimenta, antes de tudo parabéns por ser uma pessoa digna … digo isto pq, dos nossos comandantes nunca tivemos apoio nem nunca teremos

    INTERSTÍCIO DE 5 (CINCO) ANOS JÁ…NÃO PODEMOS ABRIR MÃO DISSO …SÓ ASSIM AQUELES QUE FORAM PREJUDICADOS NO PASSADO TERÃO UM FINAL DE CARREIRA COM MAIS DIGNIDADE…POIS NO PASSADO LEVARAM 5 (CINCO) ANOS PARA SAIR CABO E MAIS DE 17 PARA SAIR 3º SGT …SÓ ASSIM PODERIAM DESFRUTAR DA TÃO SONHADA PROMOÇÃO…LEMBRA PRA ELES QUE SE SOMOS DO QUADRO ESPECIAL ENTÃO TENHAMOS UM INTERSTÍCIO ESPECIAL PARA CORRIGIR OS ERROS DO PASSADO…

    OBRIGADO E QUE DEUS NOS AJUDE… E PARA SERVIR DE EXEMPLO PARA CONTRADIZER QUE SOMOS ANALFABETOS EU SOU QE E DOU AULA EM UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL SEM REMUNERAÇÃO EXTRA DIGA-SE DE PASSAGEM.

  • Roberval setembro 8th, 2012 1:26 am

    A melhor proposta seria que os Sargentos do Quadro Especial fossem para a reserva como Subtenentes ou senão levar em conta sua escolaridade. Para sair Subtenente o QE deve possuir Terceiro Grau em qualquer área. Seria uma resposta ao Velho Exército e ao Ministro Celso Amorim que nos humilhou. Deus dará a ele o que merece por satanizar esses pequeninos!!!! Pimenta Faz acontecer porque é Competente, Justo e Humano! Deus te proteja juntamente com sua digna família.

  • sgt campos jf/mg setembro 8th, 2012 11:56 am

    Acreditei sempre na aprovaçao deste projeto Quando o nobre dep assumiu o controle e logo percebeu a dificuldade que teria pra convencer o comando que tudo isso era questao de justiça e assim vem fazendo, mesmo percebendo as diferenças e humilhaçoes sofridas pelo quadro especial nao desistiu e nao irá desistir; podem acreditar!!! pimenta neles.

  • Carlos setembro 8th, 2012 12:28 pm

    Nobre Deputado Paulo Pimenta, nesse Ante Projeto dos QE, eles alegaram que não poderiamos sair 1º Sargento, por motivo de termos somente a 4ª Série do Ensino Fundamental, ora, quase todos tem o Ensino Médio completo e parte deles tem o Curso Superior completo ou estão cursando.

  • CLAUDIO DOS SANTOS setembro 8th, 2012 1:17 pm

     BOM DIA DEPUTADO, O PROJETO QE JÁ ESTÁ ADIANTADO, E SE REALMENTE O SENHOR VAI ABRANGER PARA OS QESA E QEMAR, VOU TE ALERTAR OS QESAS JÁ TEM UM PROJETO BEM ESTRUTURADO SEI QUE O SENHOR JÁ DEVE TER CONHECIMENTO SOBRE ESTE ASSUNTO, E TAMBEM QUERO QUE SAIBA NO MEIO DE NÓS HÁ HOMENS COM FACULDADAES GRAUS SUPERIORES ESCOLARES, MUITOS TECNICOS ONDE AS FORÇAS ARMADAS NOS EXPLORAM DENTRO DE NOSSAS CAPACIDADES ESCOLARES, USANDO DE MÃO BARATA, E COLOCANDO EM FUNÇÕES DE SARGENTOS , SUBOFCIAL ETC.
     MAS O NOSSO PROPRIO COMANDANTE DA DEFESA CELSO AMORIM, DIZ QUE SOMOS ANALFABETOS E SÓ TEMOS A QUARTA SERIE DO PRIMEIRO GRAU OU ENSINO FUNDAMENTAL, ACHO QUE REALMENTE ELE ESTÁ BEM DESENFORMADO SOBRE AS FORÇAS ARMADAS, MAS SE ELE ACHA QUE É ASSIM ENTÃO QUE COLOQUE NO PROJETO EXIGINDO O COLEGIAL (ENSINO MEDIO) SERIA ATÉ BOM QUE QUEM NÃO TEM CORRERÁ ATRAZ PARA CONCLUIR

  • MAURICIO 3S QESA setembro 8th, 2012 1:44 pm

    SE SOU ANALFABETO , NÃO POSSO MAIS SER SARGENTEANTE DE MINHA SEÇÃO, VOU USAR ESTE ARGUMENTO AO MEU COMANDANTE, VOU TIRAR UMA COPIA DAS PALAVRAS DO MINISTRO DA DEFESA E ENTREGAR NO MEU BATALHÃO, APARTIR DE HOJE NÃO FAREI MAIS SERVIÇO DE PRIMEIRO SARGENTO OU SOBOFICIAL.E NÃO PODEREI SER PUNIDO.

    TENHO O ENSINO MÉDIO COMPLETO

  • Miquimba/são luis MA setembro 8th, 2012 2:56 pm

    Parabéns! pela iniciativa os QE e seus familiares de todo Brasil estão agradecidos por essa sua iniciativa a favor dessa classe menos favorecida

  • Miquimba/são luis MA setembro 8th, 2012 2:59 pm

    Parabéns! Dep. pela iniciativa e pela luta da classe menos favorecida QE seremos grato a vc sempre

  • Cleber - RJ setembro 8th, 2012 7:03 pm

    Nunca, em momento algum, fizeram algo por nós nesse nível !

    Só temos a agradecer a Deus que em nosso Brasil existam, ainda, nos dias de hoje, homens como o senhor: de coragem, de justiça e de determinação.

    Durante os momentos difíceis na história de nosso país o Estado do Rio Grande do Sul nos honra, sempre, com homens deste quilate.

    Parabéns especial ao Dep. Paulo Pimenta e, também, a todos das equipes engajados neste pleito, desafiador.

    Independente do resultado,nunca esqueceremos de V. Exª !

    Forte abraço!

    Cleber-RJ

    “QESAs da Aeronáutica: Uma liderança forte, em todo o Brasil, a disposição de V.Exª”.

  • PAULO R. CABRAL setembro 8th, 2012 9:57 pm

    Deixo estas palavras em agradecimento ao Exmo Senhor Deputado Federal Paulo Pimenta, em observação a sua trajetória política: Homem de Coragem que se envolve com os problemas mais graves do povo que atingem neste momento os Qesas – Tem agido com prudência e discernimento; Tem mobilizado a todos para engajar-se no trabalho com grande tato; Tem enfrentado os inimigos com prudência. É um político de visão; Tem mostrado ser muito mais do que um político competente; Tem enxergado por sobre os ombros dos gigantes. Vê o que ninguém está vendo; Tem a visão do passado, do presente e do futuro; Antecipa soluções. Exemplos Bíblicos: (José do Egito e Neemias).
    Que Deus o abençoe sempre como também vossa família.
    Sgt Qesa R/1 Cabral

  • Sgt Mateus-SP setembro 9th, 2012 1:51 am

    Gente vamos bombardear a empresa com essa nota de discriminação do Ministro da defesa. Vamos pedir ao caco Barcellos no programa profissão perigo para mostrar o trabalho dos Sgt Q.E do Exército Brasileiro.

  • EDUARDO SOUZA SILVA setembro 9th, 2012 4:38 am

    MAIS UMA MISSÃO PARA CNQB.

  • Ricardo - RS setembro 9th, 2012 9:47 pm

    Como Santamariense que sou e um dos seus eleitores….só tenho a agradecer a V.Exa. pelo trabalho que vem realizando em prol dos Cabos/QESA.

  • 3º SGT FLAVIO R1 DESDE ABR 2012 setembro 9th, 2012 9:52 pm

    ME AGREGO AOS COMPANHEIROS QUE JÁ FORAM PARA A RESERVA COM TEMPO PARA SEREM PROMOVIDOS. SE FICARMOS DE FORA, CASO O PROJETO SEJA APROVADO SEM MODIFICAÇÕES, ESTAREMOS CRUELMENTE INJUSTIÇADOS, POIS MUITOS COMO EU SÓ ESTÃO NA RESERVA POR FORÇA DA LEI DA RESERVA COMPULSÓRIA E NÃO POR VONTADE PRÓPRIA. SE NÃO FORMOS CONTEMPLADOS, FAREMOS PARTE DE UM HIATO DE MILITARES QUE DEIXARAM DE SER PROMOVIDOS COM BASE NA MUDANÇA DA LEI QUE FOI MODIFICADA E DEIXOU DE PROMOVER A UM POSTO ACIMA POR OCASIÃO DA RESERVA TODOS OS MILITARES Á PARTIR DE SUA PUBLICAÇÃO. ISTO FEZ COM QUE TENHAMOS ATÉ O INICIO DOS ANOS 2000 VÁRIOS SEGUNDOS SARGENTOS QEs RESERVISTAS COM VENCIMENTOS DE 2º SGT.
    POIS BEM, ESPERAMOS QUE SEJAM FEITAS AS CORREÇÕES NO PROJETO E QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA, POIS NÓS NÃO ESTAMOS PEDINDO NADA MAIS DO QUE ISTO. UM GRANDE ABRAÇO A TODOS E FÉ EM DEUS SEMPRE.

  • Hamilton Tavares setembro 9th, 2012 10:16 pm

    Exmo Sr. Deputado, muito obrigado por ter abraçado a luta dos QE, QESA E QEMAR.
    Este texto inicial do PL 4373/2012, precisa ser adequado fins de atender às necessidades dos Quadros Especiais. Existem vários artigos que visam não atender aos pleitos dos referidos Quadros, contamos com a ajuda de V. Exa. Que Deus o ilumine sempre.

  • Sgt QE - Ijuí - RS setembro 9th, 2012 10:32 pm

    Quero aqui deixar o meu abraço a todos aqueles que continuam firmes na Batalha por uma vida mais digna ao Quadro Especial… A promoção tem que SAIR…
    Sargento QE é símbolo de competência dentro das Forças Armadas, pois carregamos o conhecimento técnico de todos os equipamentos dentro dos Quartéis… Ou seja, somos os melhores mecânicos de viaturas, de blindados e de armamentos… Somos os melhores Atiradores, somos os melhores Motoristas…
    Ninguém se iguala na bagagem de conhecimentos de um QE… Sem contar no banho de vibração que os velhinhos dão nos mais novos… Não queremos tirar nada do pessoal de carreira, só queremos sermos reconhecidos e ter uma melhoria de salário para dar uma vida mais digna a nossas famílias….

    Ao Deputado Paulo Pimenta e assessores o nosso muito obrigado pelo que fizeram até agora e como último pedido que faço é que a PROMOÇÃO seja estendida a todos nós que estamos na RESERVA REMUNERADA, que somos tão ou mais merecedores por tudo que fizemos nos nossos 30 anos de serviço ativo…
    Deus ilumine a todos…

  • Daniel setembro 9th, 2012 11:31 pm

    O Ministro Celso Amorim ao encaminhar este expediente a Presidente DILMA, demonstra total desconhecimento da legislação e despreparo para tratar de assuntos da Defesa, sendo ainda mal assessorado pelos que são contra as promoções dos Sargentos QE.
    Seu comentário chega a ser ridículo, pois nas FFAA é notório que os Sgt QE, desempenham as mais diversas funções com habilidade, esmero e dedicação, principalmente como encarregados de depositos onde desempenham a função de Subtenentes, Chefes de Campo nas frentes de serviços nos Batalhões de Engenharia, são memórias vivas de suas Unidades.
    O Ministro deveria ter um mínimo de respeito por aqueles que vestem a camisa instituição.

  • Pinheiro setembro 9th, 2012 11:32 pm

    Como pode uma pessoa que ocupa um cargo de suma importância para o pais possuir tão pouco conhecimento de seus subordinados, demostrando total ignorância e despreparo para tal função, Se esse Senhor tivesse competência e inteligencia, mandaria fazer uma pesquisa sobre o grau de instrução dos Sargentos do Quadro Especial e verificaria que uma grande parte deste grupo não ficou parado no tempo e buscou se especializar e aperfeiçoar conhecimentos se formando em mestres, bacharéis e doutores.
    Alem de que se fizesse uma pesquisa sobre as funções desempenhadas pelos Sgt QE verificaria que muitos estão em áreas administrativas, ou seja ele esta duplamente enganado e mal assessorado.
    VAMOS NOS UNIR E BRIGAR PELO RECONHECIMENTO E RESPEITO MERECIDO.

  • Belarmino setembro 9th, 2012 11:33 pm

    ATUALMENTE A GRANDE MAIORIA DOS SARGENTOS QEs TEM O NÍVEL FUNDAMENTAL, UMA OUTRA GRANDE PARTE POSSUEM O NÍVEL MÉDIO E EXISTEM MUITOS COM NÍVEL SUPERIOR, INCLUSIVE COM PÓS- GRADUAÇÃO. SE O PROBLEMA PARA SAIR PRIMEIRO OU SUB É O CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ENTÃO CRIEM O CURSO QUE NÓS FAREMOS, É SÓ DAREM A OPORTUNIDADE PARA O QE! CRIEM O “CAS QE” E ASSIM ESTAREMOS TODOS HABILITADOS! NÍVEL DE ESCOLARIDADE E COMPETÊNCIA A MAIORIA TEM!

  • Noberto setembro 9th, 2012 11:34 pm

    Senhores! vale lembrar:
    Código de Conduta da Alta Administração Federal:
    “antes de tudo, valerá como compromisso moral das autoridades integrantes da Alta Administração Federal com o Chefe de Governo, proporcionando elevado padrão de comportamento ético capaz de assegurar, em todos os casos, a lisura e a transparência dos atos praticados na condução da coisa pública.

    A conduta dessas autoridades, ocupantes dos mais elevados postos da estrutura do Estado, servirá como exemplo a ser seguido pelos demais servidores públicos, que, não obstante sujeitos às diversas normas fixadoras de condutas exigíveis, tais como os Estatutos, a Lei de Improbidade e o próprio Código Penal Brasileiro, além de outras de menor hierarquia, ainda assim, sempre se sentirão estimulados por demonstrações e exemplos de seus superiores.
    CF/88 – Art. 1º. da Constituição Federal de 1988 “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de seus representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição”.

    P.S.. Adentrando-se ao mérito de nível de escolaridade no seio das Forças Armadas, vale dizer que há Responsabilidade Civil Objetiva por parte da Administração Pública(União), em estricto sensu, (Exército)haja vista sua omissão no que tange à ignorar a classe dos sargentos do quadro especial, que em última análise, hodierno, são vistos como meros números estatísticos em claros de quem possui a antiga 4a. série primária, a contrário senso, estes militares, ocupam cargos de chefia, possuem nível médio e nível superior, fora da caserna muitos já possuem mestrados em diversas áreas, como Direito, Geografia, História entre outros… penso que o Exmo Sr Ministro da Defesa está sendo mal assessorado por “pseudo comandantes” que só sabem ler o almanaque dos oficiais, ressalte-se aqui o citado: que os sargentos de carreira possuem “nível médio” tal exigência surgiu recentemente, pois outrora os sargentos concursados só possuiam o nível fundamental e ocupavam funções de nível médio, (técnico).
    Isonomia já!!! e chega de discriminação!!!
    agradeço ao Exército Brasileiropor ter investido em mim.. depois de 18 anos de cabo e hoje com 30anos de serviço sou 3º Sargento QE, na vida civil sou formado em Direito e aprovado pela OAB, vou pra reserva e vou advogar!! na vida civil serei chamado de “Doutor”
    Obrigado EB pela sua Omissão.

  • Pedrosa setembro 9th, 2012 11:39 pm

    Excelência e Assessoria, percebam que quando é para beneficiar os Sargentos do Quadro Especial sempre se tem desculpas para impedir seu avanço. Reconhecer que é bom nada. Quero dizer que quem criou os QE foi o General de Exército, Presidente do Brasil (João Batista Figueiredo) em 1981. Criem CAS-QE, façam o seguinte: 1) Para promoção a 2 Sgt Nível Primário e Inativos; 2) Para promoção de 1 Sgt Ensino Médio e 3) Para promoção a Subtenentes aqueles possuidores de Terceiro Grau. O que realmente falta é boa vontade dessa Instituição Preconceituosa e Discriminadora, Arcaica e Mal!!!!!!!!! Dai-lhe Pimenta!!!!

  • João Batista setembro 9th, 2012 11:42 pm

    Grande Líder e Assesoria Lutem para promover os Sargentos do Quadro Especial a Subtenentes na Reserva. Acusam os QE de não ter preparo, porém como pode um Sargento de “Escola” Sair Capitão do Exército sem Academia Militar? Incrível!

  • Pedro Tavares setembro 9th, 2012 11:44 pm

    Confiamos plenamente no senso de justiça e humanidade de Vossa Excelência. Parabéns grande líder!

  • Arlindo Cavalcanti setembro 9th, 2012 11:46 pm

    A maior resposta consiste no reconhecimento não do Sistema e sim da Instituição. Parabéns Grande Líder Deputado Paulo Pimenta e competente Assesoria.

  • Raul-DF setembro 10th, 2012 9:44 am

    Sargento QE também Doutor

    Para apreciação e divulgação de todos, destaquei este comentário de um Sargento do Quadro Especial que está indo pra reserva.

    Senhores! vale lembrar:

    Código de Conduta da Alta Administração Federal:
    “antes de tudo, valerá como compromisso moral das autoridades integrantes da Alta Administração Federal com o Chefe de Governo, proporcionando elevado padrão de comportamento ético capaz de assegurar, em todos os casos, a lisura e a transparência dos atos praticados na condução da coisa pública.

    A conduta dessas autoridades, ocupantes dos mais elevados postos da estrutura do Estado, servirá como exemplo a ser seguido pelos demais servidores públicos, que, não obstante sujeitos às diversas normas fixadoras de condutas exigíveis, tais como os Estatutos, a Lei de Improbidade e o próprio Código Penal Brasileiro, além de outras de menor hierarquia, ainda assim, sempre se sentirão estimulados por demonstrações e exemplos de seus superiores.

    CF/88 – Art. 1º. da Constituição Federal de 1988 “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de seus representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição”.

    P.S.. Adentrando-se ao mérito de nível de escolaridade no seio das Forças Armadas, vale dizer que há Responsabilidade Civil Objetiva por parte da Administração Pública(União), em estricto sensu, (Exército)haja vista sua omissão no que tange à ignorar a classe dos sargentos do quadro especial, que em última análise, hodierno, são vistos como meros números estatísticos em claros de quem possui a antiga 4a. série primária, a contrário senso, estes militares, ocupam cargos de chefia, possuem nível médio e nível superior, fora da caserna muitos já possuem mestrados em diversas áreas, como Direito, Geografia, História entre outros… penso que o Exmo Sr Ministro da Defesa está sendo mal assessorado por “pseudo comandantes” que só sabem ler o almanaque dos oficiais, ressalte-se aqui o citado: que os sargentos de carreira possuem “nível médio” tal exigência surgiu recentemente, pois outrora os sargentos concursados só possuiam o nível fundamental e ocupavam funções de nível médio, (técnico).

    Isonomia já!!! e chega de discriminação!!!

    agradeço ao Exército Brasileiropor ter investido em mim.. depois de 18 anos de cabo e hoje com 30anos de serviço sou 3º Sargento QE, na vida civil sou formado em Direito e aprovado pela OAB, vou pra reserva e vou advogar!! na vida civil serei chamado de “Doutor”

    Obrigado EB pela sua Omissão.

    Raul

  • Alexandre setembro 10th, 2012 11:39 am

    Bom dia Sr Deputado Paulo Pimenta. Desde já agradeço vosso empenho em prol dos Sgt QE, sejamos nós do EB ou ou amigos da FA ou da MB. Quanto as palavras do Ministro da Defesa, subtende-se que ele foi vendido pelo que nossos Comandantes, principalmente os do EB passaram para ele para justificar o envio do projeto à promoção de 2 Sargento e nao à Subtenente. Sr Ministro da Defesa, acredito que alguem em tao elevado nível cultural e dentro do governo, deveria verificar as informações antes de colocar sua assinatura e seu nome numa informação tao errônea e tao discriminatória, logo o senhor que se queixa tanto quanto a perseguição sofrida durante o período da ditadura? O que o senhor, na magnitude de seu cargo deveria vir a publico desculpar-se; mesmo que manuseado por profissionais que deveriam ser sérios em suas explanações; por ter ofendido uma classe de brasileiros e trabalhadores honestos, pais de família e que deram seu suor por tanto tempo em prol das Forças Armadas para que, mesmo com todos os problemas físico-financeiros, pudessem levar a contento nossas viaturas, aeronaves e návios funcionando. É o minimo que alguém com o cargo político do senhor deveria fazer.
    Mais uma vez Exmo Sr Deputado Paulo Pimenta, desejo externar meus agradecimentos e pedir para que, dentro do possível, realize gestões para que este projeto possa logo entrar na pauta de votação para que nossos irmãos que estao indo embora ja no final deste ano, possam sere contemplados com este reconhecimento, nao por parte daqueles que se dizem nossos Comandantes, mas por parte de uma minoria de brasileiros honestos como o senhor, que vislumbram um Brasil melhor e com oportunidades para todos os brasileiros.
    O meu muito obrigado, não somente meu mas de todos os QE. QESA e QEMAR que doaram suas vidas em prol deste nosso Brasil.

  • CAXIAS-RJ setembro 10th, 2012 2:46 pm

    Meus amigos do QE:
    Depois de trinta anos de serviço descobri que sou analfabeto e que meu trabalho não tem significancia, mesmo exercendo carteira de no minimo 1º sgt. Veja bém o nosso
    chefe não sabe aonde trabalha, e em que trabalha o QE nas Oms, mas isto para mim não é novidade já que sempre nos tratam com despreso, mas vou sugerir que procurem saber hoje aonde estar cada QE nas unidades, o que fazem, e o que exercem…………….
    DEPUTADO PAULO PIMENTA ACONTEÇA O QUE ACONTECER NÃO DEIXE DE LADO OS NOSSOS AMIGOS DA RESERVA, SÃO ELES QUE INICIARAM TODA ESTA HISTÓRIA, MUITOS ESTÃO INDO EMBORA EM DEZEMBRO DE 2012.

  • Felipe setembro 10th, 2012 4:22 pm

    Antes de Tudo grande líder e competente Assessoria, muito obrigado por tudo, que Deus lhes protejam sempre. Já que o relatório do Ministro da Defesa no Anexo do PL 4373)2012, orientado por chefes militares contrários ao Projeto que visa corrigir distorções, aberrações e Injustiças, façam o seguinte: 1) Para ser promovido a 2 Sgt aqueles que possuem mais de 05 (cinco) anos na mesma graduação, possuam de 4a à 8a Série e Inativos; 2) Para ser promovido a 1 Sgt, os possuidores do Ensino Médio Completo e 3) Para ser promovidos a Subtenenetes aqueles que possuem Curso Superior Completo. No fundo, não estão alegando despreparo ou grau de escolaridade. Estão é mesmo procurar um erro no que é certo e por chifres em cabeça de cavalo. Não escute esses desumanos, faça a sua parte co Justiça e Humanidade, pois Deus não faz acepção de pessoas, mais o Exército quer aprapalhar o quanto puder!!!!!

  • Cleverson-AM setembro 10th, 2012 5:35 pm

    Ilmo Sr Dep. PAULO PIMENTA,
    Dentre as palavras belas como honra, honestidade, caráter, e outras, nada é tão bom de ouvir e ler neste momento como a palavra justiça, para os QEs, QESAs e QEMAR, começam a lida na estrada da regulamentação justa e ansiada por essa gama de militares especializados e seus familiares. Tenha certeza que aqueles que acreditam agradecerão a Deus primeiro e em seguida, ao homem pelo qual ele movel no seu coração com grande sentimento de justiça por essa vitória, aguardamos vossa orientação e nos colocamos a disposição.
    Att CLEVERSON.
    QESA AMAZÔNIA afiliada à Comissão QESA Nacional-BR-DF

  • Edilson setembro 10th, 2012 5:52 pm

    GOSTARIA DE AGRADECER AO ILUSTRE DEPUTADO PAULO PIMENTA PELO IMENSO ESFORÇO À CLASSE DOS QE – EB. OBRIGADO POR TUDO.

  • 3 SGT QE CRUZ setembro 10th, 2012 7:16 pm

    Dep. Paulo Pimenta, muito obrigado! Continue nos dando este valoroso apoio, agora muito mais ainda com este Projeto de Lei em andamento, somos milhares em todo o Brasil, mesmo não sendo do estado do RS, reconhecemos o seu esforço e dos colegas QEs de Santa Maria e de todo o RS nesta causa.

    Obrigado a todos!!!

  • Marcelo Cavalcante setembro 10th, 2012 7:28 pm

    O projeto já está caminhando a passos largos, vamos acompanhar, Valeu Deputado PAULO PIMENTA.

    http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=554206

  • 3º Sgt QE (QUALIFICADO E COMPETENTE) setembro 10th, 2012 8:54 pm

    Primeiramente agradeço a Vossa Excelência pelo empenho e comprometimento com a nossa classe (Quadro Especial) e formulo votos de sucesso nessa grande empreitada.

    Ao tomar conhecimento da E.M. Nº 00324/MD, de 5 de dezembro de 2011, assinada pelo Sr. Celson Luiz Nunes Amorim, constata-se o quanto o Ministro está desenformado sobre a situação dos QEs. O pior de tudo é que o documento foi elaborado pôr pessoas que são contra a nossa luta legitima e ele o assinou sem tomar conhecimento de seu teor e/ou não fez questão quanto as suas consequências.

    Na atual conjuntura, vejo a minha situação como a de um escravo, pois não tenho direito a um sindicato, salário justo e sou obrigado a desempenhar funções pelas quais não recebo. SOU GRADUADO E PÓS-GRADUADO por uma das melhores Universidades Públicas do Brasil na qual passei vários anos lapidando os conhecimentos, sejam eles na graduação, especialização ou do mestrado; concluí dezenas de cursos em instituições de renome internacional como (SERPRO; SENAC; ESAF; ENAP; Instituto Legislativo Brasileiro/Senado Federal; ABOP; dentre outras), além de muitos outros feitos em instituições credenciadas pelo MEC e organizações militares em várias áreas. MESMO ASSIM ME TAXAM COMO DESQUALIFICADO E INCOMPETENTE

    Durante vários anos desempenhei a função de Chefe da Carteira de Patrimônio em um Batalhão (na época eu era Cabo); já desempenhei a funções de: sargenteante e de encarregado de material do setor; fui responsável pela confecção das alterações os oficiais da OM; desempenhei função de Capitão em um setor financeiro e inclusive fui Coordenador (função está de oficial superior), todas as funções publicadas em minhas alterações. Depois de tantos anos dedicando ao Exército Brasileiro vem alguém e menciona que os militares do Quadro Especial são incompetente e desqualificado sem ter conhecimento de causa. Isso é imperdoável e antiético para alguém com tal bagagem…

    Rogo ao todo poderoso, para que tenha êxito em melhorar e aprovar o Projeto Lei, pois só assim os nossos filhos e nossas esposas terão condições mínimas de subsistência.

  • Alexandre setembro 11th, 2012 12:09 am

    Sr Deputado Paulo Pimenta, sou Sgt QE e farmacêutico. É inadmissível que uma classe seja tão injustiçada, eu não tenho apenas a 4ª série, tenho nível superior, conheço muito de informática e exerço função administrativa no lugar de 1º Sgt. Tenho muitos amigos que exercem função de Subtenente tranquilamente só que quem assina é o subtenente e não o QE é claro, e o que mais me deixa indignado é saber que os nossos comandantes conseguem até hoje ludibriar com desculpas medíocres o Sr Ministro da Defesa que esqueceu do tempo da injustiça.

  • FLAVIO setembro 11th, 2012 1:30 am

    NOS ANOS 90 UM SONHO, APARTIR DE 2001 UMA ESPERANÇA 11 ANOS DEPOIS UMA REALIDADE PROXIMA.
    SONHAR, LUTAR, CONQUISTAR. PALAVRAS SIMPLES MAS QUE TEM MUITO PODER.
    JUNTOS PODEMOS MUITO MAIS.
    SOMOS PROFISSIONAIS, DEDICADOS, HONESTOS E ACIMA DE TUDO AMAMOS NOSSO PAIS.
    O QUE HOJE ESTA ACONTECENDO É UM SINAL DE DEUS, INSPIRANDO HOMENS PARA FAZER JUSTIÇA NA VIDA E NA CARREIRA DE BRAVOS GUERREIROS, QUE DEDICARAM E DEDICAM SUAS VIDAS POR ESTE PAÍS.
    PIMENTA NELES!!!!!!!!!!!

  • ACREDITO setembro 11th, 2012 4:24 am

    Pimenta Presidente o tempero que o Brasil precisa

  • CAXIAS-RJ setembro 11th, 2012 11:06 am

    Meus amigos do QE:
    Hoje em especial rendo minha almenagem ao comentário ( Rios 05/09/2012), olha
    meu camarada ainda resta pessoas que dizem que o QE não estudou, entre todos
    que aqui comentarão algo durante todo este tempo eu, ainda não tive o prazer de
    ler um com tanta riqueza de detalhes e conhecimentos tecnicos como o seu.
    Parabens por seu comentário em todo os sentidos.
    Dep. Paulo Pimenta, não deixe de fora nossos companheiros da reserva.

  • Fabiano setembro 11th, 2012 11:46 am

    Parabéns Grande Líder Paulo Pimenta e Assessoria, já que o Ministro da Defesa, Celso Amorim disse orientado pelos Tristes Chefes Militares que os Sargentos do Quadro Especial não tem competência nem grau de escolaridade para assumir funções de 1º Sgt e Subtenente, que é tudo mentira pois os mesmos já fazem exercem essas funções a anos, pois tem compromisso com o trabalho, diferentemente dos de “escola” que somente pensam em transferências e estudar para sair do Exército. Na Emenda ao PL 4373_2012 Faça o seguinte: 1) Para ser promovido a 2º Sgt aqueles que possuem certificados primário e Ginasial; 2) Para ser promovido a 1º Sgt os possuidores de certificados de Ensino Médio e 3) Para serem promovidos a Subtenenetes os possuidores de Diplomas de Terceiro Grau.

  • cesar augusto moreira dario setembro 11th, 2012 2:28 pm

    Olá. Bom dia Sr Deputado Segundo o projeto enviado pelo Ministério da Defesa, que sabemos que foi elaborado pelo Exercito, O Sgt QE precisa ter o ensino primário (quarta série). É do conhecimento de todos que quase 100% tem o nível médio e até o superior completo, pois essa informação repassada pelo Exercito não é verídica uma vez que foi pedido a todos os cabos estabilizados o diploma de conclusão do ensino fundamental completo. Mais uma vez o Exercito, com essa proposta, mostra que não há o interesse de reconhecer o bom trabalho que exercemos dentro da instituição. Somo s obrigados a permanecer como terceiros sargentos por mais de uma década, por falta de interesse dos nossos superiores hierárquicos, mostrando assim como a instituição ficou inerte no tempo em pleno século 21 sem acompanhar a evolução do país. Em fim acreditamos em Vossa Excelência para tentar mudar essa trágica realidade que abate o Exército Brasileiro. A família QE esta confiante no seu trabalho e do nosso grandioso Congresso Nacional.

  • POSTO OU GRADUAÇÃO NÃO DENOTA QUE O MILITAR É OU NÃO QUALIFICADO! setembro 11th, 2012 5:31 pm

    Ao ler a E.M. Nº 00324/MD, de 05/12/2011, assinada pelo Ministro da Defesa, fiquei indignado pela falta de comprometimento e/ou de conhecimento sobre a pasta que ocupa e as consequências de seus atos, pois pode prejudicar ainda mais a vida de muitas famílias.

    Sou 3º Sargento do Quadro especial há alguns anos e afirmo com todas as letras: SOU PÓS-GRADUADO PELA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA, POSSUIDOR DE DEZENAS DE CURSOS REALIZADOS EM INSTITUIÇÕES DE ENSINO CIVIS E MILITARES. Atualmente, sou Detentor de Material Carga do setor; tiro serviços de Adjunto (escala em que a maioria são 1º Sgt e ST) e exerço a mesma função juntamente com um Capitão QAO. Cabe destacar ainda, que existem 3º Sgt QE na Comissão do Exército Brasileiro em Washington nos Estados Unidos da América; em Tribunais de Justiças; em Ministérios; em Missões de Paz; na Vice-Presidência da República; na Presidência da República, dentre muitos outros locais, desempenhando funções que exigem QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL AMPLA E DIVERSIFICADA.

    POSTO OU GRADUAÇÃO NÃO DENOTA QUE O MILITAR É OU NÃO QUALIFICADO! Particularmente, conheço vários Sgt QE que são graduados, especialistas e mestres, com vasto conhecimento nas áreas em que desempenham os seus trabalhos, cursos realizados em organizações militares e civis, os quais são obrigados a se aprimorarem visando aumentar suas rendas porque os salários na caserna não dá para manter suas famílias.

    Fomos esquecidos por muito tempo, as FAA pagam salários irrisórios pela qualificação que temos e agora falam que SOMOS SEMI-ANALFABETOS E DESQUALIFICADOS EM VEZ DE AJUDAR NA JUSTA E MERECIDA PROMOÇÃO.

    Pela minha formação acadêmica e militar, o justo seria ter um plano de carreira bem mais amplo que o de Subtenente. Porquê não promovem os 3º Sgt QE com curso superior em vez de contratar Oficiais Temporários?

    Por fim, agradeço ao nobre Deputado Paulo Pimenta pelo empenho!

  • Vitor Hugo setembro 11th, 2012 6:40 pm

    Sr. Deputado Paulo Pimenta, agradeço sinceramente pela notável e constante luta ao reconhecimento das demais promoções do Sgt do Quadro Especial, tenho certeza que as minhas manifestações de gratidão pela demonstração de respeito e interesse as pretensões da classe é a mesma de muitos companheiros de farda, pois fomos esquecidos por quem de direito deveria realizá-lo, grande Abraço!

  • Vitor Hugo setembro 11th, 2012 6:52 pm

    Sr. Deputado Paulo Pimenta, agradeço sinceramente pela notável e constante luta ao reconhecimento das demais promoções do Sgt do Quadro Especial, tenho certeza que as minhas manifestações de gratidão pela demonstração de respeito e interesse as pretensões da classe é a mesma de muitos companheiros de farda, pois fomos esquecidos por quem de direito deveria realizá-lo, grande Abraço do Tamanho do Rio Grande do Sul, Tchê!

  • Ferreira - Cáceres-MT setembro 11th, 2012 7:10 pm

    Exmo Sr. Dep. Paulo Pimenta.
    A minha solicitação é para que o Senhor através do Projeto de Lei nº 4373/2012, abrangesse todos os militares que foram prejudicados pela MP 2215-10, de 31 Ago 2001, que no seu Art 34, acabou com o Posto ou Graduação Superior; no meu entendimento essa MP teria que determinar que quem entrasse nas Forças Armadas, a partir de Jan 2000, não tivesse direito ao Posto ou Graduação Superior.
    Caso o Projeto de Lei seja aprovado sem modificação irá abranger um número muito pequeno de militares que ainda estão na Ativa.
    OBRIGADO POR NOS REPRESENTAR!

  • Peixoto setembro 11th, 2012 7:43 pm

    Toda família dos Sargentos do Quadro Especial vem neste espaço agradecer sua luta, pois conhece de perto o sofrimento desses brasileiros fardados, mais excluídos por um sistema que somente privilegia os Oficias e Sargentos de “Escolas” deixando a mingua os Soldados, Taifeiros, Cabos e Sargentos QE. Essa história de dizer que os Sargentos do Quadro Especial não teem competência nem qualificação para assumir cargos de 2, 1 e Subtenente é mentira, pois fazem a anos e nunca ganharam a mais por isso e nunca fomos reconhecidos. Esses Sargentos de Escola somente servem para viver pulando de galho em galho, sem querer nada com nada, mufinos e mercenários, golpistas e babões, puxa-sacos. Galgam a graduação de Terceiro, e chegam até Capitão sem fazer nenhum concurso para o Oficialato, agora querem condenar os Sgt QE. Na época (1981 a 1988) não existia a exigência de concurso público para carreira inicial, se existe alguma irregularidade o problema foi do Exército que deixou cativo os Soldados, Cabos, Taifeiros e Sargentos do Quadro Especial. O que falta é boa vontade em aproveitar e reconhecer que o segmento QE é quem dão o duro para os moleques se darem bem pois somente pensam em se dar bem em tudo. Fazemos tudo que eles fazem porém quando é para sermos reconhecidos ficamos esquecidos. Pensem numa Instituição ruim…. Jamais quero filho meu nesse sistema de castras!!!!

  • Arlindo Cavalcanti setembro 11th, 2012 7:54 pm

    Na vida militar com boa vontade, dedicação e honestidade tudo se aprende, afinal de contas não existem ninguém insubstituível. Agora dizer que somos incompetentes e desqualificados e não temos é uma grancapacidade para assumir funções de segundo sargento, primeiro sargento e Subtenente é uma grande mentira, pois na prática a muitos anos que já fazemos, sem receber nada a mais. Vamos acabar com esse papo de querer discriminar, monosprezar, rotular com preconceitos uma categoria que merece respeito. Somos na verdade grandes heróis pois sem um plano de carreira, com esmolas que recebemos, sem promoções nenhuma, sem poder fazer sequer um curso de idioma na própria força e sem perspectiva de crescer. Podemos dizer que somos escravos em pleno século XXI. Sou filósofo, tenho magistério e Pós Graduação em Metodologia Filosófica. O verdadeiro analfabeto é aquele que não quer enxergar o potencial dos seus. Paulo Pimenta o Justo a favor da causa justa. Parabéns.

  • MAURO RJ setembro 11th, 2012 10:39 pm

    Fico feliz por ter abraçado a nossa causa seremos sempre gratos, na OM em que sirvo os sargentos do Quadro Especial trabalham lado a lado com os de Escola, no SPP, SG1, licitações, S2 etc… bem diferente do que pensa o nosso Ministro da Defesa.

  • João setembro 11th, 2012 10:51 pm

    Que o Senhor abençoe…bravo pioneiro
    e serás o defensor de nossa luta…sempre entrarás na batalha pra vencer…Pimenta neles…..

  • Soares Jr setembro 11th, 2012 11:43 pm

    Mais um projeto que faz discriminação entre as três forças. Até hoje eu não entendo porque há discriminação entre as forças (Marinha, Exército e Aeronáutica) uma vez que a fonte pagadora é a mesma, tem as mesmas leis que punem e tudo mais !!!… Será que o Exército é mais importante que as demais Forças que formam as Forças Armadas !?!… Sempre que algum político elabora algum projeto de lei sempre se refere a uma única força. Exemplo é esse projeto $.373/2012, que trata somente os Sargentos do Exército, ou seja, criam mais confusão das que já existem. Os políticos devem aprender que os Comandantes Militares são “tapados” e seguem a risca o que está escritos, se estiver mencionado Exército e se for aprovado, somente os militares (Sargentos) do Exército serão beneficiados !!!…

  • Paulo Ricardo setembro 11th, 2012 11:49 pm

    Senhor Paulo Pimenta antecipadamente reverencio seu empenho em defesa de todos os militares e em especial aos Sgt QE’S.
    Sou militar de carreira da Força Aérea Brasileira pertencente ao quadro QESA. Sinto-me a vontade em escrever ao senhor afirmando que é repugnante ler o despacho do o Senhor Celso Amorim à Presidenta da República. Tal fato demonstra que é o Sr. Ministro é um fantoche ocupando o cargo de Ministro da Defesa, pois o mesmo delibera para a Presidenta da República que seus comandados não tem nível escolar necessário para uma acenção funcional e ao mesmo tempo faz um link com os taifeiros da FAB que igualmente comandados por ele e diz que estes sim podem ser SUBOFICIAIS. A saber, no passado os TAIFEIROS da FAB tinham como exigência intelectual nível primário ao passo que para ser CABO na FAB era exigido nível médio. Hoje os Taifeiros da FAB são Subtenentes e os cabos Terceiro Sargentos. Como o senhor mesmo já mencionou ONDE FICA A TÃO FALADA ISONOMIA das três Forças Armadas??????? Se um taifeiro da FAB pode ser SUBOFICIAL com nível intelectual primário porque um QE, QESA ou QEMAR não podem chegar a esta graduação???? Não defendemos a mesma Pátria que os colegas formados pelas escolas ESA,EEAR,EMAR??? Contamos com seu apoio e sentimento de justiça, da mesma forma conte conosco ao seu lado em seus anseios. Atenciosamente, Paulo Ricardo

  • JOAQUIM - RS setembro 11th, 2012 11:58 pm

    Mais um instrumento que mostra que a instituição, tem que se atualizar, principalmente reconhecer o trabalho que fazemos, pois estamos em extinção, não existiremos daqui no maximo 10 anos, ficaremos só na lembrança. Trabalhamos de igual e muitas vezes além do solicitado para mostra que estamos no mesmo nível de qualquer outra graduação. Dando nos oportunidade de capacitação e aperfeiçoamente, mostraremos do que somos feito. Pois sustentar a familia, dando dignidade ao nosso alicerce de moral e respeito, que trazemos de berço, com suor e dedicação. Grato – Joaquim Dorneles

  • Johann setembro 12th, 2012 12:02 am

    Pessoal deem uma olhada nesses links, existem inverdades sobre o Quadro Especial, parece que nossos chefes não sabem do nosso cotidiano dentro dos quartéis:
    - “Para ser promovido à graduação de 1º sargento ou de 2º sargento precisa ser aprovado no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos” ;
    “As graduações de 1º sargento e subtenente do Exército implicam reconhecimento de habilidades e assunção de responsabilidades que extrapolam a formação do graduado que integra o Quadro Especial em questão. Possibilitar a ascensão do integrante do Quadro Especial do Exército além do proposto no projeto de lei sob análise afetaria a estabilidade e a credibilidade das relações hierárquicas na organização militar, repercutindo negativamente no círculo dos pares e dos futuros subordinados do beneficiado.”
    Pessoal esse projeto que está na mesa da Presidenta é uma pedrada no Quadro Especial, para ser promovido a 2º Sgt não é necessário ter o CAS, e desempenhamos V Á R I A S F U N Ç Õ E S de 1º e até S Ten. AQUI VÃO OS LINKS: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Projetos/PL/2012/msg401-31agosto2012.htm ; http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Projetos/ExpMotiv/MD/2012/324.htm.
    DEPUTADO PAULO PIMENTA SOCORRO LEVANTE A NOSSA BANDEIRA! UM ABRAÇO DO QUADRO ESPECIAL.

  • Marcelo Cavalcante setembro 12th, 2012 12:15 am

    Não concordo com o seu comentário (Fabiano 11/09/2012), ensino médio para ST também, então os Sgts de escola tabém teriam q

  • Marcelo Cavalcante setembro 12th, 2012 12:18 am

    Não concordo com o seu comentário (Fabiano 11/09/2012), ensino médio para ST também, então os Sgts de escola para saírem QAO, também teriam que além de fazerem o CHAQAO, teriam que ter o 3º grau.

  • SIDNEI setembro 12th, 2012 12:24 pm

    Bom Dia Deputado!
    Transforme esse projeto em um só, para todo o Quadro Especial das Forças Armadas ( QE, QESA e QEMAR).

  • LUIZ ANTONIO GOMES DA COSTA setembro 12th, 2012 1:20 pm

    Gostaria de saber a situação real sobre a promoção do 3º Sgt QE (EB) p/ 2º Sgt. Estou pretendendo ir para a Reserva Remunerada em 31 de Março de 2012. Fui promovido a 3º Sgt em 01 Jun 99. Será que a promoção a 2º Sgt sáirá até 01 Dez 12 ou precisarei esperar até Jun 2013. Muito Obrigado. Aguardo resposta. Atenciosamente.

  • Paulo setembro 12th, 2012 2:21 pm

    Obrigado paulo Pimenta agradeço a Deus pela sua vida que no meio de muitos que estao ai vc e o senador paulo paim compraram a nossa briga de muitos anos sendo Humilhado e despretigiados pelos nossos Chefe e sgt de carreira

  • 3º Sgt QE ISRAEL setembro 12th, 2012 3:46 pm

    Caros Amigos, Excelentíssimo srº Paulo Pimenta, Gostaria de informa los, que eu e outros que devem estar na mesma situação que a minha: Fomos Punidos pela Medida Provisória 2215/2000, que aquela ocasião eu estava com 16 anos de serviço (jogo em andamento), mudaram a regra do jogo (direito adquirido), tirando me o direito de ir para a Reserva com uma graduação acima. Agora com esta PL 4373_2012, estão nos punindo novamente, porem já na reserva e nos querem tirar novamente um direito a promoção; Cito possuo o 3º Grau, Formado em Geografia. Não aceito que este ministro (minúsculo) venha me dizer que eu e os componentes do meu quadro sejam tachados de incompetentes e desqualificados para a função. o que ele me diz: que para ser Oficial até pouco tempo, a AMAN, não era considerada uma formação de nível Superior, o que gerava ciúmes entre os oficiais e os praças que se formavam em nível Superior seja em qual área for. Inclusive no Ano em que me formei 1998 a AMAN não era reconhecida pelo MEC como Nível Superior. Porem peço ao Nobre Deputado Paulo Pimenta, que intervenha para que não sejamos injustiça-dos novamente. Abraços. Deus Seja Louvado…..

  • Sgt Geraldo - Brasília/DF setembro 12th, 2012 5:01 pm

    Exmo Sr Deputado. O PL 4373/2012 já é o ganho de uma das batalhas desta guerra em prol de nossa merecida promoção. No entanto, é preciso corrigir os desvios. O PL seguir para o Congresso acompanhado de uma justificativa assinada pelo Minsitro da Defesa, a qual é uma alienação da atualidade do Quadro Especial. O item 6 da referida justificativa diz que “os integrantes do QE não possuem a capacitação e e odesempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível daquela FT que os habilite a uma ascensão além da graduação de 2º sargento, pois, enquanto a escolaridade exigida para admissão na escola de formação é de nível médio completo, a escolaridade exigida para o ingresso no QE é de 4ª série do ensino fundamental.” Continua…

  • Sgt Geraldo - Brasília/DF setembro 12th, 2012 5:11 pm

    Quando incorporei no Exército, fui incluído no Curso de Formação de Cabos na Qualificação Militar de Topografia da Artilharia de Campanha. O curso, que teve duração de quatro meses, era repleto de cálculos matemáticos que alguém que tivesse estudado apenas até a 4ª série, muito dificilmente conseguiria concluir com aproveitamento o curso. Dentre os alunos que realizaram o referido curso, todos a exceção de um que possuía apenas a 6ª série e esse foi reprovado, possuíam o ensino médio completo ou incompleto. Continua…

  • Sgt Geraldo - Brasília/DF setembro 12th, 2012 5:37 pm

    Na unidade em que sirvo no QG sempre ocupei funções administrativas que deveriam ser desempenhadas por 2º, 1º Sgt ou ST. Hoje ocupo função que deveria ser desempenhada por Capitão ou 1º Tenente. Tiro os serviços de adjunto ao Oficial de Dia, como todos os 2º e 1º sargentos, ocupei por vários anos a função de Encarregado de Material, que deveria ser ocupado por Subtenente.
    Sr Deputado, esses relatos visam colocá-lo a par do verdadeiro papel do Sgt QE dentro dos Quartéis do EB, pois, como eu há muitos militares no QE com Ensino Médio Completo, Ensino Superior Completo, Pós-graduação, mestrado e até doutorado. Somos os responsáveis pelos Refeitórios, pelas reservas de armamentos, atiramos, entramos em forma, tiramos os serviços e corremos os mesmos riscos que todos os outros correm. Além do mais possímos uma vasta experiência vivencial na caserna. Avante deputado, não queremos nada de mãos beijadas, mas queremos a oportunidade de galgar por mérito outras graduções no Exército, sem sermos discriminados por aqueles que sentem-se maiores e mais bem formados do que nós.
    Obrigado!

  • Sgt Marcos setembro 12th, 2012 6:45 pm

    Sr Deputado Paulo Pimenta, abaixo segue a minha contribuição para o nosso projeto:

    1) Para promoção a 2º Sargento: 3 anos de intertício e Nível Fundamental e contemplar os Inativos;
    2) Para promoção a 1º Sargento: 3 anos de intertício (2º Sgt) para antiguidade ou concurso interno (a qualquer momento) e Nível Médio; e
    3) Para promoção a Subtenente os possuidores de Terceiro Grau quando da sua passagem para a inatividade. Dessa forma não haveria Subtenente QE na ativa.
    Muito obrigado e vamos sempre acreditando.

  • Paulo Sergio setembro 12th, 2012 11:47 pm

    Muito obrigado Dep. Paulo Pimenta pela sua garra em lutar por nós estaremos sempre gratos pela sua ajuda e amizade pode contar sempre conosco Sgt QE.

  • Pedro Alves setembro 13th, 2012 2:37 am

    5. Já no Exército, a criação do Quadro Especial de Terceiros-Sargentos ocorreu vinte anos depois, inicialmente pelo Decreto nº 86.289, de 11 de setembro de 1981, reorganizado com a Lei nº 10.951, de 22 de setembro de 2004. Em nenhuma ocasião, houve no Comando do Exército a previsão legal do oferecimento de cursos internos aos soldados, cabos e taifeiros-mor da ativa e com estabilidade assegurada, que possibilitasse uma ascensão profissional similar à dos demais graduados da Força.

    Já houve sim. Já foi realizado estudos para a criação do QCP – Quadro Complementar de Praças, que iria nada mais do que fazer + ou – propõe o referido PL: Evitar que uma categoria ficasse sendo discriminada dentro da instituição. O assunto morreu e não se ouviu falar mais no tão sonhado QCP……era só uma questão de boa vontade e não estaríamos vivenciado isso agora.

    8. Para ser promovido à graduação de 1º sargento ou de 2º sargento precisa ser aprovado no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos, com duração aproximada de nove meses, concebido para atender a um público com escolaridade de ensino predominantemente administrativa, exercendo, por exemplo, a função de encarregado de material, com atribuições relacionadas ao gerenciamento de patrimônio e ao uso de meios de informática.

    Não é verdade o que afirma o nr 8.
    O 3º sargento, para ser promovido a 2º sargento, ele não faz qualquer curso. A ele é dado a oportunidade de realizar e concluir (porque ninguém reprova) o tão alegado “Curso de Aperfeiçoamento” já como 2º sargento, ao pé de que QEs no dia-dia, aprendem e desempenham funções de 1º e ou 2º sargento sem realizar o tal Curso.

  • Sgt Marcos setembro 13th, 2012 12:05 pm

    Srs Sargentos do Quadro “mais que” Especial,

    Gostaria de informá-los que em breve visita ao site do Dep. Jair Bolsonaro fiquei extremamente indignado em notar que não existe nenhuma, eu disse nenhuma menção a nossa luta pela tão esperada promoção. Solicito aos companheiros do QE e QESA e famílias a não mais votarem nesse deputado (Jair Bolsonaro) que somente vê o lado dos oficiais. Temos que colocar uma bancada de sargentos QE no Congresso, nossos familiares e amigos são muitos e não podemos concordar com esse comportamento desse deputado. Ele tá mais preocupado com Kit gay do que com as nossas famílias. Pimenta neles.

  • CAXIAS-RJ setembro 13th, 2012 12:22 pm

    “JUSTIÇA SEJA FEITA”
    O projeto estar andando realmente em ritimo de prioridade, ja se movimentou 3 vezes
    depois de seu encaminhamento.
    Agradecemos a todos que fazem parte desta caminhada, e é logico ao DEP. PAULO PIMENTA, claro que sem ele nada disso estaria acontecendo, JÁ ME TRAZ UM POUCO MAS DE ESPERANÇA QUE ANTES DA MINHA IDA PARA RESERVA AINDA SEJA PROMOVIDO, DEZEMBRO 2012.

    O agradecimento é para sempre.

  • CAXIAS-RJ setembro 13th, 2012 12:25 pm

    Turmas de 1983 e 1984 resta apenas dezembro de 2012, a ultima esperança e as maiores turmas.

    ACREDITAR SEMPRE QUE SEJA PARA TODOS,INCLUSIVE OS DA RESERVA.

  • SUGESTÃO PARA MELHORAR AS JUSTIFICATIVAS QUANTO AS PROMOÇÕES DOS INTEGRANTES DOS QUATRO ESPECIAL setembro 13th, 2012 1:14 pm

    Deputado Paulo Pimenta,

    Por que não faz uma solicitação em seu site para pedir aos militares do QUADRO ESPECIAL que encaminhem para o senhor (por e-mail, fax ou carta), as cópias de suas alteração e/ou cópias de Boletins Internos em que desempenham funções de graduações/postos acima (as quais são funções que deveriam serem desempenhadas por: 2º e 1º Sargentos, Subtenentes, Tenentes, Capitães, Majores, Tenente-Coronéis e Coronéis). Desse modo, poderá comprovar e justificar que os militares do Quadro Especial são competentes e capacitados a desempenharem funções bem acima de sua graduação.

    Informo ao Vossa Excelência que já desempenhei funções de Chefe de Carteira de Patrimônio de OM, Encarregado de Material e inclusive já assumi funções de Major e Tenente-Coronel, cabe destacar foi registrado em boletins internos e nas minhas alterações.

    Contamos com o seu apoio!

  • 3 SGT QE CRUZ setembro 13th, 2012 1:14 pm

    Aqui no 10 BEC, Lages-SC, todos os 45 QEs posssuem nível médio, destes 12 possuem nível superior, inclusive alguns já foram perseguidos por atuar na rede de ensino e saúde, tenho um colega QE praça do ano de1986, formado em psicologia que pediu baixa para atender em seu consultório. E agora vem este Ministro com um discurso preparado por Oficial Superior e aconselhado por ST|Sgt que se dizem de carreira, passar a imagem de que os QEs são analfabetos e não podem ascender graduação maior. Este documento é mentiroso e mostra quanto o exército valoriza seus quadros de praças prata da casa.

  • francisco setembro 13th, 2012 1:23 pm

    Nobre Deputado!
    Aqui abro um parentese para fazer um breve comentário a respeito do projeto acima comentado!
    Essa iniciativa é grandiosa, audaz, só podia partir de uma pessoa como Vossa Excelencia (de visão) , pois á muito tempo nossos proprios Generais já era para ter criado coisas parecidas. Mas infelizmente eles não valorizam nosso perfil.
    mas quanto a Vossa Excelencia, esta de parabens pelo projeto, pois é anbicioso e inovador, trazendo para todos os QE uma chance unica de mostrarem que são capazes de assumir e desenpenhar um função e uma graduação tão almeijada como esta.

    parabens Excelência! pelo projeto tão esperado e tão comemorado por todos da familia verde oliva!

  • Raul-DF setembro 13th, 2012 8:33 pm

    Srs Sargentos do Quadro Especial,

    Gostaria de informá-los que em breve visita ao site do Dep. Jair Bolsonaro fiquei extremamente indignado em notar que não existe nenhuma, eu disse nenhuma menção a nossa luta pela tão esperada promoção. Solicito aos companheiros do QE e QESA e famílias a não mais votarem nesse deputado (Jair Bolsonaro) que somente vê o lado dos oficiais. Temos que colocar uma bancada de sargentos QE no Congresso, nossos familiares e amigos são muitos e não podemos concordar com esse comportamento desse deputado. Ele tá mais preocupado com Kit gay do que com as nossas famílias. Pimenta neles. certo concordo plenamente nem um QE sempre votei nele e hoje em dia nem eu e monha Flia nunca mais votarei nele, ele pensa com as estrela sem ter feito a AMAN

  • mat bel boina azul setembro 13th, 2012 9:46 pm

    companheiros, vejo algumas ideias para o nosso dep, e não concordo principalmente co a sugestão de pro mover a s ten apenas aqueles que tem o ensino médio, por que, estou a 27 anos no EB e conheço inúmeros s ten apenas co a oitava série, e com certeza todos os nobres colegas sabem disso.então na minha humilde opinião todos os QEs tem sim condições de galgar estas promoções independente de grau de escolaridade.

  • SELVA! setembro 13th, 2012 9:58 pm

    Em minha OM, 90% tem ensino médio completo!!! alguns com curso superior inclusive DIREITO entre outros.

    Nobre Deputado o Sr tem argumento com sobras para derrubar “ESSA CONVERSA FIADA DE 4ª SÉRIE”

  • Felipe setembro 13th, 2012 10:18 pm

    Exclentíssimo Senhor Deputado e Assessoria, a grande verdade é que não querem de jeito nenhum fazer justiça a uma categoria que passou mais de 30 (Trinta) anos jogada, despresada, servindo a penas para servir. Porém temos um justo e líder a nosso favor o benfeitor, digno e humano PAULO PIMENTA que tem coração e é humano o suficiente para enxergar além e que por ser Justo, merece o respeito do Povo Brasileiro. Não se deixe levar por comentários de chefes militares arrogantes, prepotentes que somente vislumbra o seu horizonte. Precisamos acreditar que ainda existem cidadãos de bem. Nos ajude a ser promovidos Subtenentes. mesmo que na reserva, pois com esse gesto ficarás na história dos humildes de Deus.

  • JSevero-RS setembro 13th, 2012 10:43 pm

    Prezados Srs; temos que encurtar a conversa e solicitar o desdobramento o quanto antes dessa promoção, pois o que “eles” querem é justamente isso(estratégia), para que todos fiquem debatendo o Projeto e o tempo corra, até que a maioria passem pra reserva e ai nada será resolvido, como a alguns anos atrás, quando comentaram que teríamos uma segunda promoção e até hoje nada. Que resolvam até Dezembro essa questão, para poder beneficiar a maioria da classe, incluindo os companheiros da reserva também. É interessante citar o excelente exemplo de reconhecimento que a PM do RS realizou, ao contemplar diversos militares antigos Cb/Sd e Sgts de sua força ao serem promovidos a graduação acima, fazendo justiça aos bons serviços prestados a comunidade gaúcha.
    Ao Exmo Sr. Dep Paulo Pimenta meu agradecimento pelo engajamento na causa de uma classe das Forças Armadas do Brasil que ficou esquecida no tempo!

  • Sou QE e competente setembro 14th, 2012 2:22 am

    Marcelo Cavalcante, louvo o seu comentário ” 12/09/2012
    Não concordo com o seu comentário (Fabiano 11/09/2012), ensino médio para ST também, então os Sgts de escola para saírem QAO, também teriam que além de fazerem o CHAQAO, teriam que ter o 3º grau.” Porém, vejo que todo os cidadão teriam para desempenarem as suas funções, independentemente quais sejam elas deveriam ter intrução. Não apenas o Ensino Superior, sou QE e nem por isso parei de me aperfeiçoar. Tenhos dezenas de cursos em diferentes áreas, graduação; pós-graduação feita na UnB. Só com a exigência de graduação ou pós-graduações (especializações, mestrado, doutorado, … poderemos cobrar.

    Sei que passei muitos anos na academia (universidade e demais cursos nesta capital) e que tenho maior qualificação que a maioria dos militares que fizeram apenas cursos em escolas militares e nem por isso ganho mais.

    Portanto, acho louvável aumentar a escolaridade para todos.

  • Claudio SM RS setembro 14th, 2012 2:22 am

    Sr Deputado Pimenta, se o senhor quiser saber qual é a verdadeira situação de nós do Quadro Especial, crie uma comissão com alguns civis e 1 só QE para verificar em LÓCO como os milicos graduados gostam de dizer, e faça uma visita aleatória em apenas dois Quarteis e falem com os integrantes do Quadro ai o Sr vai ver com seus olhos a verdade sobre nós que alias é bem diferente do que pensa nosso Ministro que se diz homem CULTO. Obrigado por tudo Dep Pimenta, e um ABRAÇO para todos QEs de nosso BRASIL.

  • SANTOS - BA setembro 14th, 2012 4:14 pm

    Obrigado caro Deputado, esperamos agora pelo apoio do Sr. e de seus aliados para quebrar o argumento usado quando do envio do PL, de que não caspacidade profissional para sermos promovidos a 1º e a ST mesmo que para RESERVA, hoje a grande maioria dos QE tem ensino médio completo, estão curso faculdade ou estão com o 3º grau completo. É SIMPLES BASTA FAZER UMA PESQUISA DENTRO DA FORÇA, além disto participamos de todas as missões que os SGT de carreira, por exemplo EXAMES DE CONTRA-CHEQUES, mesmo nos exigindo só a 4ª serie para sair SGT QE, pergunto e ai? Obrigado pelo apoio, A LUTA CONTINUA.

  • sgt campos jf/mg setembro 14th, 2012 4:18 pm

    TODOS NÓS AGUARDAMOS A INDICAÇAO DO RELATOR; DEPOIS DISSO A COBRA VAI FUMAR!!!PIMENTA NELES!

  • sgt campos jf/mg setembro 14th, 2012 4:21 pm

    PODEMOS SER AGRACIADOS POR UMA OU MAIS PROMOÇOES, MAIS O IMPORTANTE DISSO TUDO É A MOBILIZAÇAO FEITA PELO QUADRO ESPECIAL EM TODO BRASIL, TEMOS QUE NOS MANTER UNIDOS SEMPRE, POIS ESSE É O CAMINHO DA VITÓRIA!!!

  • Na Fé setembro 14th, 2012 5:38 pm

    Respondendo o comentário do dia 12/09/12, do colega Sgt Marcos.
    Na sua sugestão você já está discriminando nossos colegas que por diversos motivos não tem curso superior.
    Os companheiros que estão na linha de frente, dando a cara a tapa, são os maiores merecedores dessa promoção, tendo curso superior ou não. O que você fez de concreto para contribuir com essa labuta?
    Ser discriminado por quem passou a vida toda sendo discriminado! É o fim da linha.

  • SELVA! setembro 14th, 2012 10:29 pm

    MINHA SUJESTÃO AOS COMPANHEIROS QE.

    Companheiros, quando formos designados para funções de 1º Sgt, 2º Sgt e ST deveremos diser que: “não temos condições de desempenhá-las, já que nossos Cmts afirmam erroneamente que só temos 4ª sério”!!!! assim estaremos amparados!!!!!!

    já que é isso que eles querem……

  • Roberto Martinz setembro 15th, 2012 1:15 am

    Vamos tentar com os nossos CMT de unidades um empenho para sairmos o mais rapido possivel das vagas de Cabos.

  • Leonardo setembro 15th, 2012 3:36 am

    Antes de tudo parabéns Dep Pimenta por ser um homem honrado e de palavra. Como sugestão de emenda ao PL 4373 deveria ser feio o seguinte: 1) Para promoção a Segundo Sargento o QE deve ter no mínimo 05 anos na mesma graduação e o ensino fundamental; 2) Para promoção a Primeiro Sargento o QE deve ter até 10 anos na graduação e Ensino Médio e 3) Para promoção a Subtenente o QE deve ter mais de 10 anos na graduação e Curso Superior. Desta maneira daríamos uma resposta ao Ministro da Defesa que nos tachou de Incompetentes e Analfabetos, orientado é claro pelos “Chefes Militares”que insistem em não reconhecer os Sargentos do Quadro Especial que serviu a vida troda como escravo, escada e tapete. Salve o Deputado Pimenta.

  • Francimar setembro 15th, 2012 2:55 pm

    Parabéns grande líder e ser humano, muito obrigado por sua luta em favor dos Sargentos do Quadro Especial. Gostaria de dar uma sugestão, tendo em vista o Ministro da Defesa incitado pelo Comandante do Exército, para nos ridicularizar junto a Presidente Dilma e tentar desqualificar uma categoria que tanto ralou e nunca teve melhoria, somente de Vossa Excelência. No PL 4373 o senhor poderia propor uma emenda dessa forma: Para ser promovido a 2º Sgt o QE deve ter no mínimo 05 anos de serviço e Ensino Fundamental Completo, Para ser promovido a 1º Sgt o QE deve ter até 10 anos de serviço e Ensino Médio Completo e para ser promovido a Subtenente, Curso Superior Completo. O tempo é nosso maior inimigo. Deus te proteja, juntamente com seus familiares.

  • mario setembro 15th, 2012 8:51 pm

    a cada dia é uma luta, mas vamos conseguir é questão de honra, essa promoção , tão merecida, vamos ficar de olhos abertos, para que na haja mutreta.

  • FLAVIO LIMA setembro 15th, 2012 11:50 pm

    Deputado e acima de tudo patrono, gostaria de não apenas resaltar o brilhante trabalho que vossa excelência vem fazendo, mas também o incrível resgate da dignidade destes chefes de família e verdadeiros soldados deste país. Esta pagina tem revelado para todo país o descaso e o preconceito com os integrantes do Quadro Especial.
    Exemplos abaixo:

    Ate 1998 a AMAN não era reconhecida pelo MEC como Nível Superior. Em uma jogada politica conseguiram RECONHECIMENTO.
    De 1985 a 1989 a escola de sargento era exigido o 5º ano do ensino medio .
    De 1989 a 2008 o ensino fundanenta (8º ANO), para sargento de escola.
    De 2008 em diante que exigem o ensino médio para os sargentos de escolas

    E OS INTEGRANTES DO QUADRO ESPECIAL ATÉ HOJE NADA MUDOU, JUSTIFICAM DE MANEIRA DISPLICENTE QUE TEMOS APENAS A 4ª SÉRIE .
    NOBRE DEPUTADO NOS DO QUADRO ESPECIAL ESTAMOS JUNTOS COM VOSSA EXELÊNCIA PARA FAZER TODAS AS MODICAÇÕES, EM PROL DO O RECONHECIMENTO DESTA CLASSE ABANDONADA.
    PIMENTA NELES!!!!!!!!

  • Pedro Alves setembro 16th, 2012 11:28 pm

    As perguntas é que move o mundo

    Para ter o direito de realizar o Curso de Formação de Cabos, disputei direito de realizá-lo com outros soldados em uma prova no âmbito Batalhão e que focou muita gente de fora. Essa prova não poderia ser considerado concurso interno, já que foi realizado antes da constituição de 88 ?

  • Tavares setembro 17th, 2012 10:50 am

    Muito obrigado excelência por reconhecer que os Sargentos do Quadro Especial precisam ser reconhecidos e que a justiça social os atinga. Deixo aqui uma sugestão: já que estão alegando que os QE não tem competência para assumir cargos superiores, que uma mentira inventada pelo Comandante do Exército em coluio com o Ministro da Defesa, façamos uma emenda ao PL 4373 nos seguintes termos: 1) Para promoção a 2 Sargento os que possuem 05 anos de terceiro sargento e ensino fundamental completo; 2) Para as promoção de 1 Sgt os que possuem 10 anos como Terceiro sargento e Ensino Médio completo e 3) Para promoção a Subtenente os Terceiros sargentos com mais de 10 anos na mesma graduação e Curso Superior em qualquer área. Desta forma atingiremos a grande maioria e provaremos que temos estudo.

  • Alex setembro 17th, 2012 12:17 pm

    Sr Dep Paulo Pimenta, muito obrigado pelo esforço feito por nós, espero que finalmente essa luta seja vencida, e a classe do quadro especial reconhecida porque somos esquecido por nossa instituição. Alex – RJ

  • Cb Confiante setembro 17th, 2012 4:06 pm

    Primeiramente gostaria de parabenizar a Vossa Excelência pelos trabalhos prestados em favor da nossa humilde classe QEs, gostaria de dar minha sugestão ao Deputado,, eu já responde pela função de chefe da RP do Batalhão por um período de 42 dias pelo motivo de meu feche na época estar realizando um curso e o CMT me disse que iria me deixar respondendo pela seção porque tinha capacidade pela mesma, e para mim e uma grande surpresa ler esse projeto a onde coloca nossa classe em situação complicada pela narração do texto a onde diz que não temos capacidade de exercer tal funções acima, sou promovido a Cb em 2001 e sou praça de 1992 estou completando 21 anos de serviço e ainda não fui promovido, estou previsto somente para 2014 com esse tempo que ainda falta para ser promovido não terei tempo para receber a tão esperada promoção de 2º Sgt, estou com mais de 5 anos no quadro pronto para ser promovido mais a fila ainda estão grande, ajuda nos nessa parte, um exemplo o Exercito não vai promover nem 200 Sgt em 2012, estamos sendo torturados nessa parte contamos com a vossa excelência. abraço de todos os QEs de Mato Grosso do Sul

  • Sgt Geraldo - Brasília/DF setembro 17th, 2012 5:06 pm

    Exmo Sr Deputado, na Diretoria de Saúde, QGEx, somos 11 (onze) Sgt QE.
    04 com Ensino Superior completo
    04 com Ensino Médio completo
    03 com Ensino médio incompleto (2ª série).
    Sei que a exigência de 4ª série é o que esta na Lei de 2004, mas isso já na época em que passou a vigorar já não condizia com a realidade. Sugiro a VExa solicitar dados atualizados acerca da escolaridade e formação dos Sgt QE do EB.

  • cb ri mumu setembro 17th, 2012 11:30 pm

    que deus tenha piedade dessa classe esquecida pelos seus cmts e pimenta neles

  • ENALTECER É PRECISO!!! setembro 18th, 2012 1:51 am

    Estive lendo alguns comentários postados supostamente por companheiros QE/QEMAR/QESA e me admirei com alguns que citam que sempre fomos esquecidos ou excluídos, mas notem que alguns tentam excluir este ou aquele por não possuir o ensino médio ou ainda o superior, estranho isto não acham? Acredito que exista uma comissão designada por este nobre deputado trabalhando no assunto e que possivelmente entrarão em contato com outras comissões do quadro especial que se encontram no congresso executando seus árduos trabalhos, tentando conscientizar outros nobres deputados e até mesmo senadores. Acredito que a hora é de INCLUIR e não de justificar porque “EU” tenho que ser incluído!!!!!!! Vamos aprender a conjugar o verbo na terceira pessoa do plural “NÓS MERECEMOS”. Um abraço a todos e ressalto que este é apenas um comentário e não uma crítica.

  • CAXIAS-RJ setembro 18th, 2012 9:34 am

    REF: COMENTÁRIO SGT MARCO DIA 12/09.
    Este tipo de interticio não da certo pq quem ja falta poucos meses para ir embora que é
    meu caso iria se ferrar, o negocio é deixar como estar o projeto do Dep pimenta, apartir
    dos 15 anos de serviço contar em 5 em anos uma promoção ou seja c/ 20 anos (2º ) ,
    com 25 (1º ) e indo embora Sub Ten, ai sim seria o ideal e pegaria também TODOS OS IRMÂOS DA RESERVA, eles são os principais merecedores pois os mesmos estão nesta luta desde o inicio, e estou sempre apelando ao nosso Pimenta que não deixe eles de fora, seria uma grande injustiça deixalos de fora, e eu também que arranquei meu coro para o Exército acreditando que um dia tudo seria diferente também ficaria de fora já que em dezembro deste ano tenho que partir, pois o tempo acaba, milhares de nós estão indo embora, talvez seja por isso que o EB demorou tanto a finalizar este projeto, nem nós que fomos classificados como burros levaria tanto tempo para concluir um projeto tão simplis, ja sei é pq somos QE, uma da mão de obra mas barata e profissional deste País, aonde se paga ótimos serviços com elogio e tapinha nas costas, mas somente para os chefes que nós mesmo ensinamos quando saem das famosas escolas, e quando isso acontece os mesmo nos chama de burros e incompetentes, nos viram as costas e até mesmo querem nos punir, enfim coisas da vida, só lamento ter dado minha vida, e estragado minha saúde em prool disto.

    “MAS UMA VEZ DEP. PIMENTA NOSSOS AGRADECIMENTOS”

  • Marcelo Cavalcante setembro 18th, 2012 4:53 pm

    Comentários do: ENALTECER É PRECISO!!! 18/09/2012 e AXIAS-RJ 18/09/2012;

    Excelentes comentários amigos, sensato e objetivo, agora é a hora de somarmos esforços e não ficar criando chifre em cabeça de cavalo.

    “MAS UMA VEZ DEPUTADO PAULO PIMENTA NOSSOS AGRADECIMENTOS”

  • Ti Rex setembro 18th, 2012 11:19 pm

    Boa noite, caros amigos, domingo dia 23 de Set 12, estará em Santa Maria, o Exmo Sr Dep Fed Paulo Pimenta, acompanhado do Sr Jonh Wayne ( Acessor Juridico) para darem maiores explicações sobre o Projeto de Lei 4373/12, que já está na camara.Local CTG Estância do Jarau, 10;30 horas. P PMachado.
    Abraços

  • Arlindo Cavalcanti setembro 18th, 2012 11:41 pm

    Digno é aquele que valoriza a dignidade humana, reconece o valor de cada cidadão e promove a inclusão, enxergando no homem um ser capaz de evoluir, pois alto suficiente de verdade somente Deus. Parabéns Nobre e Digno Deputado Paulo Pimenta, Líder e merecedor de nosso respeito. Que o todo poderoso lhes proporcione felicidade e que o sol da justiça sempre brilhe na sua caminhada legislativa que constroe com competência e credibilidade, preferencialmente pelas causas dos injustiçados e excluídos.

  • CAXIAS-RJ setembro 19th, 2012 9:34 am

    Amigos do QE:
    Esta luta só foi possivel porque aqueles da reserva deixaram a covardia de lado e iniciaram que por constituição talvez nós da ativa não poderiamos fazer, não sei não tenho conhecimento dos fatos, agora tem um bando agora depois de tanto tempo de luta ja existente falando coisas sem sentido, irmãos nós precizamos de vocês para apoiar nossa luta, porem o nosso plano ja foi trassado pelos camaradas que estudarão a melhor forma, aqueles que potarão as caras, aqueles que foram punidos, vamos sim mandar palavras de apoio a este modelo de projeto, projeto este que abrange” AOS IRMÃOS DA RESERVA, AQUELES QUE MERECEM TODO NOSSO RESPEITO” o projeto que apartir dos 15 anos de serviço t, uma promoção a cada 5 anos, independente de interticio, vamos acreditar que algo é possivel sim, vamos acreditar que ainda resta pessoas decente a fim de nos ajudar, vamos acreditar que todo aquele sangue que ficou em cada serviço tirado de guarda, de cabo da gurda, de sgt da guarda, no seu setor de trabalho valeu a pena, hoje é só o que resta, pois nós somos QE, gente profissional sim, militares com orgulho sim, e jamais um bando de barderneiros e analfabeto como veem falando desde o momento que se iniciou o projeto do nosso amigo Senador Paulo Paim, e o Dep. Paulo Pimenta.

    “AGRADECER A AMBOS PARA SEMPRE SIM”

  • SGT QESA JUNIOR - RJ setembro 19th, 2012 11:34 am

    Nobre Deputado Paulo Pimente um bom dia e uma boa semana para V. Exª e os seus. Gostaria de parabeniza-lo pele iniciativa da Audiência Pública sobre a situação dos QE, QEMAR e QESA e seus resultados que culminou com elaboração pelo Exército do Projeto de Lei 4373/2012, que a principio benificia somente o pessoal da ativa, as perguntas que faço são as seguintes: 1 – O presente PL pode ser estendido para os demais integrantes os que estão na Reserva, 2 – O pessoal da Aeronáutica e da Marinha seria abrangidos pelo mesmo projeto ou seria necessário que cada Força Armada tenha o seu projeto enviado ao Congresso Nacional. Muito obrigado e aguardo uma resposta.
    Com a minha mais produnda admiração, Almir C. Lima Junior – 3S QESA R1.

  • SELVA! setembro 19th, 2012 1:51 pm

    BOM DIA DEP. PAULO PIMENTA.

    Concordei com uma sugestão de um amigo nesta página!!

    Deputado, PEDE PARA O CMDO DO EXÉRCITO UM ESTUDO DA ESCOLARIDADE DOS QEs. ASSIM O SR. TERÁS PROVAS CONCRETAS DO NÍVEL DE ESCOLARIDADE DO PESSOAL.

  • MAS -QEBH setembro 19th, 2012 4:12 pm

    Nós temos lutado por um ideal e por dias melhores para os nossos familiares, tenho certeza que o nosso momento está chegando e Deus abençoando, principalmente, ao nobre Deputado PAULO PIMENTA, que sem seu esforço pela nossa causa sequer seriamos lembrados pelos nossos Superiores e Comandantes. Com a graça de Deus chegaremos em breve a nossa vitória.
    Muito Obrigado senhor Deputado PAULO PIMENTA.

  • Mauro setembro 19th, 2012 4:28 pm

    Caro Deputado, muito se falou sobre o PL 4373/2012, mas gostaria de enfatizar junto aos companheiros que não se contentaram com o que ele oferece que, no momento, o tempo é o nosso pior inimigo, não adianta ficarmos pleiteando coisas que sabemos que não vamos receber. Essa promoção, à 2º Sargento, se vier, não ameniza nossa situação mas, pelo menos, diminui o “abismo salarial” existente dentro do próprio Exército, pois poucos sabem que o Sargento do Quadro Especial faz todas as tarefas que são inerentes aos sargentos formados na ESA, porém eles tem progressão em suas carreiras enquanto somos deixados no limbo, estacionados numa graduação, tratados como escravos, cumprindo todas as missões que “eles” não querem cumprir por se julgarem superiores a nós. Que o PL 4373/2012 seja aprovado, mesmo da forma como foi apresentado e que ele abranja à todos.
    Nunca é demais agradecer ao Deputado Paulo Pimenta, MUITO OBRIGADO!!

  • Na Fé setembro 19th, 2012 7:03 pm

    Nobre Dep Paulo Pimenta, cadê o relator do Projeto?

  • SIDNEI setembro 19th, 2012 7:11 pm

    Não tá Morto quem peleia!
    Tenho certeza da VITÓRIA.
    QESA, QE e QEMAR, em um só PL.

  • Cb Jamelão setembro 19th, 2012 7:46 pm

    MEU DEUS, QUANTO PRECONCEITO!!! INCRIVELMENTE O EXÉRCITO CONTINUA REBOCADO PELA OUTRAS FORÇAS (MARINHA E FAB)SÓ PROGREDINDO AOS EMPURRÕES…. CONHECI MUITOS SARGENTOS QE E COM ELES MUITO APRENDI.
    ACHO PARTICULARMENTE INTERESSANTE, QUE AO MESMO TEMPO QUE OS SARGENTOS SE LEVANTAM CONTRA A CRIAÇÃO DO CHAQAO, PARA ELES, TAMBÉM CRITICAM A JUSTA, EU DISSE JUSTA, CRIAÇÃO DE OPORTUNIDADE DE PROGRESSÃO NA CARREIRA PARA OS DEMAIS PRAÇAS, NOSSOS COMPANHEIROS, NOSSOS SUBORDINADOS, E MUITAS VEZES NOSSOS ORIENTADORES.
    AS VEZES ME PARECE QUE ALGUMAS PESSOAS QUE AQUI VÊM COMENTAR SOBRE OS ARTIGOS PUBLICADOS, SÃO MOVIDAS PELA INVEJA, POIS NÃO PARAM DE SE COMPARAR AOS OFICIAIS E PRINCIPALMENTE AOS DEMAIS SERVIDORES PÚBLICOS E AGORA AOS COMPANHEIROS MENOS FAVORECIDOS DENTRO DA FORÇA. CRITICAM OS COMANDANTES E OS OFICIAIS MAS FAZEM IGUAL A ELES. ISSO É HIPOCRISIA. PENSO QUE SE A PRESIDANTA AO INVÉS DE DAR 30% PARA NÓS TIVESSE REDUZIDO OS SALÁRIOS DOS DEMAIS SERVIDORES TERIA AGRADADO MAIS A ESSAS PESSOAS.
    MUITOS DOS SGT QE QUE CONHECI POSSUEM CURSO SUPERIOR, ALGUNS MAIS DE UM CURSO E, PASMEM, SÃO UTILIZADOS PELOS CMT DE OM COMO CONSULTORES SOBRE VARIOS ASSUNTOS AFETOS A SUA ÁREA DE FORMAÇÃO (DIREITO, ADMINISTRAÇÃO, ED. FÍSICA. ETC…)MAS NÃO OBTÉM NADA EM TROCA, CONTINUAM LÁ SENDO TRATADOS COMO “CABO VÉIO”. A CADA DIA EU ME CONVENÇO MAIS: OS INTERESSES SÃO MUITO DIFUSOS, “PARA MIM É BOM, PARA O OUTRO NÃO”. QUE COMPETIÇÃO É ESSA? QUE BUSCA POR TER ALGO QUE OS QUE ESTÃO ACIMA TÊM, COM A INCESSANTE INSISTÊNCIA DE NÃO DEIXAR OS QUE ESTÃO EMBAIXO SUBIR? ASSIM, NOS IGUALAMOS ÀQUELES A QUEM CRITICAMOS ÁCIDAMENTE, TODOS OS DIAS.
    PARABÉNS AO QUADRO ESPECIAL E SINTO MUITO, MUITO MESMO, QUE ESSA PROMOÇÃO NÃO SEJA ESTENDIDA ATÉ A GRADUAÇÃO DE SUBTENENTE, ASSIM COMO A DOS SARGENTOS ATÉ CAPITÃO.

  • mario setembro 19th, 2012 8:41 pm

    amigos qes ja foi nomeada a relatora do projeto, e a DEP PERPETUA ALMEIDA DO PCDOB,vamos bombar o site dela,peço aos amigos que evitem comentarios infelizes quanto ao projeto,pois nas emendas todos serao contemplados,inclusive reserva e pensionistas,ja ta tudo acertado com o dep pimenta.domingo dia 23 as10;30hs no CTG estancia do jaral en santa maria,compareçam com seus familiares,e importante para a nossa causa,o dep estara la conosco,abraço a todos e ate domingo.e…PIMENTA NELES.

  • luis eleno setembro 20th, 2012 9:48 am

    Pense…

    Ate 1998 a AMAN não era reconhecida pelo MEC como Nível Superior. Em uma jogada politica conseguiram RECONHECIMENTO.
    De 1985 a 1989 a escola de sargento era exigido o 5º ano do ensino médio (PRIMÁRIO)e chegavam até Oficial)
    De 1989 a 2008 o ensino fundanenta (8º ANO), para sargento de escola. (e chegavam até Oficial)
    De 2008 em diante que exigem o ensino médio para os sargentos de escolas

    E OS INTEGRANTES DO QUADRO ESPECIAL ATÉ HOJE NADA MUDOU, JUSTIFICAM DE MANEIRA DISPLICENTE QUE TEMOS APENAS A 4ª SÉRIE .
    NOBRE DEPUTADO NOS DO QUADRO ESPECIAL ESTAMOS JUNTOS COM VOSSA EXELÊNCIA PARA FAZER TODAS AS MODICAÇÕES, EM PROL DO O RECONHECIMENTO DESTA CLASSE ABANDONADA.
    PIMENTA NELES!!!!!!!!
    De Flavio

  • luis eleno setembro 20th, 2012 10:13 am

    Patrono Dep. Paulo Pimenta,
    Acredito que seria justo como especificado abaixo:
    15 anos de serviço – 3º Sgt QE
    20 anos de serviço – 2º Sgt QE
    25 anos de serviço – 1º Sgt QE
    30 anos (ou tempo para reserva) – indo para reserva como STen QE
    OBS: os 1 º Sgt QE que tiver curso SUPERIOR poderia fazer o CHACAO, e chegar ao Oficialato)

    Sugestão minha, apenas seideleno@gmail.com
    Deus sempre estará para um futuro melhor e mais bonito (aprendam a perdoar)

  • CAXIAS-RJ setembro 20th, 2012 11:15 am

    DEP. PERPETUA ALMEIDA-PCdoB , é o nome da relatora.
    Amigos do QE este é o momento e a vez, vamos mandar e-mails a esta Deputada em apoio ao projeto, nós já nadamos muitos km para morrer na praia, faça também sua parte ,você que é do QESA-QEMAR e principalmente QE, da ativa e da reserva, e também quem é pensionista, talvez nunca na história tenhamos outra chance, vamos a luta gente, mande seu pedido com inteligencia e sabedoria, lembre-se do quanto já sofremos sem promoção e com tanta discrinação, lembrem das nossas familias que sempre esteve ao nosso lado sofrendo calados compartilhando de tantas dificuldades e injustiça, enfim não tenha medo de ser feliz, participe desta história e também desta página ruim que certamente ficara no passado.

    “É SEMPRE BOM LEMBRAR DE AGRADECER A QUÉM É DE DIREITO “PP”

  • Raul_DF setembro 20th, 2012 11:16 am

    Bom dia, caros amigos, domingo dia 23 de Set 12, estará em Santa Maria, o Exmo Sr Dep Fed Paulo Pimenta, acompanhado do Sr Jonh Wayne ( Acessor Juridico) para darem maiores explicações sobre o Projeto de Lei 4373/12, que já está na camara.Local CTG Estância do Jarau, 10;30 horas. P PMachado.

    Outro bizu ja foi nomeada a relatora do projeto, e a DEP PERPETUA ALMEIDA DO PCDOB,vamos bombar o site dela,peço aos amigos que evitem comentarios infelizes quanto ao projeto,pois nas emendas todos serao contemplados,inclusive reserva e pensionistas,ja ta tudo acertado com o dep pimenta.domingo dia 23 as10;30hs no CTG estancia do jaral en santa maria,compareçam com seus familiares,e importante para a nossa causa,o dep estara la conosco,abraço a todos e ate domingo.e…PIMENTA NELES.

  • Marcelo Cavalcante setembro 20th, 2012 1:28 pm

    Mário
    19/09/2012

    Excelente notícia Mario, e muito obrigado por tudo que vocês aí do sul estão fazendo por nós do QE, fale com o Deputado Paulo Pimenta da nossa satisfação em poder contar com um parlamentar de grande sabedoria e humildade.
    Mario, você sabe quais são as emendas que vão ser anexada ao PL? Poderemos ter a esperança de irmos para a reserva com o soldo de ST?
    Mais uma vez obrigado ao Deputado a todos os assessores e QEs do grande estado do Rio Grande do Sul.
    Sgt QE 1984

  • Marcelo Cavalcante setembro 20th, 2012 2:24 pm

    - Relações Exteriores e de Defesa Nacional;
    - Finanças e Tributação (Art. 54 RICD) e
    - Constituição e Justiça e de Cidadania (Art. 54 RICD) – Art. 24, II
    **Proposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões – Art. 24 II
    Regime de Tramitação: Prioridade

    ** (Art. 54 RICD)
    Art. 54. Será terminativo o parecer:

    ** (Art. 24 II)
    Art. II – discutir e votar projetos de lei, DISPENSADA A COMPETÊNCIA DO PLENÁRIO, salvo o disposto no § 2 o do art. 132 e excetuados os projetos:

  • Marcelo Cavalcante setembro 20th, 2012 2:26 pm

    Ou seja amigos do QE, só estamos dependendo das comissões e seus relatores para sermos beneficiados com o PL.

  • joao candido setembro 20th, 2012 7:57 pm

    CAROS COLEGAS QE DE SANTA MARIA-RS E REGIÃO CONVIDAMOS A COMPARECER NO CTG ESTANCIA DO JARAU DOMINGO DIA 23/09/2012 AS 10:30 DE DOMINGO ,JUNTO COM O NOSSO NOBRE DEO.PIMENTA ,TRATAR DE ASSUNTO DA NOSSO INTERESSE. CONVIDAMOS O MAIOR NUMERO POSSIVEL DE QEs DA REGIÃO PARA CONPARECER A ESSE EVENTO. OS CINCO DE SANTA MARIA.

  • mario setembro 20th, 2012 9:05 pm

    amigo marcelo, sei sim ,com certeza beneficiara a todos sem excessao,pois e similar ao dos tf da aeronaltica.nos os qes que iniciamos essa luta aqui no sul vamos ate o fim junto com pimenta.

  • ENALTECER É PRECISO!!! setembro 21st, 2012 1:03 am

    Assisti a uma reportagem em nossa TV local (SP) que hoje é dia do GAÚCHO, segundo esta mesma TV feriado no Rio Grande do Sul, se for verídica a informação deixo meus PARABÉNS a todo povo gaúcho.
    Um abraço.

  • Ely Ferreira / PE setembro 21st, 2012 10:58 am

    Acredito sim que vamos conseguir essa vitória, diante mão agradeço ao DF Paulo Pimenta que Deus o ilumine cada vez mais. Brasil acima de tudo!!

  • Jeneton setembro 21st, 2012 10:06 pm

    GRANDE LÍDER Dep Paulo Pimenta e Competente Assessoria, O Comandante do Exército, juntamente com o Ministro da Defesa querem barrar seu Projeto e o PL 4373, pois odeiam o PT e querem mostrar que quem manda ainda são eles, pois não querem de jeito nenhum promover os Sargentos do Quadro Especial a Subtenenetes. Mostre a eles Deputado que quem manda é a Democracia e a Justiça Social.

    O DEPUTADO PAULO PIMENTA PRECISA SABER DISSO UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

    Senhores,

    Acabei de receber esse documento, mantive contato com a fonte, e foi informado que as mudanças vão realmente ocorrer dentro do Exército Brasileiro.

    A grande preocupação está voltado para duas categorias: Os sargentos do Quadro Especial : O Comando do Exército, está estudando uma forma de criar a promoção na ativa para a graduação de 2ºsgt QE, evitando dessa forma a intromissão de alguns deputados federal do PT/RS que estão com proposta para apresentar a Presidente Dilma, permitindo criação de uma lei que venha proporcionar a promoção dos militares do Quadro-Especial a graduação de Subtenente no Exército, tal como ocorreu com o pessoal Taifeiro da FAB. Dentro do Exército Brasileiro não existe lei que trata a respeito do avanço funcional dentro da carreira, e sim portarias. Os Sargentos de carreira: Na verdade a evasão dos sargentos/subtenentes tem preocupado a Força – Terrestre, muitos militares tem entrado na força, e usando-a como trampolim para outras carreiras de Estado.Geralmente esses militares estão alocados em repartição administrativas. O comando estuda a possibilidade de criar alguns cargos de graduação entre 1º Sgt e ST e designar todos os militares de carreira que estão em função administrativa para atuar envolvido diretamente com a tropa.

    Aposentadoria: Estudos apontam para 35 anos efetivo de serviço, outros tanto informam que poderá chegar a mais de 40 anos de serviço, devido a perspectiva de vida do povo brasileiro ter alcançado patamares dos países de primeiro mundo.

    Os demais estudos segue abaixo, conforme repassado a este Comando, in verbis:

    Data: 13 de setembro de 2012 14:08

    Assunto: APERFEIÇOAMENTO DOS PLANOS DE CARREIRA DOS QUADROS DO EB

    Para: LIMA VERDE

    Para conhecimento…

    Assunto: APERFEIÇOAMENTO DOS PLANOS DE CARREIRA DOS QUADROS DO EB

    Conforme Portaria 134 Cmt EB de 28 FEV 12 para o referido aperfeiçoamento

    Foram debatidos alguns itens de interesse para a carreira dos Graduados, não sei se outras OM estão fazendo GE(grupos de estudos) para enviar propostas ao MD ou ao Cmt Ex, mas aqui serão enviadas algumas propostas sobre estes assuntos.

    1) Criar novos cargos administrativos para os of QAO, ST e sgt QE – A idéia do documento é retirar militares combatentes em OM operacionais de atv adm. Dar vazão ao grande número de militares sem devido cargo, possibilitar ao QAO ser nomeado professor de CM devidamente capacitado.

    2) estudar a criação de graduações intermediárias em relação äs existentes (Sargento Mor entre a grad de 1o Sgt e Sten).

    3) Estudar a regulamentação de um Plano de demissão voluntária – Foi realizado este estudo e chegou-se a conclusão que no momento atual não é interessante ao EB.

    4) Diminuir interstícios em cada graduaçào.

    5) Tentar elevar a graduação de Superior Tecnólogo o CFS.

    6) Não se cita o CHAQao em nenhum momento do referido documento.

    7) Foi sugerida a nomeação de St na função de instrutor.

    Foi sugerida que a função de Enc Mat seja revista para outras graduaçòes, que o STen seja um assessor direto dos cmt em diversos escalões.

    9) uma nova tabela de interstício o Sgt chegaria com 18 anos de sv a graduaçào de 1o Sgt, com 22 anos St, 24 anos 2o Ten, 1o Ten com 27 anos e a capitão com 32 anos de serviço.

    10) A outra tabela com a inserção da graduaçào de Sgt Mor ficaria assim: Com 19 anos 1o Sgt, 22 anos Sgt Mor, 25 anos S Ten, 27 anos 2o Ten, 30 anos 1o Ten e 35 de sv anos a Cap.

    11) Este comando optou em aderir a primeira tabela , com a ressalva que se caso for criada a graduaÇào de Sgt Mor , esta chegue com 18 anos de serviço, diminuindo o tempo de promoção de 3o a 1o Sgt.

    12) estuda-se a criação de novas linhas de carreira como cibernética, inteligência, logística e outras (QMS Comandos não foi citada)

    COMENTÁRIOS

    - Ficou claro que é quase certeza , que o tempo vai aumentar para 35 anos de serviço. Mas no devido documento não informa se a promoção ao oficialato será via chacao.Sugeriu (nas propostas deste comando) que o QCO seja fechado ao público civil e seja destinado somente aos praças do EB (como é na MB e FAB).

    A idéia sempre do MD(Cmdo do EB) não é mexer na LRM, para que o militar qdo for para a reserva seja aposentado com o salário integral (segundo informes o Brasil é o único país da AL que o militar recebe integralmente seu soldo na aposentadoria). Algumas mudanças estão previstas para 2030, mas nas mudanças para os praças não foi colocado prazo (se vai ser daqui a 5,10 anos que isto irá vigorar). Com isso verifica-se que é a 2a vez em uma ano que se fazem estudos sobre a carreira dos praças, talvez seja fruto da grande evasão que esteja ocorrendo em todos os quadros. Me perdoem se repassei estes informes caso alguém já soubesse deste documento.

    *** INFORMAR É DEVER DO COMANDO, MAS APURAR OS FATOS E MOSTRAR A VERDADE TAMBÉM***

    Comandante MENDES VISQUEIRA.

  • Acredito setembro 22nd, 2012 12:12 pm

    Bom dia, Gostaria de saber quais SERÃO as modificações da pl 4373 2012, alguem tem essa informação, cadê o Rogério e outros do início, lembram eram poucos que acreditavam.

    O lema é: ” PIMENTA PRESIDENTE O TEMPERO QUE O BRASIL PRECISA”

  • Ferreira - Cáceres-MT setembro 22nd, 2012 4:29 pm

    Muito Obrigado Dep. Paulo Pimenta
    Nós QEs de MATO GROSSO, especialmente de Cáceres, fronteira com a Bolivia, acreitamos muito no Senhor.

  • Sgt QE - Ijuí - RS setembro 23rd, 2012 2:29 pm

    Amigos do QE, passei para deixar um abraço a todos que estão neste momento na reunião em Santa Maria com o Nobre Deputado Pimenta e assessores…
    Que sejam acertados todas as partes do Projeto e que também CONTEMPLE TAMBÉM A TODOS NÓS QUE JÁ ESTAMOS NA RESERVA REMUNERADA…
    Esta LUTA já vem se desenrolando a tempos e essa é a hora de ter um FINAL FELIZ….
    Devemos torcer por um acerto dentro da proposta do Nobre Deputado no Congresso Nacional que contempla a todos os Militares do Quadro Especial…
    E NÃO DEIXAR SER APROVADA A PROPOSTA DO EXÉRCITO QUE SÓ QUER PROMOVER QUEM ESTA NA ATIVA…
    Que DEUS ilumine a cabeça de todos os envolvidos direta e indiretamente nestas tramitações do Projeto de Promoção dos Militares do Quadro Especial das Forças Armadas…
    Aguardo ótimas notícias…

  • CAXIAS-RJ setembro 24th, 2012 12:23 pm

    “AGRADECIMENTOS”
    Agradeço aos companheiros do RIO GRANDE DO SUL pelo suporte dado a este projeto, eles que iniciaram esta jornada, em especial os cinco de Santa maria aqui vai o meu agradecimento, os nossos agradecimentos, vamos a luta sim, e esperar que o amanhãn será bem melhor que hoje.

    “OBRIGADO SEMPRE, Dep. PAULO PIMENTA”

  • Marcio Rafael Oliveira setembro 24th, 2012 2:58 pm

    Exmo,Deputado Federal PAULO PIMENTA,é com grande satissfação e orgulho que venho até Vsa Excia agradecer o seu empenho de LUTA em favor dos QE,Apoveito a oportunidade para AGRADECER AO SENHOR PELA SUA DEDICACAÇÃO E BOA VONTADE EM NÓS AJUDAR TAMBEM´,QUE SÃO OS CABOS E SGT DA AERONÁTICA POIS SOU QUADRO DE CABOS E TENHO CERTEZA E CONFIRMAÇÃO DE MUITOS COLEGAS QUE Vsa Excia TAMBÉM JÁ ABRAÇOU A NOSSA CAUSA;QESA E QCBs,DESDE JÁ AGRADEÇO O Sr.PELA BOA VONTADE EM FAZER JUSTIÇA NÃO SÓ OARA OS QE COMO TAMBEM PARA QESA E QCBs DA AERONAÚTICA,MUITO OBRIGADO DEPUTADO E PEÇO A DEUS O PROTEJA O SR E TODA SUA FAMÍLIA.AGARADEÇO DE TODO DE CORAÇÃO ;ATENCIOSAMENTE,MÁRCIO RAFAEL DE OLIVEIRA.PIMENTA NELES ,PIMENTA FAZ ACONTECER!!!!!!!! QUE DEUS O PROTEJA LHE DÊ FORÇA E SAÚDE PARA CUMPRIR AINDA OUTROS MANDATOS;AJUDANDO TODA NAÇÃO BRASILEIRA!!!!!

  • luis eleno setembro 24th, 2012 8:03 pm

    Patrono Dep. Paulo Pimenta,
    Acredito que seria justo como especificado abaixo:
    15 anos de serviço – 3º Sgt QE
    20 anos de serviço – 2º Sgt QE
    25 anos de serviço – 1º Sgt QE
    30 anos (ou tempo para reserva) – indo para reserva como STen QE
    OBS: os 1 º Sgt QE que tiver curso SUPERIOR poderia fazer o CHACAO, e chegar ao Oficialato)

    Sugestão minha, apenas seideleno@gmail.com
    Deus sempre estará para um futuro melhor e mais bonito (aprendam a perdoar)

  • minas setembro 24th, 2012 9:13 pm

    Minas gerais está torcendo..

  • mario setembro 25th, 2012 1:53 am

    obrigado amigo caxias-rj também sou carioca,e tenho orgulho de estar aqui no sul junto com com os bravos amigos gaúchos nessa luta,vamos ate o fim,pois esta vindo coisa boa por ai ,aguarde e verá .

  • mario setembro 25th, 2012 1:59 am

    amigos QES ,palavras do dep pimenta na reunião de domingo em santa maria,O PROJETO TEM QUE SER VOTADO ATE DEZEMBRO DE 2012.o resto não da para dizer aqui por enquanto.abraço a todos.

  • Pereira_RS setembro 25th, 2012 10:58 am

    Para Flia QE

    Bom dia, caros amigos, dia 23 de Set 12, estivemos numa confraternização em Santa Maria-RS, com Exmo Sr Dep Fed Paulo Pimenta, acompanhado do Sr Jonh Wayne ( Acessor Juridico) no qual foram foram dados todos os esclarecimentos do nosso Projeto de Lei 4373/12, que já está tramitando na câmara.
    A confraternização deu-se no CTG Estância do Jarau, 11;30 horas, a o debate foi muito promissor, e contamos com a presença de um publico significativo dos QE(S) e suas Flias de toda à região foi debatido e retirada as duvidas da caminhadas que teremos que enfrentar na oportunidade do encontro foi entregue ao Dep Paulo Pimenta as emedas para a melhoria do nosso projeto ;

    Outro situação esclarecedora que a senhora relatora do projeto, DEP PERPETUA ALMEIDA DO PCDOB, não é ela que vai dar o parecer conclusivo ela é a pessoa que vai indicar o nome do relator conclusivo desse projeto, sendo que esse relator é a pessoa que aceitar ou não as nossas reivindicações para a PL e aceitar as emendas apresentada por nós, foi a cordado entre os presentes, que todos os QE(s) de norte a sul de leste a oeste temos que nos unirmos, a hora é agora temos que mandar E Mail para o seus deputados e senadores da sua região, pedindo para apoiarem essas emedas, só assim vamos conseguir a vitória, vamos bombar o site deles,peço aos amigos que não enviem comentários infelizes quanto ao projeto,pois nas emendas todos serão contemplados,inclusive reserva e pensionistas, a nossa reunião teve duração de mais o menos duas horas ,abraço a todos ,
    O nosso projeto vai ser votado ainda esse ano!! aguardem !! Fação a sua parte eu estou fazendo a minha!! Fiquem com Deus porque eu estou com ele!!

  • Rios-RS setembro 25th, 2012 11:39 am

    Flia QE
    Não tenho Certeza de nada, nem quero! poço mudar de opinião, tudo que sei é que hoje estou aqui, amanhã sei La, a única coisa que posso provar é quanto o cuidado de Deus para comigo. A minha fé. O que tenho vivenciado todos os dias.Acredito na vontade de Deus, nada foge ao seu propósito, nada é por acaso, assim como Deus me deu o livre arbítrio e me deixa seguir com os meus próprios pés o caminho que eu achar melhor para dar aos meus passos. E se amanhã, o dia não for como eu esperava a culpa não é dele, é minha. Sou eu que faço a minha escolha e cada semente que hoje eu planto, será o fruto que colherei da minha própria decisão, faça a sua parte a hora é agora, se não nos unirmos, amanhã não fique arrependido!! Rumo a vitória a PL 4373/2012

  • CAXIAS-RJ setembro 25th, 2012 4:16 pm

    (MÁRIO- 25 /09)
    Amigo o que me conforta é saber que ainda existem pessoas decente e com espirito de justiça, capaz de fazer transformações maravilhosas em nossas vidas,
    somos uma classe tão sofrida e que sofremos calados tantos e tantos anos, e só
    agora nasce este que sem dúvidas marcará um novo tempo e uma nova história em nossas vidas, este que o povo escolheu e que sabe muito bém honrrar seu mandato,
    sabe! aqui estão os poucos dos muitos que somos, mas capazes de entender que só
    com a união a perserverança,o respeito e o o companheirismo seremos vitoriosos,
    talvez um dia, todos que são do contra, saberão de verdade o que é sofrer tantos anos sem promoção e sem luz ao fim do túnel, parabens a todos.

  • braga setembro 25th, 2012 5:57 pm

    Familia QE… a hora é essa, não podemos fraquejar, a vitoria esta proxima, vamos nos mobilizar, nos unir mais, cade a familia QE de todo esse imenso BRASIL? vamos orientar os companheiros que ainda estao em cima do muro para que venham atraves desse espaço tão importante, deixar a nossa gratidão e respeito, nosso desabafo, nosso incentivo…
    ao nosso nobre Dep Paulo Pimenta e sua equipe, o nosso muito obrigado, que DEUS abençoe vocês e suas familias……e força familia QE

  • Na Fé. setembro 26th, 2012 2:22 pm

    Liberem os comentários mais rápido.

  • Selva! setembro 26th, 2012 2:45 pm

    Bom dia amigos do QE.

    Gostaria de propor que alguém formulassem um TEXTO PADRÃO (bem objetivo e esclarecedor), para que todos os QEs pudessem copiar e colar nos e-mail para que mandemos para os Deputados de nossos Estados.

    QUE TAL????

  • Peixoto setembro 26th, 2012 3:58 pm

    ………./………/ 2012

    Excelentíssima Senhor Parlamentar

    Os Sargentos do Quadro Especial do Exército precisam de vossa interseção e senso de justiça social, no Projeto de PROMOÇÃO DOS SARGENTOS DO QUADRO ESPECIAL DO EXÉRCITO. (PL 4373 de 31 Ago 2012) de autoria do Poder Executivo, precisando de emendas para nos contemplarnos com a graduação de SUBTENENTE, que por mais de 03 (Décadas) fomos impedidos de evoluir pelos próprios Chefes Militares. CLAMAMOS por Justiça, Valorização e Esonomia. Somos uma categoria sem Voz e Vez, sem Sindicatos ou Associações, que por anos é injustiçada e excluída dos Planos de Ascenção Profissional e de qualquer benefício que venha a melhorar nossa condição, estando sem perspectivas de vida e à margem do Serviço Público. O pleito visa corrigir injustiças gritantes e devolver a possibilidade de sonhar-mos com dias melhores, juntamente com nossos familiares. Diante do exposto pedimos que nos ajude na medida do possível que com certeza terás seu nome escrito na história de um povo que sofreu muito calado, sem ter por quem recorrer. Somos conhecedores de sua militância em prol dos mais humildes e excluídos, os pobres de Deus. Portanto em seu nome acreditamos num país mais justo e uma representante comprometida com a sociedade, pois necessitamos de vossa sensibilidade e Apoio a uma causa tão nobre, pois diz respeito a DIGNIDADE HUMANA de milhares de cidadãos brasileiros e pais de família que desde 11 de agosto de 1981, sofrem pelo descaso e perseguição do próprio sistema militar.
    Respeitosamente,

    ……………………………………………………………..

  • SIDNEI setembro 26th, 2012 5:00 pm

    Alguma novidade Deputado!
    QE, QESA e QEMAR, a nossa hora chegou; o PL e as Emendas que faltavam, até a VITÓRIA.

  • Rios_SP setembro 27th, 2012 10:37 am

    Peço que divulgue aos nossos amigos do Quadro Especial que deu entrada ontem no Congresso Nacional

    o Projeto de Lei 4.373/2012 cuja ementa é:

    Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos e
    Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de soldados estabilizados à graduação de cabo.

    Para companhar é só entrar no site da câmara dos deputados:
    http://www2.camara.gov.br/

    e preencher PL 4373 ano 2012.

    Abç.
    Rios

  • josé antonio setembro 27th, 2012 1:48 pm

    Agradeço esforço nobre deputado e espero que não deixem de fora as melhorias para os militares da Marinha e Aeronautica! Força e paz!

  • Luis Henrique setembro 27th, 2012 11:51 pm

    Gostaria de agradecer aos Deputados que estão juntos nesta luta, muito obrigado, a família militar não vai esquecer de vocês…

  • Rogério - JF setembro 29th, 2012 9:57 am

    Companheiro Acredito.

    Irmão, não há um só dia que não acesso essa página, leio todos os comentários.
    Acontece que tenho hoje uma visão diferente desse projeto QE.
    Serei eternamente grato ao Dep. Paulo Pimenta por todo o esforço que fez e sua competente assessoria, aos 5 Tchê que colocaram a cara a tapa nessa luta intensa, pois se não fosse eles nada disso estaria acontecendo.
    No entanto, não acredito que algo possa ser modificado nesse projeto, por questões simples.
    O projeto foi apresentado a Presidente Dilma e ela deu o seu aval, se o projeto sofrer alteração, todos nós QE morreremos a mingua, pois ele será engavetado iguais aos demais que já apareceram.
    Nós lutamos o bom combate mas não podemos jamais esquecer contra quem lutamos. O inimigo é forte por demais e seus tentáculos estão espalhados em vários segmentos.
    Infelizmente é isso que vejo.
    Para comprovar o que ora digo, basta verificar o que diz os artigos que constam na PL 4373/2012.
    - (Art. 54 RICD) – Art. 54. Será terminativo o parecer:
    - (Art. 24 II) – Art. II – discutir e votar projetos de lei, DISPENSADA A COMPETÊNCIA DO PLENÁRIO, salvo o disposto no § 2 o do art. 132 e excetuados os projetos:
    Deus permita que esse projeto seja aprovado antes de dezembro, o que já seria um enorme ganho, haja vista um número enorme de companheiros estarem indo embora para a inatividade devido a compulsória.
    Queira Deus, irmão, que eu esteja errado. Mas Deus é o dono do tempo e seja feita a sua vontade!
    Irmão fique sempre na companhia do Pai Celestial e felicidades junto aos seus entes queridos!!!!!

  • Julio Fernandes setembro 29th, 2012 1:39 pm

    Nobres QEs ( eu também sou). A luta que o nobre Deputado Pimenta esta engajado e na qual devemos acreditar e engajarmos também de corpo e alma é árdua.
    Vamos cerrar os punhos e partir para a luta.
    Peço que todos acreditem . vamos pedir a todos os deputados de nossas regiões que se engajem nela também.
    Que Deus abençoe a todos nós.

  • SILVA RJ setembro 30th, 2012 1:53 pm

    Dep. Paulo Pimenta, que Deus continue lhe abençoando juntos aos seus. obrigado! .

  • jose silva outubro 1st, 2012 1:58 pm

    Sr deputado:
    Que o Senhor te abençoe e te guarde e faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te de a paz.

  • Edmilson outubro 1st, 2012 4:59 pm

    Obrigado Deputado, mas peço que este projeto seja aprovado rápido pois estamos parados no tempo, pois nossos chefes não olham para os QEs, estão matando o pessoal no cansaço, estão promovendo somente por turma, ou seja cada turma tem poucos militares, ainda dividindo a turma….já tenho 22 anos de serviço, e 15 de cabo e só vou ser promovido em dezembro de 2013, socorro deputados nos ajude………………………………….

  • Ruy Moraes outubro 2nd, 2012 2:25 pm

    Parabéns Paulo Pimenta vc foi o único q se preocupou com nossa classe, enquanto nossos Cmts nunca se deram ao trabalho de reconhecer nosso valor. Obrigado!

  • pedro rio outubro 2nd, 2012 11:57 pm

    Boa Noite caro amigo, quero agradece o carinho do nosso dep paulo pimenta, mas nao acredito que va sair a promoção de 2 sgt. Saber pq? nao e interesse vc acha ser for o dep jair bolsonaro sera que ele sera a nosso favor, dificil, ser isso acontecer…. mas mesmo assim vamos acreditar. Um abraço a todos.

  • Paulo outubro 3rd, 2012 11:37 am

    Isso aí, deputado Paulo Pimenta, com certeza uma grande passo, parabéns. Uma grande vitória do Quadro Especial.

  • jose silva outubro 3rd, 2012 12:43 pm

    Obrigado pelo apoio Sr Deputado. Que a paz de Nosso Senhor Jesus esteja com você e toda sua família,

  • CAXIAS-RJ outubro 3rd, 2012 2:28 pm

    “HOJE EU SÓ ME DIRIJO AOS IRMÃOS DO SUL”
    Meus amigos do SUL, é bom lembrar que domingo dia 7, nosso amigo “JOHN WAYNE”
    precisará de nós e de nossas familias,de nossos amigos , gente uma atenção toda especial para este homem de coragem que estar sempre ao nosso lado.

  • sidnei outubro 3rd, 2012 10:26 pm

    Sr Paulo Pimenta, existem muitos que buscam por justiça. Eles contam com o Sr. Hierarquia, disciplina e “covardia”, será que são esses os pilares das Forças Armadas? O chamado Exército de Caxias será o mesmo Exército de hoje? Se fosse o mesmo Exército de Caxias, os militares do Quadro Especial (QE) não estariam sofrendo essa grande covardia por parte de seus Comandantes. Descobrimos que essa covardia acontece há vários anos. Não se conhece na administração pública servidor estagnado, impedido, sem plano de carreira e tão esquecido, não só por seus chefes, mais por órgãos de defesa dos direitos do cidadão. Neste caso, fica claramente evidenciada, a deslealdade por parte dos Generais para com seus homens. Lealdade esta, cobrada!. A tão falada camaradagem, neste caso, não acontece. A discriminação que esses militares sofrem é igual à escravidão, em pleno século XXI e aos olhos da OAB e Ministério Público. Não ter o tratamento com igualdade já é uma aberração e em pleno Estado Democrático de Direito; pior. Irmãos de farda! Irmãos de armas! Somos um só Exército! A união faz a força! A farda é a própria pele! Zelar pelo subordinado! Antes de ser militar és um cidadão brasileiro. A hierarquia e a disciplina, não se sobrepõe a busca pela dignidade da pessoa humana. Com a palavra, respeitosamente, os Comandantes! Brasil, sem justiça não há democracia.

  • wladimir outubro 4th, 2012 11:56 am

    Os QEs do 5 GAC AP em Curitiba agradecem o seu apoio
    gostaríamos de saber se há uma previsão para que o projeto seja votado, já que alguns colegas terão que ir para a reserva no inicio de 2013??

  • Sgt QE - Ijuí - RS outubro 7th, 2012 5:36 pm

    A todos aqueles que tiverem alguma NOTÍCIA sobre como anda o Projeto favor postar aqui… É ruim entrar e ver que não tem novidades……
    Espero que se tiver PROMOÇÃO, que seja a todos do Quadro Especial das Forças Armadas da ATIVA E DA RESERVA… É o justo… É o certo…
    Um abraço a a todos que estão nesta LUTA….
    Muita força e luz ao Nobre Deputado Pimenta e assessores, para que consigam com muita vontade política, uma vitória para a APROVAÇÃO do Projeto no Congresso…..

  • pimenta outubro 7th, 2012 7:57 pm

    Deus neles!!!

  • GONÇALVES CACÉRES - MT outubro 7th, 2012 11:02 pm

    A respeito da estabilidade do sd temporario.tem alguma novidade ?

  • GONÇALVES CACÉRES - MT outubro 7th, 2012 11:20 pm

    deputado federal Paulo Pimenta, boa noite tem noticias da estabilidade dos milicos temporarios. os Matogrosseses carese de algumas noticias

  • Dalmiro outubro 9th, 2012 10:08 am

    Estamos satisfeito com sua luta, mas peço a informação, previsão deste projeto virar realidade, tendo em vista que a grande maioria do pessoal do quadro QE, ja esta chegando ao seu tempo de ir pra reserva, e visto que os militares da reserva não serão contemplado com a devida promoção,fica a duvida esperar ou não, seis meses não faz diferença mas se a medida se enrolar por mais alguns anos…..não ficaria inviavel e ate la não haverá mais sgt do QE na ativa..abração

  • Na Fé outubro 9th, 2012 4:13 pm

    Para refletir:
    Se vivemos numa democracia, por que o voto é obrigatório?

  • Manoel outubro 9th, 2012 9:23 pm

    Precisamos que o PL 4373 decole o mais rápido possível, grande líder Pimenta.

  • Sgt Gaziel de Alegrete-RS outubro 10th, 2012 3:48 pm

    Kuand vai figorar , a PL 4373, de ke mês ,pessoal da reserva esta incluido,a apartir de ke ano;muito obrigado pela luta vc tem meu apoio,ke DEUS o abençoe………..camarada………..

  • Rios_SP outubro 10th, 2012 8:44 pm

    Atenção QE (S) de norte a sul leste a oeste militares da ativa e reserva a hora é agora!! Estou mandando os E Mail de todos os Deputados federais que irão votar as emendas, emendas esta que vão melhorar PL 4373/2012, mandem mensagem para eles, pedindo apoio as emendas que serão apresentadas, para nós estas emendas irão corrigir toda a injustiça que sofremos até agora:E So fazer um E Mail copia no mesmo tempo e mandar, eu ja fiz o meu e ja mandei!!

    dep.dalvafigueiredo@camara.gov.br, dep.beneditadasilva@camara.gov.br, dep.dr.rosinha@camara.gov.br, dep.carloszarattini@camara.gov.br, dep.henriquefontana@camara.gov.br, dep.franciscopraciano@camara.gov.br, dep.janeterochapieta@camara.gov.br, dep.leonardomonteiro@camara.gov.br, dep.luizsergio@camara.gov.br, dep.pauloferreira@camara.gov.br, dep.taumaturgolima@camara.gov.br, dep.elcionebarbalho@camara.gov.br, dep.alexandresantos@camara.gov.br, dep.irisdearaujo@camara.gov.br, dep.hugomotta@camara.gov.br, dep.newtoncardoso@camara.gov.br, dep.pedronovais@camara.gov.br, dep.raulhenry@camara.gov.br, dep.antoniocarlosmendesthame@camara.gov.br, dep.berinhobantim@camara.gov.br, dep.carlosalbertolereia@camara.gov.br, dep.cesarcolnago@camara.gov.br, dep.emanuelfernandes@camara.gov.br, dep.eduardoazeredo@camara.gov.br, dep.luiznishimori@camara.gov.br, dep.sergioguerra@camara.gov.br, dep.jairbolsonaro@camara.gov.br, dep.dimasfabiano@camara.gov.br, dep.missionariojoseolimpio@camara.gov.br, dep.claudiocajado@camara.gov.br, dep.majorfabio@camara.gov.br, dep.aracelydepaula@camara.gov.br, dep.andersonferreira@camara.gov.br, dep.joserocha@camara.gov.br, dep.vicentearruda@camara.gov.br, dep.gonzagapatriota@camara.gov.br, dep.abelardocamarinha@camara.gov.br, dep.damiaofeliciano@camara.gov.br, dep.sebastiaobalarocha@camara.gov.br, dep.vieiradacunha@camara.gov.br, dep.alfredosirkis@camara.gov.br, dep.robertodelucena@camara.gov.br, dep.arnonbezerra@camara.gov.br, dep.antoniobrito@camara.gov.br, dep.paeslandim@camara.gov.br, dep.leonardogadelha@camara.gov.br, dep.eriveltonsantana@camara.gov.br, dep.takayama@camara.gov.br, dep.perpetuaalmeida@camara.gov.br, dep.joaoananias@camara.gov.br, dep.jaquelineroriz@camara.gov.br, dep.atilalins@camara.gov.br, dep.eleusespaiva@camara.gov.br, dep.geraldothadeu@camara.gov.br, dep.elienelima@camara.gov.br, dep.hugonapoleao@camara.gov.br, dep.raullima@camara.gov.br, dep.jeffersoncampos@camara.gov.br, dep.georgehilton@camara.gov.br, dep.vitorpaulo@camara.gov.br, dep.ivanvalente@camara.gov.br

  • Rios_SP outubro 10th, 2012 8:46 pm

    Carta de um Sargento do Quadro Especial.
    Excelentíssimo(a) Senhor representante do povo Brasileiro, venho tomar o seu tempo, para apresentar-me, sou um profissional da carreira militar, faço parte dos milhares de Sargento do Quadro Especial do Exército Brasileiro, militares que defendem o nosso Brasil de norte a sul de leste a oeste, de todas as diversidades do mundo globalizado no qual sempre estamos prontos a cumprir a nossa missão, somos um segmento da instituição “Exército Brasileiro”que ficou estarrecida na carreira sem uma perspectiva de melhora, tudo por força de leis, e hoje como cidadão brasileiro e com a minha liberdade de Expressão assegurada pela constituição Federal, venho expor a situação caótica que encontra-se o nosso quadro, junto com as suas digníssimas Famílias, este é o grande motivo que nos levou tentar mudar esta realidade e corrigir a injustiça desse segmento esquecido da sociedade. Principal decisão que me levou à escrever para o senhor, que é a voz do povo e é o representante legal da sociedade é a pessoa que pode corrigir essa grande injustiça que enfrentamos mais de 25 anos na força.

    1. Sr Parlamentar, foi elaborado uma proposta, PL 4373/2012 em anexo , no qual o Exército considerando a necessidade de possibilitar, atendidos requisitos de tempo de serviço e de mérito, a promoção dos militares pertencentes ao Quadro Especial de Terceiros-Sargentos à graduação de Segundo-Sargento, como reconhecimento ao trabalho desempenhado por esses militares e visando estimular o empenho profissional desse segmento militar e porque não chegar até Sub Tenente? Se temos plenas condições para exercer esta função;

    2. Na Aeronáutica e na Marinha, a possibilidade de promoção do taifeiro-mor à graduação de suboficial, que equivaleria à graduação de subtenente do Exército, está regulamentada na Lei nº 3.953, de 2 de setembro de 1961, na qual há previsão de que as condições de seleção, habilitação, aperfeiçoamento e acesso seriam similares aos demais graduados daquelas Forças Singulares.

    3. Já no Exército, a criação do Quadro Especial de Terceiros-Sargentos ocorreu vinte anos depois, inicialmente pelo Decreto nº 86.289, de 11 de setembro de 1981, reorganizado com a Lei nº 10.951, de 22 de setembro de 2004. Em nenhuma ocasião, houve no Comando do Exército a previsão legal do oferecimento de cursos internos aos soldados, cabos e 3 Sargento da ativa com estabilidade assegurada, que possibilitasse uma ascensão profissional similar à dos demais graduados da Força, uma grande falha do Exército Brasileiro em não criar mecanismo para valorizar esses profissionais;

    4. Ressalte-se, ainda, que os militares do Exército integrantes do referido Quadro Especial possuem a capacitação e o desempenho profissional dos demais graduados de mesmo nível daquela Força terrestre no qual estamos habilitados a uma ascensão além da graduação de primeiro, segundo-sargento chegando na reserva com Sub Tenente, isto que esta na nossa reivindicação junto as emendas que será apresentada a V.S.ª

    5. Para ser promovido à graduação de 1º sargento ou de 2º sargento precisa ser aprovado no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos, com duração aproximada de nove meses, concebido para atender a um público com escolaridade de ensino predominantemente administrativa, exercendo, por exemplo, a função de encarregado de material, com atribuições relacionadas ao gerenciamento de patrimônio e ao uso de meios de informática e porque não criar mecanismos que nem a aeronáutica fez que valorizou esses militares, militares esses que possuem capacitação profissional no mesmo nível de um Sargento de Carreira e já ocupam essas funções;

    6. Os Sargentos do Quadro Especial do Exército são soldados, cabos que conquistaram suas estabilidades por muito esforço, uma categoria que nunca teve reconhecimento por ninguém, até surgir um deputado federal para falar que existe no fundo do poço uma categoria que deveria ser reconhecida.

    7. Esta categoria são pilares da Força, são os que fazem qualquer tipo de serviço, são motoristas de viaturas de diversas categorias, eletricistas, carpinteiros, marceneiros, pedreiros, serralheiros, pintores, cozinheiros, mecânicos de máquinas pesadas e leves e muito mais, hoje tem vários desses com faculdades de direitos, administração, computação, engenheiros, etc,

    8. Muitos sargentos que chegam da ESA, recebem orientações de QEs quando chegam aos quartéis depois de terem completado o curso. Alguns reconhecem outros não.

    9. Hoje existe QEs trabalhando em áreas Administrativas como Tesourarias, licitações, contabilidade, programadores,Trabalhos que exigem um conhecimento profundo de causa e efeito, somos os arquivo vivo das Organizações militares, somos cobrados como sargentos mas sem os direitos que é de direito;

    10. Os QEs, temos famílias constituídas em nome dela, venho encarecidamente pedir a todos os Deputados Federais e Senadores que analisem este projeto, PL 4373/2012 e apõem as emendas apresentada na votação, emendas essa que foram embasadas com base dos nosso anseio . o seu voto favorável!! Isto sim fará a correção dessa grande injustiça;

    11. Tenho certeza que posso contar com o Senhor, e sei que o senhor vai ter o discernimento de Deus para analisar a situação e corrigir essa injustiça; Tenha certeza que o senhor apoiando as emendas terá o nossa eterna gratidão e lealdade!

    Minha visão perante a uma decisão.

    “Não tenho Certeza de nada, nem quero! poço mudar de opinião, tudo que sei é que hoje estou aqui, amanhã sei La, a única coisa que posso provar é quanto o cuidado de Deus para comigo. A minha fé. O que tenho vivenciado todos os dias.Acredito na vontade de Deus, nada foge ao seu propósito, nada é por acaso, assim como Deus me deu o livre arbítrio e me deixa seguir com os meus próprios pés o caminho que eu achar melhor para dar aos meus passos. E se amanhã, o dia não for como eu esperava a culpa não é dele, é minha. Sou eu que faço a minha escolha e cada semente que hoje eu planto, será o fruto que colherei da minha própria decisão”
    3 Sargento Quadro Especial

  • Pereira outubro 11th, 2012 9:46 am

    Para Flia QE

    Bom dia, Tu QE vai acordar ou vai ficar na berlinda a hora é agora e quem agradece a tua Flia que por ela que estamos neste barco, acorda companheiro, acredite nesse projeto, se não for agora nunca mais eu ja fiz o que meu companheiro Rios-SP mandou .caros amigos, dia 23 de Set 12, estivemos numa confraternização em Santa Maria-RS, com Exmo Sr Dep Fed Paulo Pimenta, acompanhado do Sr Jonh Wayne ( Acessor Juridico) no qual foram foram dados todos os esclarecimentos do nosso Projeto de Lei 4373/12, que já está tramitando na câmara.
    A confraternização deu-se no CTG Estância do Jarau, 11;30 horas, a o debate foi muito promissor, e contamos com a presença de um publico significativo dos QE(S) e suas Flias de toda à região foi debatido e retirada as duvidas da caminhadas que teremos que enfrentar na oportunidade do encontro foi entregue ao Dep Paulo Pimenta as emedas para a melhoria do nosso projeto ;

    Outro situação esclarecedora que a senhora relatora do projeto, DEP PERPETUA ALMEIDA DO PCDOB, não é ela que vai dar o parecer conclusivo ela é a pessoa que vai indicar o nome do relator conclusivo desse projeto, sendo que esse relator é a pessoa que aceitar ou não as nossas reivindicações para a PL e aceitar as emendas apresentada por nós, foi a cordado entre os presentes, que todos os QE(s) de norte a sul de leste a oeste temos que nos unirmos, a hora é agora temos que mandar E Mail para o seus deputados e senadores da sua região, pedindo para apoiarem essas emedas, só assim vamos conseguir a vitória, vamos bombar o site deles,peço aos amigos que não enviem comentários infelizes quanto ao projeto,pois nas emendas todos serão contemplados,inclusive reserva e pensionistas, a nossa reunião teve duração de mais o menos duas horas ,abraço a todos ,
    O nosso projeto vai ser votado ainda esse ano!! aguardem !! Fação a sua parte eu estou fazendo a minha!! Fiquem com Deus porque eu estou com ele!!

  • mario outubro 12th, 2012 1:56 am

    amigo caxias, não deu pro john wayne ser eleito,pois faltou o apoio dos qes daqui,ETA RAÇA DESUNIDA,faltaram 126 votos, meus amigos,nao sei se voçes sabem,mas o projeto sera votado ate dezembro deste ano.entretanto,o dep nos encarregou de uma missao que é fazer contato com todos os deputados membros da comissão que ira votar o projeto e solicitar o apoio com as emendas.A RELAÇÃO DOS PARLAMENTARES ESTÁ NO BLOG DO QE paulorobertounião se não fizermos TODOS A NOSSA PARTE,DE NADA VAI ADIANTAR A NOSSA LUTA.PENSEM NISSO.

  • Fernando outubro 14th, 2012 11:27 pm

    Estimado Deputado Paulo Pimenta, com certeza temos nos do QE, principalmente os da reserva remunerada, reformados e pensionista, acreditamos no seu apoio, ja demostrado á varios anos, sempre interessado e nos apoiar nas nossas reivindicações. Agora mais do que nunca, desejamos sermos incluidos no bojo do PL 4373/2012, pois o próprio projeto original nos desvincula do referido projeto. Estamos certo de que teremos nossos interesses, revistos na câmara dos deputados, com o vosso apoio.. Fernando Sgt Ref AssociaçãoQE Campo Grande-MS (www.fernando-sargentoqe.blogspot.com). Até a vitória final.

  • CAXCIAS-RJ outubro 15th, 2012 4:23 pm

    AMIGO MÁRIO:12/10
    Eu fico muito triste por esta derrota do nosso amigo, e pior que isso, é saber que ainda existem milhares em cima do muro, verdadeiros sangue sugas a espera de alimento, gente que só sabe pergutar assim ai ai, algunha novuidade? são estes trastes que temos que abolir de nosso meio, gente covarde incapaz de ajundar a si mesmo, gente que pensa pouco e conformado com a miséria eo despreso, me desculpem, isto não previléio não só dai meu amigo mário, aqui também tem estas pragas trepadeira, mas fale ao amigo que os poucos que temos são leais a ele , e ao nosso Pimenta, “PEDIMOS NÃO ESQUECER OS DA RESERVA” E QUE TAMBÉM PODERIAM APARECER MELHOR, SÃO MUITOS.

  • CAXIAS-RJ outubro 16th, 2012 8:58 am

    Amigos do QE:
    A familia QE neste Brasil é gigantesca, porem alguns que postam aqui jura o apoi, mas tão somente nas palavras, poucos são realmente de luta, e nós conhecemos muito bém,
    gente neste momento temos que verdadeiramente nos unirmos se queremos chegar em
    algum lugar, minha gente temos que enviar mensagens de apoio aos Dep. da Camara Federal, Senado, Estadual, seja lá quem for, todos estes citados teve seu mandato fornecido pelo povo, então não é vergonha estes mesmo defender o interesse do povo, acordem, acreditem, este é o momento unico jamas visto em todos os tempos, estar na hora das injustiças serem corrigidas, não façam comos uns que servem comigo, que só pergunta assim , e ai, como anda o projeto?. Vamos acordar e lutar……Luta esta que é tão pouco em relação da importancia deste projeto, ou quem sabe! se calar para sempre, pore´m não mas terão o direito de reclamar.

    PIMENTA SEMPRE

  • Ferreira - Cáceres-MT outubro 17th, 2012 1:38 am

    Caros amigos do Quadro Especial
    Peço a vocês que mandem E-Mail de apio ao PL 4373, para o Sr Dep Federal VALTENIR PEREIRA, do PSB, de Mato Grosso, pois o mesmo é o Titular da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, na Câmara Federal.

  • Marcelo Cavalcante outubro 17th, 2012 12:19 pm

    Poderíamos saber quais são as emendas que serão apresentadas as comissões?
    Obrigado por tudo Exmo. Sr. Deputado Paulo Pimenta e Assessores.
    macverdao@yahoo.com.br

  • mario outubro 17th, 2012 6:25 pm

    amigo caxias,a reserva também sera incluida no projeto .entretanto so vamos conseguir se tivermos o apoio da maioria dos deputados da comissão .a relação dos dep esta no blog do qe paulorobertounião , se tiver um n° da tim fica mais facil mantermos contato(55-81233750)abraços.

  • Rios outubro 17th, 2012 9:12 pm

    Vote para apoiar a Pl 4373/2012 que vai ajudar a melhorar a vida dos QE(s) Brasil a fora!

    http://aperoladomamore.net/index.php?option=com_poll&id=7%3Asobre-o-pl-43732012-do-quadro-especial-voce-apoia

  • Ferreira - Cáceres-MT outubro 18th, 2012 1:33 am

    Caros amigos do Quadro Especial
    Peço a vocês que mandem E-Mail de apio ao PL 4373, para o Sr Dep Federal VALTENIR PEREIRA, do PSB, de Mato Grosso, pois o mesmo é o Titular da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, na Câmara Federal.
    E-Mail do Deputado: dep.valtenirpereira@camara.gov.br

  • Jordão outubro 18th, 2012 10:58 am

    Bom dia Deputado. Tudo o que está sendo feito é muito bom para a nossa classe, nó agradecemos e oramos para que Deus lhe abençoe abundantemente mas é importante lembrar que vários companheiros estão indo para reserva remunerada. O texto demonstra desamparo ao pessoal da reserva. Acredito que poucos irão receber a tão sonhada promoção. É uma pena.

  • jose silva outubro 18th, 2012 3:59 pm

    Dep. Paulo Pimenta, que a graça de nosso bom Deus esteja sempre sobre sua vida pois tem sido um veiculo de Deus para abençoar nossa vida muito obrigado!

  • Cabral outubro 20th, 2012 9:51 pm

    Amigo Mário você não pode cupar os Sargentos do Quadro Especial de não ter votado em John Waynne. Com esses julagamentos você está pregando a discórdia e querendo culpar nossa categoria. No universo dos votantes do Sr Waynne existem vários que não são militares e que as vezes se comprometem e não cumprem. Portanto amigo seja mais cauteloso quando for acusar alguém, isso que você fez é sérior. Não jogue nosso Deputado Pimenta contra nós, use a mente!

  • mario outubro 23rd, 2012 2:19 pm

    ao amigo cabral ,não se trata de julgamento,e sim de uma realidade constatada,estamos nessa luta aqui em santa maria desde o inicio,e voçê não imagina o quanto e dificil ter o apoio dessa categoria ,não comparecem as reuniões,não colaboram com nada,so sabem ficar perguntando no quartel pelos cantos, e ai como está o projeto,sai este ano, já ta na hora dessa turma acordar e fazer acontecer,quanto ao dep pimenta,não se preocupe amigo,pois ele sabe de todas as dificuldades e problemas desse projeto,e tem um compromisso firmado conosco,pois e um homem de palavra.abraços.

  • mario outubro 23rd, 2012 2:40 pm

    caros amigos qes de todo o Brasil foi nomeado o relator do pl4373 É O DEPUTADO FEDERAL CLAUDIO CAJADO DO DE-BA, FAÇAMOS CONTATO COM ELE.

  • Marcelo Cavalcante outubro 23rd, 2012 7:27 pm

    Designado o Relator do PL 4373/2012

    Andamento

    PLENÁRIO ( PLEN )

    Apresentação do Projeto de Lei n. 4373/2012, pelo Poder Executivo, que: “Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos e Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de soldados estabilizados à graduação de cabo”. Inteiro teor
    Apresentação da Mensagem n. 401/2012, pelo Poder Executivo, que: “Submete à deliberação do Congresso Nacional projeto de lei que ‘Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos e Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de soldados estabilizados à gradução de cabo.’”. Inteiro teor
    05/09/2012
    Mesa Diretora da Câmara dos Deputados ( MESA )
    Às Comissões de
    Relações Exteriores e de Defesa Nacional;
    Finanças e Tributação (Art. 54 RICD) e
    Constituição e Justiça e de Cidadania (Art. 54 RICD) – Art. 24, II
    Proposição Sujeita à Apreciação Conclusiva pelas Comissões – Art. 24 II
    Regime de Tramitação: Prioridade Inteiro teor

    23/10/2012
    Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional ( CREDN )
    Designado Relator, Dep. Claudio Cajado (DEM-BA)

    http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=554206

  • Marcelo Cavalcante outubro 23rd, 2012 7:31 pm

    CLAUDIO CAJADO – DEM/BA

    Cláudio Cajado Sampaio
    Nascimento: 12/1/1963
    Naturalidade: Salvador, BA
    Profissões: Advogado
    Filiação: José Osmar Muricy Sampaio e Jandyra de Lourdes Cajado Sampaio
    Gabinete: 630, Anexo 4, Telefone: 3215-5630, Fax: 3215-2630
    Escolaridade: Superior
    Mandatos (na Câmara dos Deputados):
    Deputado Federal, 1995-1999, BA, PFL. Dt. Posse: 01/02/1995; Deputado Federal, 1999-2003, BA, PFL. Dt. Posse: 01/02/1999; Deputado Federal, 2003-2007, BA, PFL. Dt. Posse: 01/02/2003; Deputado Federal, 2007-2011, BA, PFL. Dt. Posse: 01/02/2007; Deputado Federal, 2011-2015, BA, DEM. Dt. Posse: 01/02/2011.

    http://www2.camara.gov.br/deputados/pesquisa/layouts_deputados_biografia?pk=74537

  • Cris outubro 24th, 2012 4:49 pm

    No dia em que o nosso Projeto recebeo o relator o nosso Nobre Deputado é condecorado pela FAB.

    Parábens, V. Ex.ª é digna desta honraria!!!

    http://paulopimenta.com.br/destaque/deputado-pimenta-e-condecorado-com-ordem-do-merito-aeronautico/?cp=1#comment-4327

  • david outubro 24th, 2012 7:00 pm

    Chegou na Comissão de relações internacional e defesa, tá para avaliação do Deputado Claudio Cajado.

  • Na Fé outubro 24th, 2012 8:47 pm

    O Nobre Dep Paulo Pimenta só pode ser um homem escolhido por DEUS para representar essa classe que nunca esquecerá do que esse homem está fazendo por nós.
    Tenho certeza que todos os QEs serão gratos por tudo que o Sr Dep Paulo Pimenta está fazendo por nós. O Sr Dep Paulo Pimenta e família estará sempre em nossas orações.
    Tenha certeza que somos muito gratos.

  • mat bel boina azul outubro 25th, 2012 8:31 pm

    a vitória está próxima. tenhamos fé em Deus e no nosso patrono.

  • mat bel boina azul outubro 25th, 2012 8:35 pm

    nos quarteis existe uma certeza.eles conseguiram. esse é o pensamento de colegas que não acreditavam que seriamos promovidos.e já criaram no qcp as vagas de sargento QE.grande vitória..

  • Cb Estabilizado - Sgt QE 2012 outubro 25th, 2012 8:51 pm

    Boa tarde pessoal.
    Nobre Deputado, não sei se estou fazendo um comentário errado, mas já está aberto para apresentação de Emendas ao PL 4373/2012, tendo um prazo de cinco sessões deliberativas. Tem três reuniões marcadas na comissão até o dia 01 Nov 2012. Não podemos perder esse prazo. Quem tem um contato direto com o Dep Paulo Pimenta, twm que informá-lo, pois o mesmo tem muitas atividades.

    Um abraço a todos.

  • Marcelo Cavalcante outubro 26th, 2012 1:24 am

    Assessores como funciona essas sessões ordinárias? em quantos dias se faz essas sessões?
    Att
    Marcelo Cavalcante
    26/10/2012
    Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional ( CREDN )
    Prazo para Emendas ao Projeto (5 sessões ordinárias a partir de 29/10/2012)

    http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=554206

  • Marcelo Cavalcante outubro 26th, 2012 1:25 am

    ** Como funcionam

  • Rios-RS outubro 26th, 2012 2:45 pm

    Boa tarde!! Dep Pimenta 23/10/2012
    Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional ( CREDN )
    Designado Relator, Dep. Claudio Cajado (DEM-BA)
    26/10/2012
    Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional ( CREDN )
    Prazo para Emendas ao Projeto (5 sessões ordinárias a partir de 29/10/2012)

  • gilberto outubro 28th, 2012 5:14 am

    deputado obrigado por tudo oque o senhor tem feito por esta classe e se nao for incoveniente pergunto quando sera votado o nosso progeto obrigado

  • wagner terra outubro 29th, 2012 2:43 pm

    isso de sair 2 sargento é uma grande mentira, vcs ja viram melhorias para praça nas forças armadas, isso nunca vai acontecer, é mais uma do deputado paulo pimenta para ganhar votos na proxima eleição.

  • Ernandes - DF outubro 30th, 2012 5:03 pm

    Caro Dep. Paulo Pimenta, mais uma vez agradeço, primeiramente a Deus por estar vivo e poder testemunhar este marco tão importante para todos os Sargentos do Quadro Especial, e depois a Vossa Excelência, por ter abraçado nossa causa e dar à família QE a certeza de que com luta e perseverança seremos, sim, reconhecidos dignamente como profissionais e não somente como “arquivo vivo” na passagem de funções e encargos por parte dos sargentos oriundos de Escola de Formação.
    Peço ao nobre Deputado que não leve a mal o comentário postado por um companheiro nosso; certamente foi levado pelo acúmulo de insastifações, e não conseguiu se conter. Entretanto, não concordamos com certos desabafos; o Projeto é uma realidade e já está no Congresso, o que temos que fazer é pedir a Deus e aos nossos parlamentares que façam as emendas necessárias e votem a favor.

  • Marcelo outubro 30th, 2012 6:33 pm

    Ministro pedirá a Dilma MP para “Soldados da Borracha”

    O ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria Geral da Presidência da República, se comprometeu a fazer um esforço junto à presidenta Dilma Rousseff para que ela envie ao congresso uma Medida Provisória para equiparar o salário dos Soldados da Borracha aos dos subtenentes do exército brasileiro.

    Comento:
    Se analisarmos friamente a situação dos “Soldados da Borracha”, podemos concluir que nos Sgt do QE somos iguais a eles, pois Foi prometido aos Soldados da Borracha que, após a guerra, estes retornariam à terra de origem. Na prática, a maioria deles morreu de doenças como malária ou por influência de atrocidades da selva. Os sobreviventes ficaram na Amazônia por não ter dinheiro para pagar a viagem de volta, ou porque estavam endividados com os seringalistas (donos de seringais).
    Ao contrário dos Pracinhas, estes só foram reconhecidos como combatentes da II Guerra Mundial em 1988, e apenas com este reconhecimento tiveram direito a uma pensão vitalícia.

    Não, não prometeram nada para nós, mas também não nós reconhecem pelos grandes serviços que prestamos ao nosso País “Exército Brasileiro”.

    Que se faça justiça com os Soldados da Borracha e com os Sgt QE.

    Deputado Paulo Pimenta neles.

  • mario outubro 31st, 2012 10:16 am

    AMIGOS, JÁ TEMOS PAG NOVA,DEP PIMENTA DEFENDE VALORIZAÇÃO DOS MILITARES QE COM RELATOR DO PROGETO NA CREDN.

  • Raul_DF outubro 31st, 2012 8:11 pm

    Deputado Pimenta defende valorização dos militares QE com relator do projeto na CREDN

    Defensor dos militares integrantes do Quadro Especial das Forças Armadas, o deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) esteve reunido com o relator do projeto 4373/2012, na Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN), deputado federal Claudio Cajado (DEM-BA), nesta quarta-feira (30).
    No encontro, o deputado defendeu mais uma vez a valorização dos militares QEs, debatendo ações para aprovação e aperfeiçoamento da matéria durante sua tramitação na CREDN. Paulo Pimenta adiantou que vai apresentar emendas buscando adaptar o projeto para também atender o efetivo do Quadro Especial da Aeronáutica (QESA). Ao final da reunião, os parlamentares definiram que suas assessorias trabalharão em conjunto na construção das alterações necessárias no texto.
    Comentarios

    Ao receber msg desta por favor repasse somente para Cabos e Sgt QE. A inveja é grande e não devemos dar motivos, vamos agir com sabedoria e não ficar comentando estas noticias com quem não é o interessado, ou seja quem não faz parte da familia QE.

    Ao receber repasse com cautela somente aos interessados, ok?

    Esta mensagem e qualquer arquivo nela contidos são confidenciais. (Artigo 56 da Lei n.º 4.117 de 27 de agosto de 1962, aplicável aos crimes em telecomunicações, nos termos do art. 215, I, da Lei 9.472/97).

    As informações aqui contidas são de natureza estritamente pessoal e não representam, de forma alguma

  • Na Fé. novembro 1st, 2012 7:42 pm

    Graças a DEUS que temos um Deputado tão empenhado numa causa tão difícil como essa.
    Que DEUS continue iluminando o nosso querido Deputado PAULO PIMENTA.
    As emendas apresentadas são ótimas.
    Obrigado meu DEUS, obrigado Dep Paulo Pimenta.

  • Marcio Leal novembro 1st, 2012 11:09 pm

    Nós conquistamos nosso espaço na época em que tudo era mais exigido dos militares só os melhores e capacitados eram estabilizados.
    Nós escolhemos a profissão foi com convicção e com muito comprometimento.
    Não sera em vão a luta eu já considero a classe vitorioso.
    O muito obrigado por tudo.

  • Ivan Soamriva novembro 2nd, 2012 11:30 pm

    Dep Paulo Pimenta os Sgt QE do Paraná tem muito a agradecer a Vossa Excelência pela determinação em apoiar e lutar pela causa dos Sgt QE do glorioso Exército Brasileiro, as emendas apresentadas por Vossa Excelência visam apenas regulamentar uma prática que já acontece no Exército diariamente. Muitos Sgt QE nas diversas organizações militares ocupam cargo de 2º, 1º e até Sub Tenente, é comum os 2º, 1º e Sub Tenente, serem transferidos e um Sgt QE responder por encarregado de material, pela Sargenteação, por qualquer das pastas do S/1, S/4, S/2, Aux de compras, SALC, setor de Identificação e outras funções, portanto as emendas não vêem apenas regulamentar o que na prática já acontece, mas vem remunerar esses profissionais segunda as funções que já exercem, se trata apenas de fazer justiça.
    Agradeço a Vossa Excelência, e aproveito para lançar uma campanha nacional:

    Dep PAULO PIMENTA, para Ministro da Defesa, por mérito e por ser conhecedor das causa militares, e principalmente por ser um cidadão comprometido com o seu país, por ser o maior defensor da causa militar.

  • ADEMARIO BATISTA DA SILVA novembro 4th, 2012 11:30 am

    Obrigado senhores por serem persistentes nesta causa todos os QE seram para sempre gratos aos senhores

  • MARIA DO HORTO DE SOUZA LORENÇO RS.DOMPEDRITO. novembro 6th, 2012 10:09 pm

    SOU ESPOSA DE MILITAR DA RESERVA,MAS QUERO PARABENIZA-LO POR SUA INICIATIVA,MEU ESPOSO É TERCEIRO SARGENTO COM REMUNERAÇÃO DE SEGUNDO OU SEJA OS CHAMADOS JURUNAS,QUE DEUS LHE ABENÇOE E LHE GUARDE COM MUITA SAÚDE E QUE POSSAS FASER ALGO POR NOS.UM FORTE ABRAÇO.

  • pedro o jumento novembro 7th, 2012 5:23 pm

    ESTE CARA QUE SE DIZ MINISTRO DA DEFESA NAO TEM VERGONHA NA CARA DE ENCAMINHAR ESTA POUCA VERGONHA PARA A PRESIDENTA DILMA,ESTA BEM CLARO QUE ISSO FOI ESCRITO POR ALGUM OFICIAL BABACA,SANGUE AZUL.QUE TEM A AUDACIA DE NOS CHAMAR DE 4° SERIE,SERA QUE ESTE IMBECIL NAO VIU QUE ESTAMOS EM 2012,TEM QUE TER CURSO PARA VER ESTA BARBARIDADE DESTE SAFADO.(VERGONHA NA CARA PARA FALAR OQUE FALOU)MAS DEUS É MAIOR,ESTE MINISRO É UM PAU MANDADO DE GENERAL.

  • Na Fé novembro 7th, 2012 6:42 pm

    A VITÓRIA ESTÁ PRÓXIMA, SABE POR QUE? POR QUE DEUS ESTÁ NO COMANDO.

    DEPUTADO PAULO PIMENTA É ESCOLHIDO POR DEUS.

  • david oliveira de sousa santana novembro 7th, 2012 8:55 pm

    só contamos com o senhor, porque nossos comandantes nunca fizeram nada pela nossa classe , já perdemos vários amigos que sonhavam com essa promoção , agora só Deus e o Sr. Paulo Pimenta.

  • Raul_DF novembro 8th, 2012 12:36 am

    Boa noite a todos os Sargentos de carreira e principalmente ao companheiros QE(s)! Tenho acompanhado os comentários de alguns companheiros de carreira que são contra as emendas da PL 43273/2012, que esta sendo apreciada pela câmara que é uma conquista dos Sgt QE, fico me perguntando porque esse companheiros de fardas menosprezam os QE e, porque não unem forças para brigarem pelos seus interesse, sendo que o sargento de carreira não esta nem ai para a força, trata ao Exército como um cabide financeiro, que vem almejar algo melhor para vida,nos Sargento do Quadro Especial , sim damos a nossa vida pela instituição sendo que ficamos mais de 30anos parados na força, estarrecida por simplesmente uma questão de lei, o Exercito Brasileiro não fez e nem à interesse de fazer algo para valorizar o nosso trabalho, ou até mesmo criar formas como a marinha fez, que valorizou os seus profissionais, o Exercito tinha sim que nos valorizar, mas uma questão de sistema ficou em uma situação de inércia, sei lá porque, se somos militares , leais, e muitas vezes servimos de pilares para eles subirem e alcançarem a onde estão, somos e demos a nossa vida a Pátria Brasileira. Eu sou sargento QE, com muito orgulho, tenho o segundo Grau Completo, e possuo dois cursos técnicos, então este estigma que diz queo sargento QE tem a 4 serie é fictício, mas eu não culpo o Sgt de carreira por ser mal informado, porque nem o Ministro da Defesa Celso Amorim sabe disso quando mandou um Mensagem NR 401/2012, para a Presidenta Dilma , solicitando a promoção do Sargento QE a 2 argento ,sendo que a mais alta patente do exercito brasileiro não sabe que não existe mais sargento QE com o 4 Série, isso é o fim dos tempos , nós somos um segmento da instituição “Exército Brasileiro”que ficou estarrecida na carreira sem uma perspectiva de melhora, tudo por força de leis, e hoje como cidadão brasileiro e com a minha liberdade de Expressão assegurada pela constituição Federal, estou no final da minha carreira tentando a justiça:
    Companheiros de carreira, sei que existe profissionais ruim, tanto na classe do QE como de carreira, servi numa unidade que existe QE que trabalha a mais de cinco anos na tesouraria da OM, e O Oficial da Setor Financeiro da tesouraria não deixa ele tirar as férias em Dez , porque tinha que fazer o encerramento do Exercício Financeiro, que é cargo de Sub Ten e esse QE desempenha um papel lisonjeáveis, temos uma sargento QE que esta na Fiscalização, trabalha na área de licitação (Sgt Roberto)esse militar assessora o seu Chefe e o seu comandante com a maior Confiabilidade no qual o seu próprio chefe em outra oportunidade lhe falou, e para finalizar, tem um sargento QE que trabalha no BI (Boletim interno) da OM, esse militar é o filtro das informações , nada passa por ele sem estar devidamente correto, fora o trabalho dos armeros das OM que são militares de estrema confiança do comandante, trabalhos de administração que já estamos careca de fazer é que o Sargento de Carreira aprende em nove meses no CAS, para ser sub ten , qual os requisitos que precisamos ter, é entender do controle de carga e material, fiscalizar a tropa, é o militar braço direito do comandante de Esqd ou Companhia, simplesmente isso e fazemos à muito tempo, sendo que uma reserva esta na mão de um CB ou QE, o Sub Vive tranqüilo e cumpre bem a sua missão!!, Agora os Sargento no anônimo vem a esse Site dizer um monte de besteira é muito ridículo, nós Qe estamos brigando sim, para corrigir uma injustiça muito grande, que a força não reconhece, mas tenho certeza que os Deputados , que são a voz do povo, irão fazer essa correção apoiando as emendas apresentadas a PL 4373/2012, e aos Sargentos de Carreira parem de colocar comentários infundados sem causa e efeitos, e procurem unir-se a nós para conquistar algo, sendo que o Sargento de carreira não fez AMAN, mas sai capitão tudo é uma questão de lei, sendo se é lei o exercito vai lá e cumpre !

    Raul Rios
    Sargento QE

  • Adilson Segundo novembro 8th, 2012 10:37 am

    Prezado Deputado agradeço por sua luta a essa classe, que Deus te ilumine sempre.

  • joao francisco teixeira prais novembro 9th, 2012 7:32 pm

    amigo e defensor dos sgt qe agradeço seu esforço em querer nos ajudar se o senhor foi criticado e ofendido tenha a certeza que quando for a hora o voto dos qes sera seu e nunca dos que atacaram o senhor lute por nos e conte com nossa fidelidade caro amigo deputado. um abraço

  • Rios-RS novembro 10th, 2012 8:23 pm

    CÂMARA DOS DEPUTADOS
    GABINETE DO DEPUTADO POLICARPO
    PROJETO DE LEI N.º 4.373, DE 2012
    (Do Poder Executivo)

    Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o QuadroEspecial de Terceiros-Sargentos e Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de Soldados estabilizados à graduação de Cabo.

    EMENDA N.º

    Altera a redação do art. 1º, 2º, 3º, 4º, 5º, 6º, 7º e 8º e insere artigos 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20 e 21, ao Projeto de Lei nº 4373, de 2012, com a seguinte redação:

    O CONGRESSO NACIONAL decreta:

    Art. 1° Cria o Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA) no âmbito do Ministério da Defesa.
    Art. 2° Altera as carreiras do Quadro Especial de Praças da Armada (QEPA) do Corpo de Praças da Armada (CPA), do Quadro Especial Auxiliar de Praças (QEAP) do Corpo Auxiliar de Praças (CAP) e do Quadro Especial de Fuzileiros Navais (QEFN) do Corpo de Praças Fuzileiros Navais (CPFZ) da Marinha.
    Art. 3° Ficam extintos os Quadros Especial de Terceiros Sargentos do Exército (QE) do Quadro de Pessoal Militar do Exército e o Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA), do Corpo de Pessoal Graduado da Aeronáutica.
    Art. 4° Altera a constituição nos Corpos, Quadros e Escalas Hierárquicas dos Quadros Especiais de Praças de Carreira no Corpo de Praças da Armada (CPA), no Corpo Auxiliar de Praças (CAP) e do Corpo de Praças Fuzileiros Navais (CPFN) da Marinha.
    § 1° No Quadro Especial de praças da Armada (QEPA) as Escalas Hierárquicas serão de Cabo (CB) até a graduação de Suboficial (SO).
    § 2° No Quadro Especial Auxiliar de Praças (QEAP) as Escalas Hierárquicas serão de Cabo (CB) até a graduação de Suboficial (SO).
    § 3° No Quadro Especial de Fuzileiros Navais (QEFN) as Escalas Hierárquicas serão de Cabo (CB) até a graduação de Suboficial (SO).
    I – A promoção do Cabo à graduação de Terceiro Sargento do QEPA, QEFN e QEAP será ao completar 14 (quatorze) anos de efetivo serviço;
    II – A promoção à graduação de Segundo Sargento do QEPA, QEFN e QEAP será ao completar 21 (vinte e um) anos de efetivo serviço;
    III – A promoção à graduação de Primeiro Sargento do QEPA, QEFN e QEAP será ao completar 28 (vinte e oito) anos de efetivo serviço;
    IV – A promoção à graduação de Suboficial do QEPA, QEFN e QEAP será ao passar para a reserva remunerada.
    § Único – Fica resguardado o direito de acesso às graduações superiores previstas nesta Lei, pelo critério de antiguidade, independente do previsto no Plano de Carreira dos Quadros Especiais de Praças da Marinha (PCPM), também àqueles que, na data da publicação desta Lei, contarem com mais de 14 (quatorze) anos de efetivo serviço e já tiverem completado os interstícios para acesso às graduações superiores na forma dos incisos I, II, III e IV do artigo 4º.
    Art. 5° Fica criado o Quadro Especial Subtenentes e Sargentos do Exército (QESE),
    como Quadro de carreira, compostos de Terceiros Sargentos, Segundos Sargentos, Primeiros
    Sargentos e de Subtenentes do Exército destinado ao acesso dos Cabos, Taifeiro-Mor e Sargentos com estabilidade assegurada.
    § 1° O acesso dos cabos e Taifeiro-Mor de que trata este artigo será efetivado por
    promoção à graduação de Terceiro Sargento até a graduação de Primeiro Sargento na Ativa e
    Subtenente ao passar para a reserva remunerada, deixando aqueles militares de pertencerem à
    sua Qualificação Militar de origem, e será sempre pelos critérios de antiguidade e de
    merecimento, desde que satisfaçam aos requisitos mínimos estabelecidos no Regulamento de
    Promoções de Graduados do Exército.
    § 2° Os cabos e Taifeiro-Mor com estabilidade assegurada concorrerão à promoção inicial a Terceiro Sargento desde que possuam quatorze anos de efetivo serviço e satisfaçam aos requisitos mínimos para promoção a serem estabelecidos em decreto e as graduações superiores de acordo com o interstício vigente àquela em que ocorreu ou venha a ocorrer tanto na ativa como na inatividade dar-se-á conforme os requisitos constantes desta Lei e respectivo regulamento e será sempre limitado à última graduação do QESE, a de Subtenente na Reserva Remunerada.
    § 3° Os Terceiros Sargentos da ativa, integrantes do Quadro Especial de Terceiros Sargentos do Exército, extinto pelo art. 3°, passam a integrar o Quadro Especial Subtentes e Sargentos do Exército (QESE) a que se refere o caput.
    § 4° Os Terceiros Sargentos da ativa, integrantes do Quadro Especial de Subtenentes e Sargentos do Exército (QESE), concorrerão à promoção pelos critérios de antiguidade e de merecimento, às graduações superiores de segundo sargento a primeirosargento na ativa, limitadas a graduação de Subtenente na reserva remunerada, desde que satisfaçam aos requisitos mínimos estabelecidos no Regulamento de Promoções de Graduados do Exército, observando os seguintes interstícios, referentes à última graduação:
    I – A promoção do Cabo à graduação de Terceiro Sargento do QESE ao completar 14 (quatorze) anos de efetivo serviço;
    II – A promoção à graduação de Segundo Sargento do QESE ao completar 21 (vinte e um) anos de efetivo serviço;
    III – A promoção à graduação de Primeiro Sargento do QESE ao completar 28 (vinte e oito) anos de efetivo serviço;
    IV – A promoção à graduação de Subtenente do QESE ao passar para a reserva remunerada.
    § Único – Fica resguardado o direito de acesso às graduações superiores previstas nesta Lei, pelo critério de antiguidade, independente do previsto na alínea “d” do art. 17, do regulamento de Promoções de Graduados do Exército, também àqueles que, na data da publicação desta Lei, contarem com mais de 14 (quatorze) anos de efetivo serviço e já tiverem completado os interstícios para acesso às graduações superiores na forma do § 4º do artigo 5º.
    Art. 6° Fica criado, no Corpo de Graduados da Ativa do Comando da Aeronáutica o Quadro Especial de Suboficiais e Sargentos da Aeronáutica (QESA), como Quadro de carreira.
    § 1° Os integrantes do QESA exercerão cargos militares de apoio à atividade-fim, tanto de natureza técnica quanto administrativa e gerencial, relativos às suas especialidades, ou outros cargos e funções que lhes forem atribuídos, de acordo com os interesses da Aeronáutica.
    § 2° O QESA será constituído de Graduações ordenados hierarquicamente de Terceiro Sargento a Suboficial.
    § 3° O acesso a graduação a terceiro sargento QESA dar-se-a aos militares oriundos do Quadro de Cabos com 14 anos de efetivo serviço ativo e as graduações superiores de acordo com o interstício vigente àquela em que ocorreu ou venha a ocorrer tanto na ativa como na inatividade dar-se-á conforme os requisitos constantes desta Lei e respectivo regulamento e será sempre limitado à última graduação do QESA, a de Suboficial na Reserva Remunerada.
    I – A promoção do Cabo à graduação de Terceiro Sargento do QESA ao completar 14 (quatorze) anos de efetivo serviço;
    II – A promoção à graduação de Segundo Sargento do QESA ao completar 21 (vinte e um) anos de efetivo serviço;
    III – A promoção à graduação de Primeiro Sargento do QESA ao completar 28 (vinte e oito) anos de efetivo serviço;
    IV – A promoção à graduação de Suboficial do QESA ao passar para a reserva remunerada.
    § Único – Fica resguardado o direito de acesso às graduações superiores previstas nesta Lei, pelo critério de antiguidade, independente do previsto no regulamento de Promoções de Graduados da Aeronáutica, também àqueles que, na data da publicação desta Lei, contarem com mais de 14 (quatorze) anos de efetivo serviço e já tiverem completado os interstícios para
    acesso às graduações superiores na forma do § 3º do artigo 6º.
    Art. 7° Os soldados do Exército com estabilidade assegurada concorrerão à promoção a graduação de cabo pelo critério de antiguidade, desde que possuam, no mínimo, (11) onze anos de efetivo serviço e satisfaçam os requisitos mínimos para promoção a serem estabelecidos em decreto.
    Art. 8° Os soldados, cabos e Taifeiro-Mor do Exército de que trata esta Lei poderão ser beneficiados por até quatro promoções, após adquirida a estabilidade.
    Art. 9° Respeitadas as situações constituídas, é vedada a estabilidade de praça que não tenha ingressado no Exército por meio de concurso público.
    Art. 10° As promoções de que trata esta Lei contemplarão os militares na inatividade até a data limite de 11 de agosto de 1981 no Exército e 02 de setembro de 1961 na Marinha e na Aeronáutica.
    Art. 11° Aos militares oriundos do Quadro de Cabos da Aeronáutica – QCB, na reserva remunerada, reformados ou no serviço ativo, cujo ingresso no referido Quadro se deu até 31 de julho de 2010, serão incluídos no Quadro Especial de Suboficiais e Sargentos da Aeronáutica (QESA) e o acesso na carreira com as promoções a 3º, 2º e 1º Sargentos na Ativa e na inatividade, a de Suboficial, na forma desta Lei.
    § 1° O acesso do Cabo da Ativa às graduações superiores terá seu interstício de 14 (quatorze) anos de serviço Ativo a promoção de 3º Sargento e de 07 (sete) em 07 (sete) anos, as demais graduações, ficando condicionada a promoção a Suboficial no ato da passagem para a reserva remunerada.
    Art. 12° O acesso as graduações superiores, nos termos desta Lei, adotará como critérios para fins hierárquicos:
    I – a data de praça do militar
    II – a data de promoção à graduação de Terceiro Sargento
    III – a data de inclusão do militar no QEPA, QEAP, QEFZ, QESE e QESA
    IV – a data de ingresso na inatividade e o fato motivador do ingresso na inatividade conforme paradigmas a serem definidos em regulamento.
    Art. 13° A promoção às graduações superiores, limitada à graduação de Subtenente no Exército e de Suboficial na Marinha e na Aeronáutica, e aos proventos correspondentes observará pelo menos um dos seguintes requisitos:
    I – que a transferência para a reserva remunerada tenha se dado ou venha a se dar a pedido ou ex-officio integral ou proporcional depois de cumprido tempo mínimo de serviço determinado em legislação específica;
    II – a inatividade tenha sido efetivada ou venha a se efetivar pelo alcance da idade limite para a permanência no serviço ativo;
    III – que a inatividade tenha sobrevindo ou venha a sobrevir em face de aplicação da quota compulsória; ou
    IV – que, a despeito de não cumprir o tempo mínimo de serviço determinado em legislação específica para requerer a transferência para a reserva remunerada, a inatividade tenha sobrevindo em face de incapacidade definitiva para o serviço ativo.
    Art. 14º O direito à promoção às graduações superiores previsto nesta Lei, não abrange os militares oriundos do QEPA, QEAP, QEFZ, QESE, QESA e os Cabos das Forças Armadas que tenham ingressado na inatividade na data anterior à publicação do decreto nº 86.289 de 11 de agosto de 1981 no Exército e Lei nº 3.953, de 02 de setembro de 1961 na Marinha e na Aeronáutica, ou que tiveram as pensões militares instituídas anteriormente à data de publicação dessas Leis.
    Art. 15° Desde que atendam ao Art. 13º, ou a um dos requisitos estabelecidos nos incisos I a IV do Art. 14º, e tendo o tempo mínimo de serviço determinado em legislação especifica na transferência para a reserva remunerada, também farão jus ao acesso as graduações superiores, até a graduação de Subtenente no Exército e de Suboficial na Marinha e na Aeronáutica:
    I – os militares falecidos na inatividade, instituidores de pensão militar e oriundo do QEPA, QEAP, QEFZ, QESE, QESA e os cabos das Forças Armadas; e
    II – os militares falecidos quando em atividade, instituidores de pensão militar e oriundos do QEPA, QEAP, QEFZ, QESE, QESA e os Cabos das Forças Armadas.
    Art. 16° Os militares que atendam a uma das condições estabelecidas nos incisos I a IV do art. 13º, bem como os beneficiários de pensão militar cujos instituidores preencham as condições dispostas no art. 15º, somente farão jus ao benefício previsto nesta Lei após a assinatura de termo de acordo, que importará:
    I – a expressa concordância do militar ou do pensionista com a forma, os prazos, montantes e limites de valores definidos nesta Lei;
    II – a desistência de processo judicial em curso, em qualquer instância, e sua consequente extinção, assim como de seus eventuais recursos;
    III – a renúncia ao direito de pleitear na via administrativa ou judicial quaisquer valores ou vantagens decorrentes da mesma revisão prevista nesta Lei, salvo em caso de comprovado erro material; e
    IV – a renúncia aos honorários advocatícios e à restituição de custas.
    § 1° Havendo ação judicial em tramitação, o advogado do militar ou pensionista deverá manifestar a renúncia ao recebimento de honorários ou, alternativamente, o militar ou pensionista deverá manifestar concordância com o desconto direto nos valores de remuneração ou de proventos de eventuais quantias despendidas pela União.
    § 2° Compete ao interessado requerer ao Juiz da Causa a desistência da ação, nos termos do inciso V do art. 269 da Lei n° 5.869, de 11 de janeiro de 1973 – Código de Processo Civil, e juntar ao termo de acordo a homologação judicial da desistência.
    § 3° Ocorrendo o pagamento concomitante ou em duplicidade de valores referentes ao acordo previsto nesta Lei, fica a União autorizada a resgatar a respectiva importância administrativa e indevida, paga por meio de desconto direto na remuneração ou nos proventos do militar.
    § 4° Na hipótese do militar ou beneficiário de pensão ocultar a existência da Ação Judicial, as restituições de que se tratam os parágrafos 1º e 3º, serão realizadas acrescidas de multa de 20% (vinte por cento) sobre o valor da causa.
    Art. 17° O acesso às graduações superiores, até a graduação de Subtenente no Exército e de Suboficial na Marinha e na Aeronáutica, será efetivado mediante a formalização de requerimento administrativo do interessado, por ato da autoridade competente do Comando da Marinha, do Comando do exército e do Comando da Aeronáutica, após verificação do atendimento das condições exigidas nesta Lei.
    § 1° Os inativos e pensionistas abrangidos por esta Lei terão o prazo limite de 02 (dois) anos, contados da data de publicação desta Lei, para apresentação dos requerimentos administrativos referidos no caput.
    § 2° Os militares em atividade abrangidos por esta Lei terão o prazo limite de 90 (noventa) dias, contados da publicação do ato de desligamento do serviço ativo, para a apresentação dos requerimentos administrativos referidos no caput.
    Art. 18° O disposto nesta Lei não implica em interrupção, suspensão, renúncia ou reabertura de prazo prescricional.
    Parágrafo único. Os Arts. 191 e 202 da Lei n° 10.406, de 10 de janeiro de 2002 – Código Civil, não se aplicam à matéria de que trata esta Lei.
    Art. 19° Os dispositivos previstos nos artigos 1º ao 18° entram em vigor e
    produzirão efeitos financeiros a partir de 01 de julho de 2013.
    Art. 20° Ficam revogados o Decreto Nº 86.289, de 11 de agosto de 1981, e a Lei n° 10.951, de 22 de setembro de 2004, Decreto Nº 3.690/2000 e Decreto Nº 85.581, de 25 de dezembro de 1980.
    Art. 21° Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
    JUSTIFICATIVA
    Diante do exposto que permite o acesso dos Cabos e Sargentos dos Quadros Especiais de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), com as devidas progressões na carreira militar; objetivando uma eficácia, ventilando os princípios basilares das Forças Armadas, sendo firmada na hierarquia e disciplina, alicerçada no princípio democrático de Direito.
    Submeto à superior deliberação de Vossa Excelência o Projeto de Lei em anexo que cria o Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), altera as carreiras do Quadro Especial de Praças da Armada (QEPA), do Quadro Especial Auxiliar de Praças (QEAP) e do Quadro Especial de Fuzileiros Navais (QEFN) na Marinha; Extingue o Quadro Especial de Terceiros Sargentos (QE) do Exército e o Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA), cria o Quadro Especial de Subtenentes e Sargentos do Exército (QESE) e dispõe sobre
    a promoção de soldados estabilizados à graduação de cabo do Exército e cria o Quadro Especial de Suboficiais e Sargentos da Aeronáutica (QESA).
    A presente proposta foi elaborada considerando a necessidade de possibilitar, atendidos requisitos de tempo de serviço e de mérito, para as promoções dos militares pertencentes aos Quadros Especiais de Graduados das Forças Armadas (QEGFA) à graduação de Terceiro Sargento, Segundo Sargento e Primeiro Sargento na Ativa e de Subtenente no Exército e de Suboficial Marinha e na Aeronáutica ao passarem para a reserva remunerada como reconhecimento ao trabalho desempenhado por esses militares e visando estimular o desempenho profissional desse segmento militar.
    Tal mudança faz-se necessária porque, com o advento do Ministério da Defesa há a real necessidade de termos planos de carreiras comuns para a Marinha, o Exército e a Aeronáutica além de ao longo dos últimos anos, houve diversos equívocos por parte da Administração no que concerne à gestão dessas carreiras militares, o que ocasionou o surgimento de distorções que afrontam o princípio constitucional da hierarquia militar, prisma o Diploma Constitucional, facto na Carta Magna (Constituição Federal do Brasil) insculpido no Art. 142 da Carta Política e reforçado no art. 2º do Estatuto dos Militares (Lei nº 6.880/80), que prevê o ordenamento no âmbito administrativo, prevalecendo à harmonia de direitos e deveres, fundamentada no conjunto igualitário sem distinção no preceito isonômico.
    Na Aeronáutica e na Marinha, a possibilidade de promoção do taifeiro-mor à graduação de suboficial, que equivaleria à graduação de subtenente do Exército, está regulamentada na Lei nº 3.953, de 2 de setembro de 1961, revogadas pela Lei 9.519/1997 na Marinha e Lei nº 12.158/2009 na Aeronáutica.
    Já no Exército, a criação do Quadro Especial de Terceiros Sargentos (QE) ocorreu vinte anos depois, inicialmente pelo Decreto nº 86.289, de 11 de setembro de 1981, reorganizado com a Lei nº 10.951, de 22 de setembro de 2004. Em nenhuma ocasião, houve no Comando do Exército a previsão legal de promoção aos Soldados, Taifeiro Mor e Cabos da ativa e com estabilidade assegurada, que possibilitasse uma ascensão profissional similar à carreira dos Taifeiros da Aeronáutica.
    Na Aeronáutica, a criação do Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA) ocorreu trinta e nove anos depois, inicialmente pelo Decreto Nº 3.690/2000. Em nenhuma ocasião, houve no Comando da Aeronáutica a previsão legal de promoção aos Cabos (QCB) e Sargentos (QESA) da ativa e com estabilidade assegurada, que possibilitasse uma ascensão profissional similar à Carreira dos Taifeiros da Força.
    Urge ressaltar que juntamente com os princípios supramencionados, na clareza do princípio da doutrina permeado na igualdade, conforme define os preceitos das Forças Armadas, posicionando no conceito da razoabilidade, materializando o tratamento equânime em todos os
    círculos hierárquicos, fazendo justiça em consonância com a legislação em epígrafe e no cumprimento da Lei.
    Ante esta realidade fática, mostra-se imperativo por uma questão de direito que os integrantes do Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), albergados nos termos doutrinários, pelas diversas razões, têm o merecimento na Progressão Funcional na Carreira Militar com as melhores perspectivas, salientando que estes bravos guerreiros defendem a soberania da Nação Brasileira diuturnamente com dedicação exclusiva e com o sacrifício da própria vida.
    Nesse sentido o Comando da Marinha, do Exercito e da Aeronáutica serão beneficiados; uma vez que, tipificando o conceito de incentivo para que haja maior motivação, valorizando estes profissionais de farda, com excelente conceito na doutrina militar, dentro da sociedade civil e principalmente o apoio moral de suas Famílias.
    O que se pretende é corrigir distorção específica relativa à velocidade e possibilidade de progressão dos Soldados, Cabos, Taifeiro Mor e Sargentos da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, com estabilidade garantida e atualmente estagnado na graduação de 3º Sargento,
    e sem possibilidade de nova progressão, enquanto isso, os Taifeiros de 1ª e 2ª Classe e Taifeiros Mor às graduações, respectivamente, de Taifeiro-Mor e 3º Sargento, inclusive com a previsão temporal das progressões futuras, até a aposentadoria como Suboficial.
    Com o objetivo de dar maior eficácia na aplicação dos recursos públicos, com melhor aproveitamento dos gastos feitos na formação dos Soldados, Taifeiros Mor, cabos e Sargentos da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, é que estamos sugerindo o acesso dessas praças ao Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), como etapa normal de progressão na carreira militar, pois com os interstícios atuais o Terceiro Sargento fica na Ativa até os 49 anos, este militar poderá com as merecidas promoções ficar na Ativa até os 54 anos, acrescentando, mas 05 (cinco) anos de efetivo serviço, além de clarificar as diversas possibilidades de carreira para os militares das Forças Armadas, promovendo um adequado aproveitamento dos seus recursos humanos.
    Mostra-se pouco racional que, após anos de investimento na formação de um militar, seja ele dispensado do serviço ativo porque integra um quadro cujo período de permanência em atividade é bastante limitado temporalmente. E esta é a situação que se apresenta para os militares que integram os Quadros Especiais das Forças Armadas atualmente. Com essa medida, além de ser mais bem aproveitada a experiência profissional desses militares e os gastos realizados com sua formação, dar-se-á um incentivo para que haja maior motivação para os que escolheram fazer carreira na Marinha do Brasil, no Exército Brasileiro e na Força Aérea Brasileira e que não puderam pelas mais diversas razões, especialmente as sociais, ingressar nas Academias Militares ou direto nas Escolas de Formação de Sargentos e que, com esforço e dedicação, trilharam um árduo caminho para atingir o seu objetivo de servir a Nação brasileira como militar das nossa Forças Armadas.
    Cabe ressaltar que o presente projeto de lei não implica qualquer aumento do efetivo da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, que é fixado por lei específica.
    Por fim, essas são as razões que me levam a oferecer a exame o projeto de lei em anexo, que se aprovado pelo Congresso Nacional cujos fundamentos se coadunam com as necessidades da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira em reconhecimento aos bons serviços prestados e também como um estímulo a Carreira desses militares, além é claro, de com essa Lei, começarmos uma nova etapa de consolidação do Ministério da Defesa com um Plano de Carreira comum para as nossas Forças Armadas.
    Deputado POLICARPO PT/DF

  • Rios-RS novembro 10th, 2012 8:25 pm

    CÂMARA DOS DEPUTADOS
    GABINETE DO DEPUTADO POLICARPO
    PROJETO DE LEI N.º 4.373, DE 2012
    (Do Poder Executivo)

    Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o QuadroEspecial de Terceiros-Sargentos e Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de Soldados estabilizados à graduação de Cabo.

    EMENDA N.º

    Altera a redação do art. 1º, 2º, 3º, 4º, 5º, 6º, 7º e 8º e insere artigos 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20 e 21, ao Projeto de Lei nº 4373, de 2012, com a seguinte redação:

    O CONGRESSO NACIONAL decreta: ser analizada

    Art. 1° Cria o Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA) no âmbito do Ministério da Defesa.
    Art. 2° Altera as carreiras do Quadro Especial de Praças da Armada (QEPA) do Corpo de Praças da Armada (CPA), do Quadro Especial Auxiliar de Praças (QEAP) do Corpo Auxiliar de Praças (CAP) e do Quadro Especial de Fuzileiros Navais (QEFN) do Corpo de Praças Fuzileiros Navais (CPFZ) da Marinha.
    Art. 3° Ficam extintos os Quadros Especial de Terceiros Sargentos do Exército (QE) do Quadro de Pessoal Militar do Exército e o Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA), do Corpo de Pessoal Graduado da Aeronáutica.
    Art. 4° Altera a constituição nos Corpos, Quadros e Escalas Hierárquicas dos Quadros Especiais de Praças de Carreira no Corpo de Praças da Armada (CPA), no Corpo Auxiliar de Praças (CAP) e do Corpo de Praças Fuzileiros Navais (CPFN) da Marinha.
    § 1° No Quadro Especial de praças da Armada (QEPA) as Escalas Hierárquicas serão de Cabo (CB) até a graduação de Suboficial (SO).
    § 2° No Quadro Especial Auxiliar de Praças (QEAP) as Escalas Hierárquicas serão de Cabo (CB) até a graduação de Suboficial (SO).
    § 3° No Quadro Especial de Fuzileiros Navais (QEFN) as Escalas Hierárquicas serão de Cabo (CB) até a graduação de Suboficial (SO).
    I – A promoção do Cabo à graduação de Terceiro Sargento do QEPA, QEFN e QEAP será ao completar 14 (quatorze) anos de efetivo serviço;
    II – A promoção à graduação de Segundo Sargento do QEPA, QEFN e QEAP será ao completar 21 (vinte e um) anos de efetivo serviço;
    III – A promoção à graduação de Primeiro Sargento do QEPA, QEFN e QEAP será ao completar 28 (vinte e oito) anos de efetivo serviço;
    IV – A promoção à graduação de Suboficial do QEPA, QEFN e QEAP será ao passar para a reserva remunerada.
    § Único – Fica resguardado o direito de acesso às graduações superiores previstas nesta Lei, pelo critério de antiguidade, independente do previsto no Plano de Carreira dos Quadros Especiais de Praças da Marinha (PCPM), também àqueles que, na data da publicação desta Lei, contarem com mais de 14 (quatorze) anos de efetivo serviço e já tiverem completado os interstícios para acesso às graduações superiores na forma dos incisos I, II, III e IV do artigo 4º.
    Art. 5° Fica criado o Quadro Especial Subtenentes e Sargentos do Exército (QESE),
    como Quadro de carreira, compostos de Terceiros Sargentos, Segundos Sargentos, Primeiros
    Sargentos e de Subtenentes do Exército destinado ao acesso dos Cabos, Taifeiro-Mor e Sargentos com estabilidade assegurada.
    § 1° O acesso dos cabos e Taifeiro-Mor de que trata este artigo será efetivado por
    promoção à graduação de Terceiro Sargento até a graduação de Primeiro Sargento na Ativa e
    Subtenente ao passar para a reserva remunerada, deixando aqueles militares de pertencerem à
    sua Qualificação Militar de origem, e será sempre pelos critérios de antiguidade e de
    merecimento, desde que satisfaçam aos requisitos mínimos estabelecidos no Regulamento de
    Promoções de Graduados do Exército.
    § 2° Os cabos e Taifeiro-Mor com estabilidade assegurada concorrerão à promoção inicial a Terceiro Sargento desde que possuam quatorze anos de efetivo serviço e satisfaçam aos requisitos mínimos para promoção a serem estabelecidos em decreto e as graduações superiores de acordo com o interstício vigente àquela em que ocorreu ou venha a ocorrer tanto na ativa como na inatividade dar-se-á conforme os requisitos constantes desta Lei e respectivo regulamento e será sempre limitado à última graduação do QESE, a de Subtenente na Reserva Remunerada.
    § 3° Os Terceiros Sargentos da ativa, integrantes do Quadro Especial de Terceiros Sargentos do Exército, extinto pelo art. 3°, passam a integrar o Quadro Especial Subtentes e Sargentos do Exército (QESE) a que se refere o caput.
    § 4° Os Terceiros Sargentos da ativa, integrantes do Quadro Especial de Subtenentes e Sargentos do Exército (QESE), concorrerão à promoção pelos critérios de antiguidade e de merecimento, às graduações superiores de segundo sargento a primeirosargento na ativa, limitadas a graduação de Subtenente na reserva remunerada, desde que satisfaçam aos requisitos mínimos estabelecidos no Regulamento de Promoções de Graduados do Exército, observando os seguintes interstícios, referentes à última graduação:
    I – A promoção do Cabo à graduação de Terceiro Sargento do QESE ao completar 14 (quatorze) anos de efetivo serviço;
    II – A promoção à graduação de Segundo Sargento do QESE ao completar 21 (vinte e um) anos de efetivo serviço;
    III – A promoção à graduação de Primeiro Sargento do QESE ao completar 28 (vinte e oito) anos de efetivo serviço;
    IV – A promoção à graduação de Subtenente do QESE ao passar para a reserva remunerada.
    § Único – Fica resguardado o direito de acesso às graduações superiores previstas nesta Lei, pelo critério de antiguidade, independente do previsto na alínea “d” do art. 17, do regulamento de Promoções de Graduados do Exército, também àqueles que, na data da publicação desta Lei, contarem com mais de 14 (quatorze) anos de efetivo serviço e já tiverem completado os interstícios para acesso às graduações superiores na forma do § 4º do artigo 5º.
    Art. 6° Fica criado, no Corpo de Graduados da Ativa do Comando da Aeronáutica o Quadro Especial de Suboficiais e Sargentos da Aeronáutica (QESA), como Quadro de carreira.
    § 1° Os integrantes do QESA exercerão cargos militares de apoio à atividade-fim, tanto de natureza técnica quanto administrativa e gerencial, relativos às suas especialidades, ou outros cargos e funções que lhes forem atribuídos, de acordo com os interesses da Aeronáutica.
    § 2° O QESA será constituído de Graduações ordenados hierarquicamente de Terceiro Sargento a Suboficial.
    § 3° O acesso a graduação a terceiro sargento QESA dar-se-a aos militares oriundos do Quadro de Cabos com 14 anos de efetivo serviço ativo e as graduações superiores de acordo com o interstício vigente àquela em que ocorreu ou venha a ocorrer tanto na ativa como na inatividade dar-se-á conforme os requisitos constantes desta Lei e respectivo regulamento e será sempre limitado à última graduação do QESA, a de Suboficial na Reserva Remunerada.
    I – A promoção do Cabo à graduação de Terceiro Sargento do QESA ao completar 14 (quatorze) anos de efetivo serviço;
    II – A promoção à graduação de Segundo Sargento do QESA ao completar 21 (vinte e um) anos de efetivo serviço;
    III – A promoção à graduação de Primeiro Sargento do QESA ao completar 28 (vinte e oito) anos de efetivo serviço;
    IV – A promoção à graduação de Suboficial do QESA ao passar para a reserva remunerada.
    § Único – Fica resguardado o direito de acesso às graduações superiores previstas nesta Lei, pelo critério de antiguidade, independente do previsto no regulamento de Promoções de Graduados da Aeronáutica, também àqueles que, na data da publicação desta Lei, contarem com mais de 14 (quatorze) anos de efetivo serviço e já tiverem completado os interstícios para
    acesso às graduações superiores na forma do § 3º do artigo 6º.
    Art. 7° Os soldados do Exército com estabilidade assegurada concorrerão à promoção a graduação de cabo pelo critério de antiguidade, desde que possuam, no mínimo, (11) onze anos de efetivo serviço e satisfaçam os requisitos mínimos para promoção a serem estabelecidos em decreto.
    Art. 8° Os soldados, cabos e Taifeiro-Mor do Exército de que trata esta Lei poderão ser beneficiados por até quatro promoções, após adquirida a estabilidade.
    Art. 9° Respeitadas as situações constituídas, é vedada a estabilidade de praça que não tenha ingressado no Exército por meio de concurso público.
    Art. 10° As promoções de que trata esta Lei contemplarão os militares na inatividade até a data limite de 11 de agosto de 1981 no Exército e 02 de setembro de 1961 na Marinha e na Aeronáutica.
    Art. 11° Aos militares oriundos do Quadro de Cabos da Aeronáutica – QCB, na reserva remunerada, reformados ou no serviço ativo, cujo ingresso no referido Quadro se deu até 31 de julho de 2010, serão incluídos no Quadro Especial de Suboficiais e Sargentos da Aeronáutica (QESA) e o acesso na carreira com as promoções a 3º, 2º e 1º Sargentos na Ativa e na inatividade, a de Suboficial, na forma desta Lei.
    § 1° O acesso do Cabo da Ativa às graduações superiores terá seu interstício de 14 (quatorze) anos de serviço Ativo a promoção de 3º Sargento e de 07 (sete) em 07 (sete) anos, as demais graduações, ficando condicionada a promoção a Suboficial no ato da passagem para a reserva remunerada.
    Art. 12° O acesso as graduações superiores, nos termos desta Lei, adotará como critérios para fins hierárquicos:
    I – a data de praça do militar
    II – a data de promoção à graduação de Terceiro Sargento
    III – a data de inclusão do militar no QEPA, QEAP, QEFZ, QESE e QESA
    IV – a data de ingresso na inatividade e o fato motivador do ingresso na inatividade conforme paradigmas a serem definidos em regulamento.
    Art. 13° A promoção às graduações superiores, limitada à graduação de Subtenente no Exército e de Suboficial na Marinha e na Aeronáutica, e aos proventos correspondentes observará pelo menos um dos seguintes requisitos:
    I – que a transferência para a reserva remunerada tenha se dado ou venha a se dar a pedido ou ex-officio integral ou proporcional depois de cumprido tempo mínimo de serviço determinado em legislação específica;
    II – a inatividade tenha sido efetivada ou venha a se efetivar pelo alcance da idade limite para a permanência no serviço ativo;
    III – que a inatividade tenha sobrevindo ou venha a sobrevir em face de aplicação da quota compulsória; ou
    IV – que, a despeito de não cumprir o tempo mínimo de serviço determinado em legislação específica para requerer a transferência para a reserva remunerada, a inatividade tenha sobrevindo em face de incapacidade definitiva para o serviço ativo.
    Art. 14º O direito à promoção às graduações superiores previsto nesta Lei, não abrange os militares oriundos do QEPA, QEAP, QEFZ, QESE, QESA e os Cabos das Forças Armadas que tenham ingressado na inatividade na data anterior à publicação do decreto nº 86.289 de 11 de agosto de 1981 no Exército e Lei nº 3.953, de 02 de setembro de 1961 na Marinha e na Aeronáutica, ou que tiveram as pensões militares instituídas anteriormente à data de publicação dessas Leis.
    Art. 15° Desde que atendam ao Art. 13º, ou a um dos requisitos estabelecidos nos incisos I a IV do Art. 14º, e tendo o tempo mínimo de serviço determinado em legislação especifica na transferência para a reserva remunerada, também farão jus ao acesso as graduações superiores, até a graduação de Subtenente no Exército e de Suboficial na Marinha e na Aeronáutica:
    I – os militares falecidos na inatividade, instituidores de pensão militar e oriundo do QEPA, QEAP, QEFZ, QESE, QESA e os cabos das Forças Armadas; e
    II – os militares falecidos quando em atividade, instituidores de pensão militar e oriundos do QEPA, QEAP, QEFZ, QESE, QESA e os Cabos das Forças Armadas.
    Art. 16° Os militares que atendam a uma das condições estabelecidas nos incisos I a IV do art. 13º, bem como os beneficiários de pensão militar cujos instituidores preencham as condições dispostas no art. 15º, somente farão jus ao benefício previsto nesta Lei após a assinatura de termo de acordo, que importará:
    I – a expressa concordância do militar ou do pensionista com a forma, os prazos, montantes e limites de valores definidos nesta Lei;
    II – a desistência de processo judicial em curso, em qualquer instância, e sua consequente extinção, assim como de seus eventuais recursos;
    III – a renúncia ao direito de pleitear na via administrativa ou judicial quaisquer valores ou vantagens decorrentes da mesma revisão prevista nesta Lei, salvo em caso de comprovado erro material; e
    IV – a renúncia aos honorários advocatícios e à restituição de custas.
    § 1° Havendo ação judicial em tramitação, o advogado do militar ou pensionista deverá manifestar a renúncia ao recebimento de honorários ou, alternativamente, o militar ou pensionista deverá manifestar concordância com o desconto direto nos valores de remuneração ou de proventos de eventuais quantias despendidas pela União.
    § 2° Compete ao interessado requerer ao Juiz da Causa a desistência da ação, nos termos do inciso V do art. 269 da Lei n° 5.869, de 11 de janeiro de 1973 – Código de Processo Civil, e juntar ao termo de acordo a homologação judicial da desistência.
    § 3° Ocorrendo o pagamento concomitante ou em duplicidade de valores referentes ao acordo previsto nesta Lei, fica a União autorizada a resgatar a respectiva importância administrativa e indevida, paga por meio de desconto direto na remuneração ou nos proventos do militar.
    § 4° Na hipótese do militar ou beneficiário de pensão ocultar a existência da Ação Judicial, as restituições de que se tratam os parágrafos 1º e 3º, serão realizadas acrescidas de multa de 20% (vinte por cento) sobre o valor da causa.
    Art. 17° O acesso às graduações superiores, até a graduação de Subtenente no Exército e de Suboficial na Marinha e na Aeronáutica, será efetivado mediante a formalização de requerimento administrativo do interessado, por ato da autoridade competente do Comando da Marinha, do Comando do exército e do Comando da Aeronáutica, após verificação do atendimento das condições exigidas nesta Lei.
    § 1° Os inativos e pensionistas abrangidos por esta Lei terão o prazo limite de 02 (dois) anos, contados da data de publicação desta Lei, para apresentação dos requerimentos administrativos referidos no caput.
    § 2° Os militares em atividade abrangidos por esta Lei terão o prazo limite de 90 (noventa) dias, contados da publicação do ato de desligamento do serviço ativo, para a apresentação dos requerimentos administrativos referidos no caput.
    Art. 18° O disposto nesta Lei não implica em interrupção, suspensão, renúncia ou reabertura de prazo prescricional.
    Parágrafo único. Os Arts. 191 e 202 da Lei n° 10.406, de 10 de janeiro de 2002 – Código Civil, não se aplicam à matéria de que trata esta Lei.
    Art. 19° Os dispositivos previstos nos artigos 1º ao 18° entram em vigor e
    produzirão efeitos financeiros a partir de 01 de julho de 2013.
    Art. 20° Ficam revogados o Decreto Nº 86.289, de 11 de agosto de 1981, e a Lei n° 10.951, de 22 de setembro de 2004, Decreto Nº 3.690/2000 e Decreto Nº 85.581, de 25 de dezembro de 1980.
    Art. 21° Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
    JUSTIFICATIVA
    Diante do exposto que permite o acesso dos Cabos e Sargentos dos Quadros Especiais de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), com as devidas progressões na carreira militar; objetivando uma eficácia, ventilando os princípios basilares das Forças Armadas, sendo firmada na hierarquia e disciplina, alicerçada no princípio democrático de Direito.
    Submeto à superior deliberação de Vossa Excelência o Projeto de Lei em anexo que cria o Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), altera as carreiras do Quadro Especial de Praças da Armada (QEPA), do Quadro Especial Auxiliar de Praças (QEAP) e do Quadro Especial de Fuzileiros Navais (QEFN) na Marinha; Extingue o Quadro Especial de Terceiros Sargentos (QE) do Exército e o Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA), cria o Quadro Especial de Subtenentes e Sargentos do Exército (QESE) e dispõe sobre
    a promoção de soldados estabilizados à graduação de cabo do Exército e cria o Quadro Especial de Suboficiais e Sargentos da Aeronáutica (QESA).
    A presente proposta foi elaborada considerando a necessidade de possibilitar, atendidos requisitos de tempo de serviço e de mérito, para as promoções dos militares pertencentes aos Quadros Especiais de Graduados das Forças Armadas (QEGFA) à graduação de Terceiro Sargento, Segundo Sargento e Primeiro Sargento na Ativa e de Subtenente no Exército e de Suboficial Marinha e na Aeronáutica ao passarem para a reserva remunerada como reconhecimento ao trabalho desempenhado por esses militares e visando estimular o desempenho profissional desse segmento militar.
    Tal mudança faz-se necessária porque, com o advento do Ministério da Defesa há a real necessidade de termos planos de carreiras comuns para a Marinha, o Exército e a Aeronáutica além de ao longo dos últimos anos, houve diversos equívocos por parte da Administração no que concerne à gestão dessas carreiras militares, o que ocasionou o surgimento de distorções que afrontam o princípio constitucional da hierarquia militar, prisma o Diploma Constitucional, facto na Carta Magna (Constituição Federal do Brasil) insculpido no Art. 142 da Carta Política e reforçado no art. 2º do Estatuto dos Militares (Lei nº 6.880/80), que prevê o ordenamento no âmbito administrativo, prevalecendo à harmonia de direitos e deveres, fundamentada no conjunto igualitário sem distinção no preceito isonômico.
    Na Aeronáutica e na Marinha, a possibilidade de promoção do taifeiro-mor à graduação de suboficial, que equivaleria à graduação de subtenente do Exército, está regulamentada na Lei nº 3.953, de 2 de setembro de 1961, revogadas pela Lei 9.519/1997 na Marinha e Lei nº 12.158/2009 na Aeronáutica.
    Já no Exército, a criação do Quadro Especial de Terceiros Sargentos (QE) ocorreu vinte anos depois, inicialmente pelo Decreto nº 86.289, de 11 de setembro de 1981, reorganizado com a Lei nº 10.951, de 22 de setembro de 2004. Em nenhuma ocasião, houve no Comando do Exército a previsão legal de promoção aos Soldados, Taifeiro Mor e Cabos da ativa e com estabilidade assegurada, que possibilitasse uma ascensão profissional similar à carreira dos Taifeiros da Aeronáutica.
    Na Aeronáutica, a criação do Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA) ocorreu trinta e nove anos depois, inicialmente pelo Decreto Nº 3.690/2000. Em nenhuma ocasião, houve no Comando da Aeronáutica a previsão legal de promoção aos Cabos (QCB) e Sargentos (QESA) da ativa e com estabilidade assegurada, que possibilitasse uma ascensão profissional similar à Carreira dos Taifeiros da Força.
    Urge ressaltar que juntamente com os princípios supramencionados, na clareza do princípio da doutrina permeado na igualdade, conforme define os preceitos das Forças Armadas, posicionando no conceito da razoabilidade, materializando o tratamento equânime em todos os
    círculos hierárquicos, fazendo justiça em consonância com a legislação em epígrafe e no cumprimento da Lei.
    Ante esta realidade fática, mostra-se imperativo por uma questão de direito que os integrantes do Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), albergados nos termos doutrinários, pelas diversas razões, têm o merecimento na Progressão Funcional na Carreira Militar com as melhores perspectivas, salientando que estes bravos guerreiros defendem a soberania da Nação Brasileira diuturnamente com dedicação exclusiva e com o sacrifício da própria vida.
    Nesse sentido o Comando da Marinha, do Exercito e da Aeronáutica serão beneficiados; uma vez que, tipificando o conceito de incentivo para que haja maior motivação, valorizando estes profissionais de farda, com excelente conceito na doutrina militar, dentro da sociedade civil e principalmente o apoio moral de suas Famílias.
    O que se pretende é corrigir distorção específica relativa à velocidade e possibilidade de progressão dos Soldados, Cabos, Taifeiro Mor e Sargentos da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, com estabilidade garantida e atualmente estagnado na graduação de 3º Sargento,
    e sem possibilidade de nova progressão, enquanto isso, os Taifeiros de 1ª e 2ª Classe e Taifeiros Mor às graduações, respectivamente, de Taifeiro-Mor e 3º Sargento, inclusive com a previsão temporal das progressões futuras, até a aposentadoria como Suboficial.
    Com o objetivo de dar maior eficácia na aplicação dos recursos públicos, com melhor aproveitamento dos gastos feitos na formação dos Soldados, Taifeiros Mor, cabos e Sargentos da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, é que estamos sugerindo o acesso dessas praças ao Quadro Especial de Graduados das Forças Armadas (QEGFA), como etapa normal de progressão na carreira militar, pois com os interstícios atuais o Terceiro Sargento fica na Ativa até os 49 anos, este militar poderá com as merecidas promoções ficar na Ativa até os 54 anos, acrescentando, mas 05 (cinco) anos de efetivo serviço, além de clarificar as diversas possibilidades de carreira para os militares das Forças Armadas, promovendo um adequado aproveitamento dos seus recursos humanos.
    Mostra-se pouco racional que, após anos de investimento na formação de um militar, seja ele dispensado do serviço ativo porque integra um quadro cujo período de permanência em atividade é bastante limitado temporalmente. E esta é a situação que se apresenta para os militares que integram os Quadros Especiais das Forças Armadas atualmente. Com essa medida, além de ser mais bem aproveitada a experiência profissional desses militares e os gastos realizados com sua formação, dar-se-á um incentivo para que haja maior motivação para os que escolheram fazer carreira na Marinha do Brasil, no Exército Brasileiro e na Força Aérea Brasileira e que não puderam pelas mais diversas razões, especialmente as sociais, ingressar nas Academias Militares ou direto nas Escolas de Formação de Sargentos e que, com esforço e dedicação, trilharam um árduo caminho para atingir o seu objetivo de servir a Nação brasileira como militar das nossa Forças Armadas.
    Cabe ressaltar que o presente projeto de lei não implica qualquer aumento do efetivo da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, que é fixado por lei específica.
    Por fim, essas são as razões que me levam a oferecer a exame o projeto de lei em anexo, que se aprovado pelo Congresso Nacional cujos fundamentos se coadunam com as necessidades da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira em reconhecimento aos bons serviços prestados e também como um estímulo a Carreira desses militares, além é claro, de com essa Lei, começarmos uma nova etapa de consolidação do Ministério da Defesa com um Plano de Carreira comum para as nossas Forças Armadas.
    Deputado POLICARPO PT/DF

  • Rios-RS novembro 10th, 2012 8:26 pm

    Atenção os QE(s) estão mandando para os companheiro isso !! Vamos ficar atento !!

    A APRAFA
    U R G E N T E E E E E E E E E E E E E EE E ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! !
    LEIA AGORA MESMO E PASSE PARA TODOS QUE VOCÊ CONHECE

    Alguém está mandando por aí um e-mail com uns sapatinhos vermelhos
    dançando: é uma música bem alegre.
    No e-mail são oferecidas mais de mil músicas.
    Não baixe nada. É o vírus Kleneu66 !
    Se você abrir o arquivo, em DUAS HORAS seu HD estará limpo e
    completamente destruído.
    MUITO CUIDADO !
    Não faça download deste arquivo em nenhuma circunstância.
    Este vírus entrou em circulação ontem e, segundo a UOL , NÃO HÁ
    anti-vírus disponível ainda contra Kleneu66.

    Por favor, passe essa mensagem para todos de sua lista.

    Cícero Durão Professor Doutor, Associado I / UFALTelefone: (82) 9981-2799

    xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

    Não tem sido fácil, dado a nossa pouca condição financeira, manter uma COMISSÃO EXCLUSIVA para o acompanhamento da matéria em foco. Por esta razão, somos obrigados para manter esta Comissão, SOLICITAR a cada um dos amigos, uma COLABORAÇÃO fazendo um depósito de qualquer valor nas seguintes contas:
    CONTA POUPANÇA POUPEX B/B.
    Nº : 31.689 – X Varição: 91
    AGÊNCIA Nº: 3601-3
    QG do EXÉRCITO Bl “H” TÉRREO
    Antonio Vicente da Silva Neto

    CONTA CORRENTE
    Caixa Econômica Federal
    AGÊNCIA Nº: 0875
    OPERAÇÃO: 001
    CONTA Nº: 00252864-5
    Gualberto Elmalan de S Leão

    Telefone para contato: 8130-7689 tim, 8141-2077tim, 9115-0773 claro, 9240-2526 claro, 8436-1121 oi e 9817-7022 vivo

    Atenciosamente;
    A Comissão de Assuntos Parlamentares da
    Associação de Praças das forças Armadas
    (APARAFA)

  • qe eb minas gerais novembro 12th, 2012 10:51 am

    Nunca mim senti tao esperançoso no que diz respeito a justiça em nosso pais, com este trabalho desempenhado pelo deputado a favor dos quadros especiais, nao e atoa que onde chega um gaucho neste rincao brasileiro, chega tambem o progesso na regiao, ja vi isto no mato grosso onde o gaucho chega de mala e cuia e sai rei da soja, parabens deputado colheras bons frutos dessa empreitada pois somos fieis.

  • Rios-RS novembro 12th, 2012 7:43 pm

    Rios: Na minha opinião é a seguinte!!
    A melhor emenda é a do Deputado Paulo Pimenta – Projeto QE
    A emenda do deputado policarpo de fato contempla os companheiros da marinha e aeronautica até ai tudo bem, mas vc olhando a parte que se refere ao éxercito ele nos amarra nos critérios para promoções previstos no R196, e ainda promoção pelo critério de antiguidade e merecimento que não é nada bom para a gente, alem de nos tirar a promoção de subtenente aos 29 anos de serviço.

    Até o momento a melhor emenda é a do deputado paulo pimenta que fez três emendas uma para cada força ou seja todas elas bem amarradas e sem dar poder aos nossos comandantes militares de manipula-las pois saiba que se derem brecha eles vão fazer retaliações com os militares do Quadro especial.

  • jc de almeida novembro 14th, 2012 12:20 pm

    por favor, pare de iludir os pobres dos qes, que estão só pensando em promoçâo pra pagar os emprestimos e voçê fica iludindo os coitados, este projeto é só ilusão,

  • Paraquedistas novembro 15th, 2012 9:17 pm

    A FAMÍLIA PARAQUEDISTA AGRADECE E ESTAMOS JUNTOS….NESSA LUTA…

  • Wagner Pedra novembro 15th, 2012 10:52 pm

    feliz pelas boas noticias que estão chegando!
    parabens deputado!

  • Wagner Pedra novembro 15th, 2012 10:54 pm

    Boa Noite Deputado!
    Gostaria de saber se este ano teremos alguma definição, para a partir de 2013 ja começar as promoções!
    Obrigado!

  • Reinado nunes novembro 16th, 2012 9:00 pm

    Agradeço a Deus, por colocar a pessoa certa e justa em nosso caminho, pela dignidade de contribuir com a democracia deste Pais, que nao haja tratamento diferenciado, quando o objetivo é servir a mesma bandeira. Grato. Deus nos abençoe.

  • LUIZ ANTONIO GOMES DA COSTA novembro 18th, 2012 11:20 am

    Ao Ilmº Dep Gostaria de saber a previsão p/votação pois tenho 28 anos de sv e pretendo ir p/ a Res Rem em março/2013.
    Um abraço! Luiz Antônio

  • teixeira rj novembro 21st, 2012 8:17 pm

    Dep paulo pimenta acredito no senhor pode conta com a familha QE

  • Idélsio de Oliveira novembro 22nd, 2012 1:37 am

    Nobre Deputado Paulo Pimenta e todos os irmãos do Sul “fagulha” primordial dessa marcha que hora seguimos rumo a vitória, bem como a toda a família QE da ativa e inativos desse nosso imenso Brasil.
    Nós do 5º B Log de Curitiba, agradecemos pelo empenho de todos que de alguma forma contribuíram e estão a contribuir por esta causa tão importante para nós e nossas famílias.
    Acreditamos que as três Forças vão ganhar com a aprovação desse projeto, bem como nossos camaradas de carreira que na sua maioria são de alto valor humano e profissional.
    Estamos fazendo a nossa parte na divulgação da PL e acreditamos que amanhã não existirá mais injustiça e que a vitória, alheia a qualquer vontade, a de imperar.

    FAMÍLIA QE SEJAMOS UNIDOS E VENCEREMOS!!!

    Brasil acima de tudo!!!

    Idélsio de Oliveira.

  • Rios novembro 22nd, 2012 8:38 pm

    Atenção!!!
    REQUERIMENTO Nº , de novembro de 2012

    (do Sr. CLAUDIO CAJADO)

    Solicita realização de Audiência Pública com a presença dos expositores nominados, para discussão do Projeto de Lei n° 4393 de 2012, Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos e Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de soldados estabilizados à graduação de cabo.

    Senhor Presidente:

    Requeiro com base no art. 255 do Regimento Interno da Câmara dos Deputados, ouvido o Plenário, sejam convidados a comparecerem a esta Comissão, em Audiência Pública, a realizar-se em data a ser posteriormente definida, para debatero Projeto de Lei n° 4373/2012, que Extingue o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos do Exército, cria o Quadro Especial de Terceiros-Sargentos e Segundos-Sargentos do Exército e dispõe sobre a promoção de soldados estabilizados à graduação de cabo.

    1) Ministro de Estado do Exército;
    2) Ministro de Estado Aeronáutica;
    3) Ministro de Estado Marinha;
    4) Presidente da Associação de Praças das Forças Armadas – APRAFA, o Sr. Jair da Silva Santos;
    5) Presisente da Associação dos Militares da Reserva, Reformados e Pensionistas das Forças Armadas – AMARP, o Sr. Genivaldo da Silva.

    J U S T I F I C A T I V A

    No dia 23 de outubro fui designado relator do Projeto de Lei 4373/2012, o qual permaneceu na Secretaria da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional até o dia 21 de novembro para fins de recebimento de emendas, a teor do que dispõe o artigo 119, do Regimento Interno desta Casa. Durante esse período, foram apresentadas 14 (quatorze) emendas a essa proposição, muitas delas com a sugestão de se alterar quase que por completo o escopo do projeto.
    Contudo, além das manifestações parlamentares, traduzidas nas referidas emendas, o que me tem chamado a atenção é o número impressionante de associações, de comitês e de grupos representativos dos militares das três Forças Singulares que têm procurado o meu gabinete com o propósito de apresentar as suas demandas, as suas reivindicações e os seus e anseios, que seriam materializados em possíveis alterações ao texto do projeto de lei ora em análise.
    Aliado a essas manifestações, feitas de forma presencial, não se pode deixar de registrar o sem-número de telefonemas, de e-mails e de outros contatos efetuados por meio dos canais de interação popular existentes nesta Casa Legislativa, direcionados a mim, em razão da relatoria da proposição em destaque.
    Percebe-se, portanto, que se trata de um projeto complexo, que interessa de perto a milhares de pessoas que serão direta ou indiretamente atingidas, ao Governo e, o mais importante, à sociedade.
    Dessa forma, e considerando a natureza da matéria veiculada nesse projeto de lei e, sobretudo, os reflexos que ele trará a um elevado número de pessoas, considero oportuno e conveniente que sejam convidados representantes das partes interessadas nessa proposição, para, em audiência pública, apresentarem subsídios, dados técnicos e outros elementos que possam auxiliar na análise e na posterior confecção do relatório e voto que irei apresentar perante este Colegiado.
    Do quanto exposto, entendendo relevante a realização da audiência pública ora proposta, de sorte a envolver a sociedade no debate em torno do Projeto de Lei 4.373/12, conclamo os senhores membros a aprovarem o presente requerimento.

    Brasília, em de novembro de 2012.

    Deputado CLAUDIO CAJADO
    DEM/BA

  • SERGIO CARIBÉ novembro 27th, 2012 3:03 pm

    Ilmo Sr. Deputado.
    Solicito informar se essas benecies irão atingir os Sargentos do Quadro Especial da Marinha.

  • Idélsio de Oliveira novembro 28th, 2012 1:47 am

    Resposta dada para um deputado aqui do paraná simpático a nossa causa.
    Não esquecendo do nosso querido Deputado Paulo Pimenta, que tanto tem lutado por nós.

    “Caro Deputado Rubens Bueno, em nome da família QE, agradeço muitíssimo o apoio de vossa excelência em defesa de nossa causa.
    Por sermos militares e estarmos sujeitos há regras que nos impedem de realizar manifestações públicas, somos uma classe prejudicada.
    Estamos estagnados na carreira, apesar dos trabalhos, por nós realizados com excelente desempenho e dedicação.
    Encontramo-nos na média com 20 a 30 anos de serviço, entramos como soldados somos promovidos cabos e chegamos no máximo a terceiro sargento, tudo porque as forças armadas nos abandonaram, não criando oportunidades para o nosso crescimento profissional, não podemos fazer cursos, não somos movimentados, somos discriminados pelos militares das escolas, somos promovidos sargentos na média, com quase 18 anos de serviço e mesmo assim, depois de promovidos alguns “companheiros” ainda nos chamam de “cabo-véio”, mostrando o preconceito e a pejoratividade com a classe. Os mesmos que quando precisam de um mecânico, de um operador de um sistema qualquer de uma seção de pessoal, financeira, etc, encontra militares sempre prontos para ajudar, elucidar dúvidas e executar a ordem recebida com presteza e exatidão.
    Fomos tachados pelo nosso Ministro da Defesa, possivelmente assessorado por um companheiro de escola, de sermos incapazes de galgar promoção superiores a de 2º Sargento, e não termos competência para assumir cargos que os 1º Sargentos e os Subtenentes são incumbidos, tudo por que somente é exigido apenas a 4ª série para a nossa classe. No entanto, no quartel onde sirvo todos os QEs tem 2º Grau completo e boa parte tem cursos pós médio, superiores e até pós graduação, trabalhando nas funções que o ministros informou que somos inaptos para trabalhar.
    E assim são os QEs das forças armadas, mesmo moralmente e financeiramente abalados, pois uma grande parcela desses camaradas vivem de empréstimos e boa parte não conseguem proporcionar uma vida digna às suas famílias, servimos a pátria com garra, honra e dedicação.
    Também não esqueçamos dos inativos, que já foram embora, mas merecem nosso respeito e serem recompensados pelas injustiças a que também foram submetidos.
    Com o apoio de uma pessoa integra e decente, que enxergamos em vossa excelência podemos acreditar que amanhã não existirá mais injustiça e que a vitória, alheia a qualquer vontade, há de imperar.”

  • SGT COSTA novembro 28th, 2012 10:49 pm

    ESTAMOS JUNTOS NESTA CAMINHADA QEs, OBRIGADO DEP PAULO PIMENTA

  • Sgt Neves novembro 30th, 2012 8:17 pm

    Agradeço pelo seu empenho e pela luta por uma classe tão esquecida e desprezada. Contamos com sua ajuda pela nossa vitoria tão sonhada. Pimenta neles, estamos juntos.

  • wagner silva de andrade dezembro 4th, 2012 11:20 pm

    Sou militar da Marinha gostaria de saber se o projeto de lei vai também abrange os cabos da marinha que hoje estão impedidos de acesso no quadro de sargentos eu tenho 23 anos de marinha e ainda sou cabo obrigado

  • ALEXANDRE - RF dezembro 7th, 2012 5:16 pm

    NOBRE DEPUTADO VOSSA ATITUDE É DIGNA DE OVAÇÃO. PARABÉNS GRANDE LÍDER!!!
    ME ATREVO EM DIZER QUE EM BREVE SEREMOS MILITARES DE CARREIRA, GRAÇAS A VOSSA INTERVENÇÃO, LOUVÁVEL LÍDER, ALFA PRESIDENTE POR ACLAMAÇÃO DOS QE, QESA, QEMAR, QCB E QSD, QUE DEUS TE ABENÇOE… VOZ DA DIVINA PROVIDÊNCIA.

  • roberto inacio dezembro 7th, 2012 6:14 pm

    O senhor tera parasempre minha gratidao pois fiquei 18 anos como cabo sem poder fazer
    prova para sargento pimenta neles

  • roberto inacio dezembro 7th, 2012 6:15 pm

    Gostaria de saber se os da MARINHA tambem estao nesse projeto

  • Venceslau dezembro 7th, 2012 7:40 pm

    Amigos, pelo andar da carroça da pra saber em que buraco ela vai quebrar. O Relator do PL 4373 já esta indicando qual sera o teor do seu relatório: Para nossa melhor compreensão ele promete se orientar por três viés: são eles ¨Hierarquia, isonomia e orçamento¨. O nobre relator aprovou na CREDN o requerimento de Audiência Pública convidando os Comandantes Militares e ou representantes dos mesmos, e representantes dos militares QEs da ativa e da reserva, para discutirem o PL 4373, detalhe reuniões estas em separados. Primeiro com os Comandantes Militares, e depois com os demais interessados. Não entendo os argumentos expostos. Prefiro pensar que seja mesmo para evitar ¨ constrangimentos ¨, pois não deve ser cômodo estar diante de tantos pelos quais jamais fizeram nada. O Exército Brasileiro existe a mais de três seculos e nada foi feito para resolver essa situação. Resumo começa-se desenhar o poema para nos dizer não, mais uma vez. Façam suas apostas. A culpa pelo “não” será ¨da Hierarquia? da Isonomia? ou do Orçamento. Más jamais dos Comandantes Militares ou de Parlamentares que se apegam a tais viés sempre que o projeto não os beneficiam. Sr Dep Paulo Pimenta a meu ver não se deve esperar justiça onde sempre observamos injustiças. Más mesmo assim obrigado por nos proporciona-la mesmo que em sonhos.

  • roberto inacio dezembro 11th, 2012 11:06 pm

    obrigado deputado

  • ALONSO BARROS dezembro 15th, 2012 2:32 am

    Sou 3º Sgt QE e fui prá reserva este ano.
    Confesso que aguardei sair a lei anterior, mas infelizmente foi rejeitada pelo relator Sr Sen Demóstenes Torres, o qual foi afastado por corrupção.
    Enfim surgiu alguém interessado promover a isonomia, somar forças com quem representa a Força Terrestre.

    Sou Presidente da VERDE OLIVA – Clube de Assistência e Benefícios de Militares das Forças Armadas. Uma associação privada sem fins econômicos. Sendo o primeiro e único Clube Militar de Assistência e Benefícios com programas dedicados especificamente às TROPAS FEDERAIS, criada e administrada por militares do Exército e direcionada ao público militar das forças armadas da ativa, reserva e seus dependentes.

    Norteada pelos princípios de excelência na qualidade e autogestão, que nasceu da reconhecida capacidade, autonomia e iniciativa de uma classe diferenciada, com a visão privilegiada em organização e estratégia de seus associados, a fim de reduzir exclusões sociais, desenvolver atividades e serviços com a finalidade de auxiliar, assegurando-lhes uma resposta solidária e complementar, acompanhando as evoluções e agregando benefícios para a grande família militar da Marinha, Exército e Aeronáutica.

    Agradecemos muito ao nobre deputado federal PAULO PIMENTA – Este homem não só fala, FAZ ACONTECER.

    Estamos juntos nessa luta e prontos para somar aos companheiros.

    http://www.verdeolivabrasil.com.brhttp://www.facebook.com/verdeolivabrasil

  • pericles almeida schmidt dezembro 15th, 2012 9:48 am

    Sr Deputado Paulo Pimenta, como sou QE na reserva, quero saber se a sua proposta também nos beneficia. Obrigado desde já.

  • cassiano dezembro 23rd, 2012 10:32 pm

    a dois meses pedi minha reserva serei comtemplado com essa vitoria

  • FABIO dezembro 26th, 2012 2:10 pm

    ALÉM DE NÃO TERMOS O DIREITO A PROMOÇÃO TAMBÉM NÃO TEMOS DIREITO DE NOS LOCOMOVER DE UM ESTADO P/ OUTRO(TRANSFERÊNCIAS) A NÃO SER SE POR SOLICITAÇÃO DE ALGUM GEN. EX.
    IG 10-02
    do Quadro Especial, Cabo, Taifeiro e Soldado
    Art. 49. Não deve haver movimentação de sargentos do Quadro Especial (QE), cabos,
    taifeiros e soldados, exceto para atender às solicitações de General-de-Exército, referentes a seus ordenanças
    e motoristas.
    só se poderá ser transferido o QE que quiser fazê-lo por interesse próprio sem nem um ônus para a Força! Eles nos colocaram em um verdadeiro alcapão, somos controlados, mais porque? Que eu saiba as REVOSTAS dentro da Força Armada foram feitas por oficiais(tenentismo, coronelismo) e por sargento de carreira(revolta dos Sargentos) e não por QEs! Mais a corda sempre arrebenta em cima dos mais fracos, mais o medo deles é uma questão, será que somos tão fracos assim, ou somos fortes o suficiente para superarmos qualquer dor? Esse é o medo deles!

  • josé jailson mangueira janeiro 10th, 2013 7:44 pm

    Dou graças à Deus pela vida do deputado federal Paulo pimenta pela sua incansável luta a favor dos injustiçados nas forças armadas,pois no meu caso sei que existem centenas de militares. ingresei na marinha de guerra em 1984 com 19 anos de idade,lamentavelmente não tinha ainda o ensino médio,pois ao completar 02 anos de idade perdi meu pai numa morte trágica e assim sendo minha mãe foi morar num sítio no interior do sertão nordestino(paraíba) na casa dos meus avós maternos.
    Com 11 anos de idade tive a oportunidade de ir para são paulo com uma tia e só lá comessou os meus estudos,Pois é,com 11 anos de idade estava fazendo a minha 1ª série,não desanimei sem repetir nenhuma série ,ao chegar na 5ªresolvi me matricular num supletivo já que estava trabalhando
    numa fábrica de origem alemã(gail guarulhos)durante o dia,tendo assim possibilidades financeiras para pagar o supletivo; consegui fazer a 6ª,7ªe 8ª série em um ano e meio, terminando o estudo fundamental com 19 anos.É aqui que começa a minha história na marinha;engressei com 19 anos ficando em regime de internato durante todo ano,no final de 1984,concluí o curso de marinheiro indo de florianópolis direto para um navio da Marinha no rj,04 anos após fui chamado para fazer o curso de especialização de cabo o qual concluí no final de 1988.Sem consegui nenhuma chance de servi numa organização militar em terra embarquei de novo em navios da gloriosa marinha do Brasil ,e assim permaneci viajando muito até 1998 sem consegui concluir o ensino médio outrora começado, devido os grandes períodos de afastamento da cidade e da família causando assim muitos outros problemas de origem social.Neste ano de 1998 já era para mim ser 2° sargento antigo quaze indo a 1°sg,e porque não fui?,exatamente por não ter o ensino médio para prestar concurso a escola de sargentos da Marinha;consegui minha 1ª organização militar em terra no final deste ano de 1998,aonde retomei os estudos com toda força e esperança de poder finalmente concluir o ensino médio e poder prestar meu 1° concurso para sargentos;No final de 2001 concluí o ensino médio e fiz minha inscrição para o concurso quando recebi a covarde notícia que a Marinha tinha vedado o concurso para sargentos,alegando que todos os cabos com mais de 10 anos de marinha não poderiam mais fazer provas para sargentos e ponto final.Na época eu estava passando dos 17 anos
    de marinha,e com isso fui injustiçado,e tomei muitos prejuízos financeiros,afetando minha esposa e meus 04 filhos.Só agora em 2009 fui a sargento pelo quadro especial, depois de exatamente 25 anos de excelentes serviços prestado à Marinha e a pátria,sem contar a umilhação de ver militares com a graduação de marinheiro me acompanhando na graduação de cabo e logo em seguida me passando indo a sargento, já que não existe mais a bendita prova para sargentos e sim um texte de multiplas escolhas que até qualquer garoto do primário se fizer passa.Por isso quero deixar registrado
    meu profundo agradecimento ao sr.deputado federal Paulo pimenta e a todos que tem se sensibiliza-
    do em fazer algo em favor do quadro especial das forças armadas e bem como à queles que foram para reserva remunerada na graduação de cabos.Eu agradeço a Deus pela vida do deputado Paulo pimenta e tenho certeza que o Deus de Abraão,o Deus de Izaque e o Deus de Jacó há de recompen-
    salo mil vezes mais em todas as áreas de sua vida extensivo à familia e que tambem o grande rei JESUS irá conduzilo á vida eterna!
    Estou indo para reserva na graduação de 3°SG com a esperança de ser beneficiado com esta lei federal. Abraço Jailson mangueira.

  • Márcio janeiro 11th, 2013 11:05 pm

    Em relação ao pagamento da diferença dos 28,86%, o Sr. tem alguma informação sobre o pagamento? E o orçamento de 2013 abrange esta questão?

    Obrigado.

  • Daniel Silva fevereiro 7th, 2013 7:00 pm

    Gostaria de colocar uma dúvida, o relator disse que teria que ir a comissão do orçamento para saber as necessidades, porém não é necessário haja vista que as vagas a serem ocupadas já existem nos QO das unidades, desta forma os recursos já estão destinados para o pagamento de salários, não e isto?

  • Paulo Cesar-SP fevereiro 9th, 2013 3:54 pm

    gostaria de saber como esta a situação do projeto de lei 4373/2012?
    E parabéns Dep. Paulo Pimenta, até que enfim alguém olha por nós militares…

  • paulo fevereiro 24th, 2013 12:11 am

    valeu paulo pimenta,muito obrigado.

  • sgt chaves março 1st, 2013 12:12 am

    que Deus continue lhe abençoando sr deputado por lutar pelos menos favorecidos, os qes.obrigado.

  • Oliveira março 9th, 2013 8:48 pm

    2014 é ano de eleição. Se a PL não sair em 2013, corre o risco de voltar a ser discutida somente no próximo pleito eleitoral, e pior pode já ter todo o efetivo ido para a reserva e a PL ser arquivada definitivamente por perda do objeto. O pior é que dentro das FFAA esse é o objetivo. No poder executivo o sargento QE é a classe mais esquecida pelos detentores do poder decisório. O Sgt QE só é lembrado como sargento na hora da montagem das escalas de sv, missões sem ônus aos cofres, representação, etc.

  • ENALTECER É PRECISO março 20th, 2013 1:19 am

    Boa noite a todos!

    Por vários meses perambulei pelos diversos assuntos (matérias) expostos no site do nobre Deputado, por vezes achei estranho que, com relação as outras matérias divulgadas neste site, poucas são comentadas pelos interessados ou apenas seguidores, com exceção das matérias que nos envolve (QE), mais estranho ainda, (apenas uma opinião minha), é que nenhuma informação, orientação ou apenas uma simples frase tipo “AGUARDEM ESTAMOS ACOMPANHANDO O ANDAMENTO DO PL 4373″ por parte do nobre deputado ou até mesmo de sua assessoria é publicada, confesso que este fato me faz lembrar daquele texto “PEGADAS NA AREIA” Nos caminhos mais difíceis, eu não vejo as tuas marcas Por que me deixaste só? DEUS permita que a frase final seja idêntica a do mesmo.

  • FRANCISCO EDUARDO DE SENA MAGALHÃES março 29th, 2013 11:20 am

    Não é a toa que vosssa excelência merece uma pósição de destaque entre seus pares obrigado por abraçar esta causa dos velhinhos que deram sangue por este país e fofam esquecidos que Deus continue lhe iluminando

  • FRANCISCO EDUARDO DE SENA MAGALHÃES março 29th, 2013 11:21 am

    Não é a toa que vosssa excelência merece uma pósição de destaque entre seus pares obrigado por abraçar esta causa dos velhinhos que deram sangue por este país e foram esquecidos que Deus continue lhe iluminando

  • w v s abril 9th, 2013 8:18 pm

    Nobre Deputado Pimenta!
    Gostaria de saber qual a real situação do Projeto de Lei 4373/2012, e se este ano ainda acontecerão as promoções, desde ja agradeço pelas informações prestadas e pela luta incessante em beneficio da familia QE! Muito Obrigado!

    ——————————————————————————–

  • SGT Figueiredo abril 26th, 2013 2:45 pm

    Dep : Pimenta estamos com você temos já uma circular do efetivo total dos 3º sgt QE

  • J. Rodrigues maio 8th, 2013 11:27 pm

    Se o projeto de Lei 4373/12, não contemplar o pessoal na inatividade, de 2001 para cá, com certeza estará incompleto e não haverá justiça com os QEs. Que não paguem os atrasados, porém, as promoções são devidas a todos, ativa e inativos.
    Atenciosamente
    J. Rodrigues

  • sergio maio 23rd, 2013 9:50 pm

    boa noite amigo!
    gostaria de recebe as ultimas noticias da pl 4373

  • Francisco C. Carneiro agosto 1st, 2013 1:18 am

    Exmo. Sr. Dep.
    Sou praça da MB do ano de 1980 e fui chamado no ano de 2001 para compor a turma do QESM em 2002, onde no mesmo ano de 2001 fui aprovado no concurso de sargento e por razões que o sistema promocional da Marinha oferecia na época, optei por compor a turma do curso de formação de sargento e não a turma do quadro especial de sargento da marinha (QESM). Gostaria de saber o que devemos fazer para não sermos prejudicados, tendo em vista que colegas do QESM que comporam
    turmas em até anos apos a nossa Turma, e irão ser promovidos a subtenente, ficando assim bem mais graduados que eu e alguns dos meus colegas de turma que fomos para reserva como segundo sargento. mais uma vez, como devemos proceder.

    Atenciosamente: Carneiro

  • gilberto agosto 9th, 2013 11:56 am

    Essa emenda jamais vai sair do papel, acham voceis que os dirigentes estão preocupados com o salario ou carreira de de praças. Não sejam infantis

Leave a Reply