Temer faz sumir os recursos do Minha Casa Minha Vida

Publicado em | Categorias: Imagem do Dia, Notícias e Destaques |

Segundo último balanço do programa disponível, do Ministério das Cidades, apenas 1.850 unidades de 110.129 foram contratadas no acumulado de janeiro a abril deste ano por famílias com renda mensal de até R$ 1,8 mil. O resultado representa uma redução de 51% na comparação com 2016, período em que em que as contratações já estavam sob responsabilidade do governo golpista de Temer.

As contratações para o público de menor renda (até R$ 1,8 mil), que dependem fundamentalmente de recursos orçamentários, estão cada vez mais escassas. A meta de contratação da chamada faixa 1 neste ano é de 170 mil moradias com prioridade para populações que estão em áreas de riscos ou insalubres, pessoas idosas, famílias chefiadas por mulheres, famílias com bebês vítimas de microcefalia.

Criado em 2009, o Minha Casa, Minha Vida, pelo governo do PT, com Lula e Dilma, entregou moradia para mais de 7 milhões de brasileiros.


Categorias: Imagem do Dia, Notícias e Destaques



Criado por Prumos.com