Programa reforça compromisso do País de ampliar fontes renováveis não hidráulicas até 2030

Publicado em | Categorias: Imagem do Dia | Tags: , , .

O lançamento do Programa de Investimento em Energia Elétrica (PIEE), nesta terça-feira (11), é especialmente importante porque reafirma o compromisso assumido em junho, pela presidenta Dilma Rousseff e pelo presidente Barack Obama, de assegurar, até 2030, a participação de 20% de fontes renováveis não hidráulicas na matriz elétrica dos dois países. A avaliação é da presidenta da Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica), Elbia Gannoum.

“Esse plano reforça o que já foi dito pela presidenta e o que o Brasil está fazendo em termos de investimento de energia na construção de um matriz sustentável, segura e competitiva para o Brasil”, afirmou.

Elbia Gannoum disse ainda que a participação da energia eólica está crescendo de maneira virtuosa e deve se tornar até 2023 a segunda fonte na matriz energética. “E essa trajetória está bem descrita no plano. O Brasil deve aproveitar dos seus recursos limpos, renováveis, competitivos e que ainda geram emprego e renda para a população.”

Ela concluiu reafirmando que o potencial eólico do Brasil “é praticamente infinito quando nós consideramos que nós temos outras fontes complementares renováveis e que temos que ter uma matriz diversificada”.

No encontro de junho, Dilma e Obama também expressaram o compromisso de trabalhar entre si e com outros parceiros para superar potenciais obstáculos a um acordo ambicioso e equilibrado na Conferência Mundial da ONU sobre o Clima (COP21), que será realizada em Paris no dezembro próximo.

Fonte: Blog do Planlato


Categorias: Imagem do Dia



Criado por Prumos.com